Jovem saudita detido por se manifestar aos 10 anos poupado à pena de morte

(dr) Murtaja Qureiris

Murtaja Qureiris

 

O jovem de 18 anos Murtaja Qureiris que havia sido condenado à pena de morte na Arábia Saudita foi poupado à execução e acabou por ser sentenciado a 12 anos de prisão.

O caso é revelado pela CNN que conta que o adolescente foi preso aos treze anos por motivos políticos. Deverá ser libertado em 2022 porque já cumpriu uma parte da pena e ficará provavelmente ainda com três anos de liberdade condicional. Desde que o canal norte-americano revelou este caso tem havido grande pressão internacional sobre o governo saudita para evitar a pena de morte.

Qureiris tinha dez anos quando cometeu um dos crimes de que é acusado. O caso é relativo a 2011, quando Murtaja Qureiris, juntamente com mais um grupo de crianças, andava pelas ruas de uma cidade saudita de bicicleta. Poderia parecer uma mera brincadeira de crianças, mas tudo mudou quando Murtaja pegou num megafone e gritou “As pessoas exigem direitos humanos!“.

Murtaja também é acusado de juntamente com o seu irmão ter incendiado um quartel da polícia de Awamiya ao arremessar um cocktail Molotov. A idade de responsabilidade criminal na Arábia Saudita não é clara, mas em 2006, o país defende que não executa pessoas que tenham cometido crimes abaixo da idade de 12 anos. Também o acusam de ter participado no funeral do irmão, que se transformou num comício contra o governo.

Murtaja foi julgado pelo Ministério Público, que o acusa de “pertencer a um grupo terrorista extremista”. Além disso, querem que seja executado da maneira mais penosa possível, que pode incluir crucificação e até mesmo desmembramento depois da execução.

O jovem sempre negou as acusações de que foi alvo e alega que as confissões, nas quais se baseia o Ministério Público, foram obtidas sob coação. Quando foi detido há cinco anos, Qureiris foi considerado como o mais jovem preso político do país. Nada fazia prever que aos 18 anos de idade enfrentasse pena de morte e corresse o risco de ser executado.

A Arábia Saudita é um dos países com uma das maiores taxas de execução e é frequentemente criticada por executar pessoas que eram menores de idade na altura em que cometeram os crimes. O país executou 37 pessoas em abril.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas desmascaram teoria comum sobre canhotos

Desde sempre houve muitas alegações sobre o que significa ser canhoto e se muda o tipo de pessoa que alguém é — mas a verdade é quase um enigma. Mitos sobre a lateralidade aparecem ano após …

Arranca a greve na Ryanair. Empresa não descarta atrasos ou mudanças de voos

Os tripulantes da Ryanair começam esta quarta-feira uma greve de cinco dias, até domingo, convocada pelo Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) e que conta com serviços mínimos decretados pelo Governo. Nesta …

O navio Open Arms já atracou em Lampedusa

O navio Open Arms chegou ao porto da ilha de Lampedusa por volta da meia-noite, hora italiana, depois do procurador de Agrigento, Luigi Patronaggio, ter ordenado a apreensão do navio e o desembarque imediato dos …

Fernando Haddad condenado a quatro anos e meio de prisão

O ex-prefeito de São Paulo e antigo candidato às Presidenciais brasileiras foi condenado a quatro anos e seis meses de prisão, em regime semiaberto, por recursos financeiros não declarados durante a eleição municipal de 2012. Fernando …

Reunião com motoristas termina sem acordo. Há troca de acusações e uma nova greve à vista

Falhou esta terça-feira o acordo para iniciar um processo de mediação entre Antram, que representa as empresas, e o Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP). A Antram acusou, esta terça-feira, o Sindicato dos Motoristas …

Alzheimer ataca regiões do cérebro que nos mantêm acordados durante o dia

Demasiadas sonecas durante o dia são um dos primeiros sinais externos do Alzheimer, embora seja difícil dizer por que isso acontece. Alguns cientistas sugeriram que a doença perturba as regiões do cérebro que promovem o …

Caminhar e correr torna-se agora mais fácil com estes novos calções robóticos

Cientistas da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, criaram uns calções robóticos que nos fazem sentir até sete quilos mais leves quando estamos a caminhar ou a correr. Esta invenção poderá ajudar pessoas que caminhem …

Imagens da NASA mostram que a Lua brilha mais do que o Sol

Se os nossos olhos pudessem ver radiação altamente energética chamada raios-gama, a Lua pareceria mais brilhante do que o Sol. É assim que o Telescópio Espacial de Raios-gama Fermi da NASA tem visto o nosso …

Novo estudo adensa mistério sobre "Lago dos Esqueletos" nos Himalaias

Esqueletos humanos encontrados no lago Roopkund, na Índia, pertenceram a pessoas de origens várias, algumas do Mediterrâneo, que morreram em eventos separados por mil anos. O lago Roopkund, na Índia, é famoso por terem sido descobertos …

Livro que pertencia à biblioteca particular de Fernando Pessoa vai a leilão

Um livro que pertenceu à biblioteca particular de Fernando Pessoa foi colocado à venda na leiloeira BestNet Leilões, que funciona apenas online. O leilão n.º 2291 só termina na segunda semana de setembro, mas o valor …