Jovens emigrantes “à força” lançam manifesto

SXC

-

“Esse país também é nosso” é o nome de um manifesto lançado por jovens emigrantes portugueses qualificados, que pretendem que “a realidade avassaladora da emigração” seja tema de debate nas eleições europeias.

A ideia de lançar o manifesto surgiu da vontade de jovens emigrados “à força” de “fazerem alguma coisa” pelo seu país, numa altura em que se aproximam as eleições europeias (25 de maio), explicou à agência Lusa Rodrigo Rivera.

“Achamos que se está a falar muito pouco da nossa situação enquanto portugueses emigrados à força”, considerando por isso ”importante pautar as eleições europeias” com esta temática, adiantou o jovem, que emigrou com a mulher para o Brasil em setembro.

Para Rodrigo Rivera, é preciso discutir as razões que levam “centenas de milhares de pessoas” a saírem todos os anos de Portugal.

“O último número oficial foi 120 mil. Acho que é uma situação bastante gravosa”, lamentou o jovem, formado em Relações Internacionais.

Não há saídas “dignas” em Portugal

O manifesto “Esse país também é nosso” é assinado por arquitetos, economistas, investigadores, designers e até uma jovem escritora, emigrados em vários países europeus, no Brasil e no Camboja. “Somos todos jovens qualificados, nalguns casos ainda estudantes, e não encontramos nenhuma saída profissional em Portugal que seja digna”, disse Rodrigo Rivera.

Há muitos jovens com mestrados, doutoramentos e que ”não conseguem encontrar um trabalho que pague mais de 500 ou 600 euros e, provavelmente, não é na área deles”, lamentou.

Rodrigo Rivera contou o seu caso: “Saí de Portugal com uma formação em Relações Internacionais, falo quatro idiomas, e não tinha nenhuma chance em Portugal de ganhar um salário com que pudesse sustentar-me dignamente”.

No Brasil, encontrou trabalho numa multinacional no espaço de um mês e ainda “teve oportunidade de rejeitar algumas ofertas de trabalho”, contou, adiantando que a mulher, que é arquiteta, arranjou emprego numa semana. “Em Portugal a situação dela e de muitos outros jovens seria de saltar de estágio não remunerado em estágio não remunerado”, frisou.

“Esse país também é nosso”

No manifesto, os jovens afirmam que encontraram fora de Portugal a oportunidade que o país lhes negou.

“Muitos de nós pertencem à geração mais qualificada de sempre, uma formação conseguida com muitos sacrifícios, pessoais e familiares, mas também com o investimento de todos nos serviços públicos de educação. Um percurso que chocou contra a parede do desemprego e da precariedade”, acrescentam.

Rodrigo Rivera adiantou que o manifesto tem alguns dias e já reuniu cerca de duas dezenas de assinaturas. O objetivo é “chegar a muito mais gente”, porque “a realidade da emigração em Portugal é avassaladora neste momento” e “tem que haver uma reposta política séria a esta situação”.

Para estes jovens, o PSD e PS estão a “apresentar propostas que não são dignas de momento”. “Simplesmente ignoram a nossa situação de portugueses emigrados contra a sua própria vontade e ignoram também que queremos voltar para Portugal”, justificam.

Rodrigo Rivera frisou que estes jovens querem “mesmo voltar” para Portugal: “Temos saudades do nosso país, queremos contribuir para o seu desenvolvimento e vemo-nos obrigados a viver fora do país.”

“Nós rejeitamos completamente este modelo de desenvolvimento do país, que tem tudo menos pés para andar”, acrescentou.

Sobre a intenção do Governo de incentivar “jovens cérebros” estrangeiros a virem estudar para Portugal, Rodrigo Rivera disse que “é uma grande falácia”.

“Ao mesmo tempo que dizem que querem fazer isso, estão a expulsar jovens mais do que qualificados, formados em Portugal, e criaram um estatuto especial de estudante estrangeiro que vai reduzir a diversidade internacional das nossas universidades com propinas exorbitantes para estes estudantes”, considerou.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Jesus orientou primeiro treino no Flamengo, pediu compromisso e deu lição

O treinador português Jorge Jesus iniciou hoje a ‘aventura’ na equipa de futebol do Flamengo, pedindo aos jogadores “compromisso” em prol do conjunto do Rio de Janeiro, antes de orientar o primeiro treino dos ‘rubro-negros’. “O …

Maher e Safa deixaram sonhos para trás. Mas reencontraram a paz em Portugal

Os sonhos de Maher e de Safa ficaram adiados com a guerra na Síria, mas reencontraram a paz em Portugal, onde residem há dois anos ao abrigo de um programa de acolhimento de refugiados. É no …

São Francisco poderá ser a primeira cidade a proibir venda de cigarros eletrónicos

Se esta decisão for aprovada pela FDA, São Francisco vai tornar-se a primeira cidade a banir a venda de cigarros eletrónicos. De acordo com o Observador, a Câmara de Supervisores de São Francisco, nos EUA, aprovou uma …

Nunca houve tantos deslocados no mundo. São mais de 70 milhões

Um novo recorde foi quebrado no mundo em 2018, com 70,8 milhões de pessoas deslocadas das suas casas ou dos seus países, devido às guerras ou perseguições, anunciou esta quarta-feira as Nações Unidas. O relatório anual …

A monogamia foi inventada pelas mulheres (e o casamento, pelos homens)

A poligamia é natural no ser humano e a monogamia foi criada por imposição para a mulher, diz o investigador português Rui Diogo, que usa a ciência e a história para explicar a relação entre …

Morreu o DJ Zdar do duo electrónico Cassius. Caiu da janela de um prédio em Paris

O músico, produtor e DJ francês Philippe Cerboneschi, mais conhecido por Zdar, morreu aos 50 anos após ter caído da janela de um apartamento em Paris. O seu agente confirmou a "queda acidental" sem revelar …

PS quer o Estado a pagar licença sabática aos portugueses para voltarem a estudar

A criação de uma licença sabática para qualificar trabalhadores e um sistema de prémios e penalizações para combater a desigualdade salarial são medidas que o PS inclui no seu projecto de programa eleitoral. O director do …

Putin reconhece: as condições de vida dos russos pioraram nos últimos anos

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, admitiu esta quinta-feira que as condições de vida no país pioraram nos últimos anos, mas assegurou que as autoridades russas trabalham para reverter essa tendência, e enumerou os primeiros …

Marcelo, o "verdadeiro professor", é estrela em promo de La Casa de Papel

O novo vídeo promocional de La Casa de Papel tem um protagonista improvável. Marcelo Rebelo de Sousa, ou, na verdade, uma imitação do Presidente da República, faz uma chamada para a inspetora Raquel. Na chamada telefónica, …

Num só dia, derreteu 40% da área superficial da Gronelândia (e há fotografias)

Uma fotografia divulgada no Twitter do climatologista dinamarquês Rasmus Tonboe ilustra o degelo que ocorre na Gronelândia, evidenciando algumas das consequências que podem ser desencadeadas pelo fenómeno.   A imagem, que mostra um trenó a ser …