Investigação revela que espiões russos seguiram Navalny desde 2017 (e tentaram envenená-lo outras duas vezes)

Uma equipa de agentes do Serviço de Segurança Federal Russo (FSB) estava por trás da tentativa de assassinato, revelou o prório dissidente russo.

O opositor russo Alexei Navalny, ativista anticorrupção e crítico do Kremlin, apresentou registos telefónicos e listas de passageiros de companhias aéreas como evidência de que o grupo FSB – principal agência sucessora da KGB da era soviética – estava por trás do envenenamento, num vídeo publicado no YouTube.

Navalny adoeceu gravemente durante um voo da Sibéria para Moscovo em agosto. Foi levado primeiro a um hospital em Omsk, no sudoeste da Sibéria e, depois, levado para Berlim para tratamento. Laboratórios alemães, franceses e suecos determinaram que foi envenenado por um agente nervoso Novichok da era soviética.

“Eu sei quem quis me matar”, disse o ativista num vídeo de quase uma hora publicado no YouTube, antes de publicar os retratos dos acusados. A operação, segundo Navalny, teria sido conduzida por uma equipa de pelo menos oito agentes a mando do presidente Vladimir Putin.

Um membro do grupo FSB alegamente envolvido na tentativa de homicídio relatou o sucedido diretamente ao presidente russo, Vladimir Putin, segundo uma investigação conjunta envolvendo Bellingcat, o site russo The Insider, o jornal alemão Der Spiegel e a emissora CNN.

Os meios de comunicação estão a conduzir uma investigação contínua para descobrir quem está por trás do envenenamento.

As alegações de Bellingcat, parceiros e Navalny surgiram um dia depois que o jornal britânico The Times alegou que o Kremlin tentou envenenar a figura da oposição russa Alexei Navalny uma segunda vez após a primeira tentativa ter falhado.

A equipa de agentes do FSB parece ter tentado pelo menos duas outras vezes envenená-lo com a arma química Novichok, segundo Navalny. As duas vezes anteriores não tiveram sucesso porque a dosagem era muito pequena.

Navalny explicou ainda que a equipa precisava de ter cuidado para não usar muito veneno porque uma morte instantânea seria muito fácil de investigar.

A investigação identifica os agentes do FSB Alexey Alexandrov, Ivan Osipov – ambos médicos – e Vladimir Panyaev, que seguiu Navalny até a cidade russa de Tomsk, onde foi envenenado, juntamente com outros.

Navalny e os meios de investigação, incluindo Bellingcat, apresentaram metadados de telefone, registos de voos sobrepostos e bancos de dados offline previamente vazados como evidência das suas alegações.

Por exemplo, a investigação Bellingcat afirma que os agentes do FSB seguiram Navalny desde 2017, “viajando com ele em mais de 30 voos sobrepostos para os mesmos destinos”. “Dada essa série implausível de coincidências, o peso da prova para uma explicação inocente parece recair puramente sobre o Estado russo“, concluiu a investigação Bellingcat.

Navalny há muito considera o Kremlin responsável pelo seu envenenamento. Moscovo nega as acusações.

Maria Campos, ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Os antigos compadres zangaram-se de vez. Trump puxa os cordelinhos nos bastidores para correr com McConnell

A relação de altos e baixos entre os dois azedou de vez depois de McConnell ter reconhecido a vitória de Joe Biden. Trump quer agora que um Republicano concorra contra McConnell pelo cargo da liderança …

Bombeiros embrulharam a maior árvore do mundo em papel de alumínio. Tudo para a proteger

O incêndio consumiu milhares de acres na Califórnia e o National Park Service viu-se obrigado a intensificar os seus esforços para proteger as jóias naturais, incluindo as maiores árvores do mundo. Os incêndios Colony e Paradise …

EUA trocaram "guerra implacável" por "diplomacia implacável" no Afeganistão, diz Biden

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, disse esta terça-feira à Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) que o país se está a concentrar na "diplomacia implacável" e no encerramento de uma era de …

Presidente de El Salvador autodenomina-se "Ditador de El Salvador"

O Presidente de El Salvador, Nayib Bukele, alterou no domingo a descrição do seu perfil no Twitter para "Ditador de El Salvador", passando depois para "Ditador mais 'cool' do mundo mundial", situação registada após os …

Ordem dos Médicos abre processo disciplinar contra Fernando Nobre

O Conselho Disciplinar Regional do Sul da Ordem dos Médicos abriu um processo contra Fernando Nobre, por causa das suas declarações numa manifestação de negacionistas em frente à Assembleia da República. A Ordem dos Médicos (OM) …

Crise da energia obriga UE a enfrentar dependência do gás natural

Os países europeus estão a tentar proteger os consumidores de energia, numa região onde, desde o início do ano, os preços do gás aumentaram 250%, resultado de uma série de forças económicas, naturais e políticas.  Na …

Companhia de aviação privada oferece voo de 20 mil dólares para reunir uma família separada pela pandemia

A empresa de aviação privada Tradewind Aviation está a comemorar o seu 20.º aniversário de uma forma original: vai dar um voo no valor de 20 mil dólares (cerca de 17 mil euros) para reunir …

Mais de 60 pinguins morrem na África do Sul após ataque de abelhas

Dezenas de pinguins-africanos ameaçados de extinção foram mortos por um enxame de abelhas na África do Sul, na passada sexta-feira. Segundo a CNN, 63 pinguins-africanos, uma espécie ameaçada de extinção, foram encontrados mortos na sexta-feira numa …

Macron e Modi manifestam vontade de "agir em conjunto" após disputa submarina

O Presidente Emmanuel Macron discutiu a cooperação na região Indo-Pacífico com o primeiro-ministro indiano Narendra Modi, esta terça-feira. O Presidente francês, Emmanuel Macron, e o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, conversaram esta terça-feira, em plena crise dos …

Académica treme: salários, último lugar e treinador de saída

Clube de Coimbra, tal como o Boavista, terá de comprovar que tem cumprido no pagamento dos salários. Em campo, mais uma derrota complicou a situação de Rui Borges. Ainda não há muitos anos, a Académica apareceu …