Jantar de encerramento da Web Summit no Panteão Nacional “é absolutamente indigno”

Uma fotografia partilhada nas redes sociais tem causado grande revolta por mostrar que o jantar de encerramento da maior feira tecnológica do mundo, a Web Summit, aconteceu na noite de sexta-feira no Panteão Nacional.

Acaba a Web Summit e começa a F.ounders, um evento à porta fechada apenas para grandes líderes tecnológicos. No ano passado, o jantar de encerramento (e, ao mesmo tempo, de abertura deste segundo evento) ocorreu na Penha Longa, em Sintra.

Este ano, as redes sociais têm partilhado uma fotografia que dá conta que o jantar terá ocorrido no Panteão Nacional. Os utilizadores revoltaram-se e não foram os únicos, com António Costa, primeiro-ministro, a emitir um comunicado no qual repudia a situação.

“A utilização do Panteão Nacional para eventos festivos é absolutamente indigna do respeito devido à memória dos que aí honramos”, disse o primeiro-ministro, dando força às palavras do diplomata Seixas da Costa, que também já tinha censurado a realização do jantar naquele local.

“Apesar de enquadrado legalmente, através de despacho proferido pelo anterior Governo, é ofensivo utilizar deste modo um monumento nacional com as características e particularidades do Panteão Nacional”, diz a nota do gabinete de António Costa.

Desde 2014 que é possível utilizar certos monumentos para eventos privados mediante pagamento. O Regulamento de Utilização de Espaços nos Serviços Dependentes foi aprovado pelo governo de Pedro Passos Coelho, com o objetivo de uma “rentabilização assente na qualidade e, sobretudo, na salvaguarda da sua especificidade e prestígio”, indicava a nota governativa que circulou na altura.

Depois da entrada em vigor da legislação, passou a ser possível arrendar 23 monumentos e imóveis afetos à Direção-Geral do Património.

Agora, “para que situações semelhantes não voltem a repetir-se”, António Costa informa que, “tal como foi divulgado pelo Ministério da Cultura, o Governo procederá à alteração do referido despacho”, na esperança de que não se voltem a violar “a história, memória coletiva e os símbolos nacionais”.

De acordo com o Dinheiro Vivo, num dos vídeos divulgados, é possível ver Paddy Cosgrave a falar na zona central da sala, dirigindo-se aos convidados. “É o que tentamos fazer: arranjar espaços incríveis“, indica o CEO da Web Summit, responsável também pela organização da F.ounders.

Fundador da Web Summit pede desculpa

Paddy Cosgrave, fundador da Web Summit, pediu desculpa por ter usado o Panteão Nacional para o jantar de encerramento da maior feira tecnológica do mundo.

O responsável explica que, sendo irlandês, culturalmente, tem uma abordagem em relação à morte muito diferente da portuguesa. “Eu amo este país como se fosse uma segunda casa e nunca teria a intenção de ofender os grandes heróis do passado de Portugal”, escreveu no Twitter.

Paddy Cosgrave explica ainda que “foi um jantar organizado de acordo com as regras do Panteão Nacional e realizado com respeito“. A ideia era “tentar honrar a história de Portugal”, acrescenta.

Cosgrave conta que, na Irlanda, a morte é celebrada e que, no passado, “o jantar mais importante dos fundadores teve lugar na Catedral Christ Church, em Dublin.

ZAP //

PARTILHAR

13 COMENTÁRIOS

    • Então não viste? O anterior governo está morto e enterrado há 2 anos, mas até isto é culpa dele!
      Não há nada neste país que seja responsabilidade deste governo. Nem que este governo pudesse ter feito alguma coisa para evitar ou corrigir. A culpa é toda do outro. Ainda e sempre!
      Apre!

  1. A coligação de interesses (exploradores/corruptos/parasitas), entre outras decisões, assumiu esta vergonha para ir buscar dinheiro, mesmo no espaço onde repousam os nossos heróis, não há adjetivos para classificar este ato e por isso, o atual governo, terá que reverter mais está vergonha.

  2. Não tens de pedir desculpa Paddy Cosgrove. Até parece que não conheces os políticos cá do burgo. Só fazem é merdice, maria alice, e depois é ver estes tipos a sacudirem a água do capote, todos eles. Politica porca.
    A Amália Rodrigues até gostou. Pensou estar comendo caracolitos, com os espanholitos. Quem não ficou lá muito satisfeito com o assunto, foi o grande Eusébio. Eles esqueceram os tromoços que ele adorava. Não lhes perdoa para toda a eternidade.

  3. Desculpem lá, mas qual é o problema?
    Tomáramos nós!….
    O jantar foi feito de uma forma elegante e calma como mostra nas fotos, não vejo onde Vocês vêm o desrespeito.
    Que mentalidade tão tacanha.

RESPONDER

Sporting 2 - 1 Braga | Leão entra em 2021/22 a rugir

O Sporting parece querer manter a senda de sucesso da época passada e entrou em 2021/22 com o pé direito. Os “leões” bateram o Sporting de Braga por 2-1, num jogo que valeu, sobretudo, pela primeira …

Ensinar crianças a dizer palavrões? Uma cientista acha que é boa ideia

A auto-intitulada "cientista dos palavrões" acredita que ensinar as crianças a usá-los de forma eficiente ajuda os mais novos a perceber como este palavreado afecta outras pessoas. Já se sabia que dizer palavrões é um sinal …

Fósseis misteriosos podem ser uma das provas mais antigas de vida animal na Terra

Elizabeth Turner, cientista numa universidade do Canadá, poderá ter encontrado a prova mais antiga de vida animal na Terra. Uma cientista encontrou possíveis sinais de vida animal multicelular em restos de recifes microbianos de há 890 …

E se o mundo entrasse em colapso? Cientistas descobrem qual o país onde há maior probabilidade de sobreviver

Caso a civilização entre em colapso - uma possível consequência das alterações climáticas - os cientistas já descobriram qual o lugar do mundo onde há maior probabilidade de sobreviver: é na Nova Zelândia. Numa pesquisa, dois …

"Dança quem está na roda", responde Marcelo sobre ausência de Bolsonaro

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse este sábado que "dança quem está na roda" quando questionado pelos jornalistas sobre a ausência do homólogo brasileiro, Jair Bolsonaro, da cerimónia de reinauguração do Museu …

Todos os anos, esta cidade italiana entrega sal ao Papa em mãos

O Sal de Cervia, também conhecido como "sal do Papa", é-lhe entregue todos os anos em mãos. A tradição sofreu algumas interrupções até ter sido recuperada pelo Bispo Mario Marini, que serviu no Pontificado de …

A colisão secreta entre navios soviéticos e britânicos podia ter tido um desfecho drástico

Colisão aconteceu durante um dos períodos mais quentes da Guerra Fria e foi camuflado pela marinha britânica, que tratou de fazer regressar a sua embarcação à base de Devonport durante a noite para evitar dar …

Esta garrafa de tequila demorou seis anos para ser desenvolvida (e contém ouro)

A Clase Azul Spirits é uma empresa que comercializa tequila e está a preparar uma edição limitada para homenagear o legado artesanal do México - de onde a bebida é originária. A 2 de agosto, a …

Covid-19. Milhares de franceses protestam contra passe sanitário

Milhares de pessoas concentraram-se este sábado em Paris para protestar contra o passe sanitário — certificado de vacinação contra a covid-19 que passa a ser obrigatório para entrar em vários locais —, tendo a polícia …

"Toque de Midas" científico. Químicos transformam água purificada em metal dourado

Esta nova descoberta ajuda a entender o estado de transição da água e pode vir a ser importante no estudo de planetas como Neptuno ou Urano. Numa experiência alucinante, cientistas conseguiram transformar água purificada num metal …