EUA confirmam: Meio-irmão de Kim Jong Un foi morto com o agente VX

Os EUA determinaram que o meio-irmão do dirigente norte-coreano Kim Jong Un foi assassinado pelo regime da Coreia do Norte com o agente VX, uma substância neurotóxica.

A investigação norte americana confirmou que o meio-irmão do dirigente norte-coreano Kim Jong Un foi assassinado pelo regime com o agente VX, uma substância neurotóxica, indicou esta terça-feira a porta-voz do Departamento de Estado, em comunicado.

Esta conclusão desencadeou a aplicação pelos Estados Unidos de novas sanções económicas contra a Coreia do Norte, quando a Coreia do Sul indicou que os dirigentes de Pyongyang estavam dispostos a discutir a desnuclearização com os norte-americanos.

Durante o julgamento das duas mulheres acusadas pelo crime, uma especialista afirmou que o meio-irmão do líder da Coreia do Norte carregava um medicamento que poderia ser utilizado como antídoto ao VX, o agente com o qual foi assassinado na Malásia.

Kim Jong-nam tinha 12 comprimidos de atropina na sua mochila quando foi atacado, no dia 13 de fevereiro de 2017, no aeroporto internacional de Kuala Lumpur. Contudo, acabou por morreu poucos minutos depois da agressão com o VX, uma versão altamente letal do gás sarin e considerada uma arma de destruição em massa.

O único uso conhecido do agente VX é em contextos de guerra química e o Centro para o Controlo e Prevenção da Doença (CDC, na sigla inglesa) dos Estados Unidos descreve-o como “o mais potente” de todos os agentes que atuam sobre o sistema nervoso.

A indonésia Siti Aisyah e a vietnamita Thi Huong foram julgadas pelo assassinato na Alta Corte de Shah Alam. As jovens foram detidas pouco depois do crime e declararam-se inocentes no início do julgamento, alegando que foram enganadas e que acreditavam estar participar em um programa de televisão de apanhados.

Imagens das câmaras de segurança do aeroporto mostraram as duas mulheres a aproximarem-se de Kim por detrás e o momento em que jogaram um líquido no rosto da vítima. Se forem declaradas culpadas, podem ser condenadas à pena de morte.

Desde o início do caso, a Coreia do Sul acusa a Coreia do Norte de ter planeado o assassinato, o que Pyongyang nega.

Uma espécie de pesticida com esteroides

O VX é um agente altamente tóxico sem odor, sem sabor, mas absolutamente letal.  “Podem imaginar o VX como uma espécie de pesticida com esteroides, uma substância extraordinariamente tóxica”, explicou Bruce Bennett, especialista em armas do instituto de pesquisa Rand Corporation dos Estados Unidos, em declarações à Reuters.

Segundo o Público, o VX é classificado pelo Council on Foreign Relations como o “agente químico mais fatal alguma vez criado”, que é rapidamente absorvido pelo corpo, dificultando a eficácia de um antídoto.

Uma porção mínima deste agente é o suficiente para matar uma pessoa, daí ser fácil de transportar em pequenas quantidades e difícil de ser detetado na segurança do aeroporto.

Os agentes neurotóxicos inibem o funcionamento de uma enzima e estimulam em excesso as glândulas e os músculos. Isto faz com que os fatigue muito rapidamente e, em poucos momentos, o indivíduo exposto ao químico fica com dificuldades em respirar, náuseas, perde a consciência e entra em paragem cardíaca ou respiratória.

Além da dosagem, os sintomas dependem da forma como entra no organismo: inalado, ingestão ou por contacto com a pele ou olhos.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Mais seis mortes e 232 novos casos de covid-19 em Portugal

Portugal regista, nesta segunda-feira, mais seis mortes por covid-19 e mais 232 novos casos, dos quais 195 na região de Lisboa e Vale do Tejo. O boletim epidemiológico desta segunda-feira, divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS), …

Quebras no turismo triplicam desemprego no Algarve

O desemprego no Algarve aumentou mais de 200% em maio para quase 28 mil desempregados, atingindo sobretudo o setor da hotelaria, que desespera pela chegada de turistas para atenuar o "golpe" de quase três meses …

Marques Mendes elogia "voz independente" de Medina (e diz que a TAP pode ser um crematório político)

Luís Marques Mendes elogiou neste domingo as críticas que o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, fez ao combate à pandemia, considerando ainda que a resolução da TAP, que culminou na saída de David …

O “Grenadier” já não vai ser português. Fabricante automóvel Ineos desiste de fábrica em Estarreja

A INEOS Automotive, empresa do ramo automóvel, transmitiu à Câmara de Estarreja que vai suspender o investimento de 300 milhões de euros numa fábrica no concelho, revelou este domingo fonte municipal. "A empresa transmitiu à Câmara …

Grécia e Austrália recuam na abertura de fronteiras. Marrocos isola cidade após recorde de casos

Grécia e Austrália anunciaram neste fim-de-semana um recuo na abertura das suas fronteiras, enquanto que Marrocos isolou uma cidade após um número recorde de novas infeções de covid-19 registadas em 24 horas. A Grécia anunciou …

Dinheiro dos pobres usado para "vida de luxo". Presidente, mulher e filha da Mão Amiga acusados

O presidente da Associação Mão Amiga, em Gulpilhares, Vila Nova de Gaia, a mulher e a filha foram acusados pelo Ministério Público (MP) de usarem o dinheiro da instituição para pagarem uma "vida de luxo". …

Fisco tem por cobrar 15 mil milhões de euros em impostos

O Jornal Económico escreve esta segunda-feira que a Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) tem por cobrar 14.919 milhões de euros em impostos. De acordo com o diário de economia, mais de metade da dívida dos contribuintes está …

"Armada espanhola" assegura 70% do mercado das obras públicas em Portugal

As empresas espanholas estão a assegurar 70% do mercado das obras públicas em Portugal, escreve esta segunda-feira o jornal Público, citando uma análise ao Portal Base, às obras públicas acima de sete milhões de euros No …

"Oitavos" da Liga dos Campeões não vão ser jogados em Portugal

A UEFA cedeu à pressão dos clubes e decidiu que os encontros da segunda mão dos oitavos-de-final vão ser disputadas nos respetivos estádios dos clubes. Os encontros por jogar relativos aos oitavos-de-final da Liga dos Campeões …

Turmas repartidas e aulas ao sábado. O que muda no novo normal do Ensino Superior

Para o regresso às aulas do Ensino Superior no próximo ano letivo, as universidades estão a preparar medidas que permitam cumprir as regras sanitárias e zelar pela aprendizagem dos seus alunos. Se tudo correr como planeado, …