Jaime Marta Soares exige demissão. Bruno de Carvalho contra-ataca

António Pedro Santos / Lusa

O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho

O presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting considerou “esgotadas as hipóteses de manutenção” de Bruno de Carvalho na presidência do Sporting. O dirigente contra-ataca e pede, por sua vez, a demissão de Jaime Marta Soares.

“Os sócios deram um sinal, disseram aquilo que querem, por isso, ou o próprio Bruno de Carvalho toma a melhor atitude para respeito do que os sócios querem ou nós utilizaremos toda a nossa competência estatutária para fazer regressar a paz ao Sporting”, afirmou Jaime Marta Soares.

No domingo, no jogo frente ao Paços de Ferreira em que os jogadores leoninos foram aplaudidos e o presidente assobiado, Bruno de Carvalho acusou os adeptos ‘verde e brancos’ de serem “ingratos e de memória curta”, remetendo os pedidos de demissão para as reuniões magna do clube.

“Vim aqui porque acho que nós temos o direito de mostrar os nossos descontentamentos. Agora, o que não é admissível é o facto de me adjetivarem. Se querem demissão, há um sítio próprio. Agora, não aceito que me chamem nomes“, começou por dizer o dirigente leonino no auditório Artur Agostinho. “Quem, de facto, me chamou tem que depreender que não andei na escola com eles, nem comi no mesmo prato. Peço que vão chamar nomes à família deles”.

Esta ingratidão é de memória curta, faz parte da cultura do Sporting. Tenho a certeza que quem fez isto ainda não leu o post. Vão muito cedo para as roulotes e quando lerem vão perceber. Continuo a achar que o post é perfeitamente normal e tudo isto é normal”.

Questionado sobre se o presidente tem condições para continuar na liderança do clube, o líder da Mesa da Assembleia Geral do clube foi perentório: “Pelo que se viu ontem no estádio, não”.

Os clubes ficam e as pessoas passam e o que têm a fazer é deixar história do seu passado – e Bruno de Carvalho deixa -, mas isso não lhes dá o direito de pensarem que o clube é propriedade de alguém a não ser dos sócios. Ninguém pode pensar de outra forma, a partir do momento que se tem outra interpretação, não se está a respeitar o que é o desejo de todos”, frisou o presidente da Mesa da Assembleia Geral.

“Por isso, na minha opinião, estão esgotadas as hipóteses de manutenção da atual presidência, para o Sporting retomar a paz que se impõe e se deseja. O tempo urge, não há tempo a esperar, e eu espero que ele tenha consciência disso”, acrescenta.

Bruno de Carvalho contra-ataca

No Facebook, esta manhã, o presidente do Sporting, que disse estar “a caminho do hospital” (recorde-se que ontem o dirigente saiu do relvado com uma alegada dor de costas), já reagiu às declarações de Marta Soares.

“O Dr. Jaime Soares criou a maior confusão vista na história do Sporting CP, ao conduzir, de forma infantil e incompetente, uma AG. Com essa sua atuação, provocou a necessidade na Direção de fazer uma nova AG. E eu a vir a público defender um homem que não tem defesa possível. Este foco de problemas vem agora ameaçar-me“.

“Eu tinha-o avisado que mais uma dele e quem pediria a sua saída seria eu e não apenas os Sócios, como o fizeram, de forma esmagadora, só o mantendo porque eu o pedi. Escusa de reunir a MAG que, diga-se, nunca se reviu nele nem esteve a seu lado, pois serei eu a pedir novamente à Direção para se fazer uma AG para os sócios se voltarem a pronunciar sobre nós e, separadamente, sobre os Presidentes da MAG e do CFD. Se os Sócios não tiverem a memória curta, sairá pela porta pequena como em Poiares“.

Mais tarde, o dirigente voltou ao ataque na mesma rede social. “A vida tem coisas engraçadas”, começa por dizer. “Ontem, o Jaime Soares dava-me palmadinhas nas costas, e desejava-me as melhoras e que hoje fosse um dia muito bom para mim e para a ‘Joaninha’. De repente, o poder caiu na rua e já veio atraiçoar quem sempre o defendeu. E colocou em perigo coisas importantíssimas da SAD“.

O presidente do Sporting anunciou ainda que vai deixar de escrever este tipo de posts. “Querem viver na ignorância e sem defesa à altura das necessidades do nosso Clube? Se o Sporting CP fica mais forte desta forma, seja feita a vontade da maioria”.

“Não cedo um milímetro no meu amor a este Clube, à sua defesa, mas para mim terminou de vez esta guerra surda de vos querer manter informados pelo meu único canal de informação próprio, o meu Facebook. E estou ansioso por ver esse exército pronto para a luta, essa militância inquestionável, onde desde rivais, políticos, comunicação social, Ministério Público, Clubes, Liga, Federação, entre tantos, vão estar-se nas tintas, como sempre estiveram, até chegar esta Direcão”.

“Que este meu afastamento do Facebook seja a vossa felicidade! E eu que sempre julguei que seria o sermos campeões em tudo. Ingénuo! Quinta-Feira lá nos veremos, com assobios mas sem insultos. Eu quero é que o Sporting CP ganhe o resto… O resto é isso mesmo, efémero… Viva o Sporting CP, e o resto não interessa!”, conclui.

Jesus esteve “sempre do lado dos jogadores”

Na conferência de imprensa no final do jogo, o treinador do Sporting usou a palavra “dignidade” para qualificar o plantel, que passou por uma “semana complicada”.

Segundo a TSF, Jorge Jesus sentiu a equipa “fisicamente carregada” e “emocionalmente desconfiada” mas sublinhou que a vitória foi “importante face a tudo o que aconteceu”.

“Eu tinha que defender o clube e os jogadores, estive sempre do lado dos jogadores“, garantiu o técnico leonino. “Quem faz crescer os clubes são os jogadores, as pessoas têm de se convencer disso!”, referiu ainda aos jornalistas, citado pela rádio.

Por sua vez, o guarda-redes e capitão do Sporting desvalorizou mais um comunicado no Facebook do presidente, afirmando que a missão dos futebolistas é “treinar e jogar”.

O nosso foco é treinar e jogar e foi isso que fizemos hoje. Focámo-nos ao máximo para este jogo e conseguimos a vitória, que era o mais importante disto tudo. Era ganhar e é para isso que lutamos todos os dias”, disse Rui Patrício.

“Estamos aqui para trabalhar e dar o nosso máximo em prol do Sporting. É isso que fazemos”, reafirmou, acrescentando: “Trabalhamos todos os dias para fazermos as coisas perfeitas. Sabemos que nem sempre as coisas correm como queremos, mas vamos continuar a dar o máximo em prol do Sporting”.

O número 1 dos leões deixou claro que os jogadores foram um “grupo unido” e que sabem o que têm de fazer. “Trabalhar, dar o nosso máximo, em todos os treinos, em todos os jogos, é isso que vamos continuar a fazer até ao final da época”, frisou.

O guarda-redes titular da seleção frisou ainda que o plantel vai “lutar” pelas competições em que o clube ainda está envolvido. “Ainda estamos em três competições e agora vamo-nos focar no jogo de quinta-feira. O nosso objetivo é passar e estamos focados nisso”.

Sempre sentimos o apoio dos adeptos, pois é para ele que nós jogamos. Nós damos o nosso melhor pelos adeptos, porque o Sporting é isso. São esses adeptos que nos acompanham em todos os jogos, que querem que nós demos o máximo e nós também queremos dar o máximo por causa deles”, finalizou.

Como começou a crise no Sporting

Bruno de Carvalho criticou, na passada quinta-feira, as exibições de alguns jogadores do Sporting, a seguir à derrota em casa do Atlético de Madrid (2-0), na Liga Europa.

Na sexta-feira, 19 jogadores do plantel, entre os quais Rui Patrício, William Carvalho, Fábio Coentrão, Coates, Gelson Martins e Bruno Fernandes, divulgaram um comunicado em que manifestaram “desagrado” com as críticas do presidente do clube.

Em resposta, o dirigente partilhou um texto no Facebook em que suspendia os jogadores que subscreveram o comunicado e fazia saber que teriam de enfrentar a disciplina do clube.

No sábado, o treinador da equipa afirmou que os futebolistas não receberam qualquer nota de suspensão por parte do clube e garantiu que Bruno de Carvalho lhe deu “liberdade para convocar os jogadores” que entendesse para o jogo com o Paços de Ferreira.

Antes do encontro, Bruno de Carvalho voltou a colocar um ‘post’ no Facebook a criticar os futebolistas, afirmando que “serão mantidos os processos disciplinares” aos jogadores, que mancharam “o bom nome do presidente e do clube”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. Este Bruco C—— é do pior que há. Já devia ter ido embora, parece um adolescente, não tem capacidade nem categoria p/ estar á frente do Sporting (não sou sportinguista) mas até mete dó ver o que este anormal publica no facebook . Tenho pena das crianças que deste senhor são filhos… é de ter VERGONHA … Cresce, deixa de ser um miúdo com birras, aprende a conversar, respeitar p/ ser respeitado.

  2. Até que enfim que se percebeu que os problemas sérios não se resolvem no meio do ruído das redes sociais ou da praça pública. Boa decisão. Espero que seja consistente.

  3. Não há muito a fazer quando uma pessoa teima em não cair em si e continua numa roda viva de cenas que em nada abonam a seu favor.
    São já tantas as polémicas em que este senhor se envolveu, e provavelmente ainda virão aí muitas mais, que de facto parece um caso perdido.
    Não tem postura, não tem categoria, não tem educação, não tem bom senso, não sabe estar, não sabe uma das coisas mais necessárias a quem exerce cargos de destaque na sociedade, e essa coisa é saber quando se deve calar.
    Depois de ter passado uma semana inteira a insultar o presidente do Braga com todo o tipo de impropérios (e isto para não ir buscar muitos mais exemplos anteriores), vem agora dizer a quem o insulta que não comeu do mesmo prato, não andou na mesma escola e que vão insultar os seus familiares… Chega a dar pena que um homem adulto e chefe de família, não tenha noção do ridículo e não perceba que os seus familiares é que devem, e vão com certeza, sentir-se insultados ao ver este tipo de cenas tristes e lamentáveis.

  4. Espero que este senhor se mantenha largos anos a frente do SPC.
    Melhor só mesmo aparecer um igual a frente do FCP quando o Pintinho bater as asinhas.

    Rumo ao PENTA

  5. Força BURRO DE CARVALHO!!! Dá-lhe forte e feio, acaba com o futebol profissional do Sporting, dedica-te só ás modalidades desportivas, o futebol profissional é para homens do futebol, tu és um saloio, um ressabiado, um ignorante que não percebe nada de gestão desportiva.
    SPORTINGUISTAS corram com este “menino birrento “, ele é um incendiário do futebol, ele só faz mal ao futebol do Sporting e ao futebol Português, ele está a destruir o vosso Sporting.
    Força SLB, rumo ao PENTA Campeonato!

  6. Amigos SPORTINGUISTAS o nosso SPORTING anda nas bocas do mundo pelas piores razões, o presidente arranja guerras com ele próprio, dispara para todo o lado, agora até se mete com os jogadores que tanto dão ao clube, ele é um mercenário do nosso clube, é um falhado e um falido que se meteu no futebol para viver do SPORTING.
    Vamos correr com ele, está a fazer mal a todos nós…
    VIVA O SPORTING!!!

  7. Este “senhor” bruno de carvalho tem de ser corrido do nosso SPORTING.
    Ele é um pirotécnico, um bombista, que não tem noção do que faz.
    Ele é um parasita do nosso SPORTING. Veio da sociedade civil completamente falido.
    FORÇA SPORTING!
    VIVA O SPORTING!

  8. O “senhor” Bruno de Carvalho precisa de repousar em paz!
    Que descanse em paz,… como diz o outro.
    Força Sporting.

  9. Temos que correr com o Bruno de Carvalho!
    Ele está a desvalorizar o património do nosso Sporting, como é que ele pensa em atacar os jogadores que são os activos mais valiosos do nosso Sporting? Os accionistas tem de estar atentos porque assim como ele destruiu as empresas por onde passou, também atira o Sporting para o fundo, ele não tem noção do que faz porque é um “menino arrogante e complexado”.
    Toda a vida assim foi.
    Vamos prá frente Sporting.

    • Força SPORTING!
      Os jogadores mostraram que eles são o melhore que o Sporting tem.
      O Bruno de Carvalho está ligado à máquina porque o Jorge Jesus assumiu o cargo de presidente.
      Quem segurou o Sporting foi o Jorge Jesus, o Bruno de Carvalho já não tem moral para dizer mais nada e perdeu o respeito dos verdadeiros sportinguistas, o “menino” é um incompetente que não sabe gerir um clube de futebol, assim como arruinou as empresas por onde passou também o faz no Sporting.
      Corram com a “criançinha” birrenta! Não o deixem fazer mal ao Sporting!

RESPONDER

João Félix coloca Benfica nas meias-finais da Taça

Um golo de João Félix, aos 14 minutos, bastou para o Benfica garantir hoje o apuramento para as meias-finais da Taça de Portugal em futebol, no encontro dos quartos de final com o Vitória de …

Hernâni marca no final do prolongamento e apura FC Porto para as 'meias' da Taça

O FC Porto, da I Liga, apurou-se hoje para as meias-finais da Taça de Portugal em futebol, após derrotar no prolongamento o Leixões, da II Liga, por 2-1, com Hernâni a fazer o golo do …

Eleito o destino turístico mais barato para 2019 (e Portugal fica à espreita)

O complexo Sunny Beach, na Bulgária, foi eleito o destino mais barato para turistas em 2019, de acordo com um estudo levado a cabo pela British Post Office, que analisou preços dos 42 pontos turísticos mais …

Netflix está a ser processada por causa de "Bandersnatch"

O episódio interativo de Black Mirror, que estreou no final do ano passado, não agradou à Chooseco, a editora responsável pela série de livros Escolhe a tua Aventura. A 28 de dezembro estreou o mais recente …

Piloto belga "admitiu" ter assassinado o secretário-geral da ONU em 1961

Dag Hammarskjöld, secretário-geral da ONU, morreu na queda de um avião quando tentava negociar a paz no Congo, e o desastre continua a ser investigado até hoje É um mistério com mais de cinco décadas cujo …

Acordo para o Brexit chumbado. Plano de May esmagado no Parlamento

O Parlamento britânico chumbou, por uma esmagadora maioria, o acordo de saída da União Europeia negociado pela primeira-ministra Theresa May. O líder da oposição, o trabalhista Jeremy Corbyn, aproveitou a derrota histórica de May para …

Senador italiano chamou “orangotango” a antiga ministra e foi condenado a pena suspensa

A justiça italiana condenou esta segunda-feira o senador da extrema direita Roberto Calderoli a 18 meses de prisão, com pena suspensa, por comparar, em 2013, a ministra da Integração, Cécile Kyenge, com um "orangotango". O tribunal …

Num restaurante do Dubai, deixar comida no prato dá multa (e é mais cara que a refeição)

Com o Dubai a tornar-se mais consciente do desperdício de alimentos, um restaurante lembrou-se de uma maneira de fazer com que os clientes não deixem comida no prato. O restaurante Gulou Hotpot, em Al Barsha, uma …

Roma e a Igreja em guerra milionária por causa das moedas da Fontana di Trevi

As moedas que os turistas lançam à Fontana di Trevi, um dos rituais mais populares entre quem visita Roma, está a causar problemas na relação entre a Igreja e a capital italiana. A câmara de Roma …

Frente Comum marca greve nacional da função pública

Os sindicatos da Frente Comum da Administração Pública decidiram marcar uma greve nacional para o dia 15 de fevereiro, anunciou Ana Avoila no final de um plenário realizado esta terça-feira em Lisboa. “Foi decidido marcar um …