InterRail perde passageiros e enfrenta concorrência das low cost

-BeNnO- / Flickr

-

A aventura de viajar de comboio pela Europa continua a ser opção para muitos portugueses, mas a venda de passes InterRail em Portugal diminuiu nos últimos anos, à medida que foi sendo maior a oferta de voos low cost.

Segundo dados da CP – Comboios de Portugal, em 2010 registou-se a venda de 3.233 passes e em 2013 foram vendidos 2.243 – uma queda de 30%.

O InterRail Pass existe desde 1972 e Portugal foi um dos 21 países que fizeram parte do arranque do projeto, que permite aos residentes na Europa viajar de comboio, através de um passe único, nas várias empresas ferroviárias aderentes.

Mochila às costas, sapatos confortáveis, mapa na mão e disposição para a aventura são condições obrigatórias e também as que mais aliciam quem procura este modo de viajar, que são sobretudo jovens.

De acordo com a CP, em abril de 2007 houve uma necessidade de redesenhar a oferta dos passes InterRail, devido à “alteração dos hábitos de lazer dos europeus, com férias mais curtas e mais frequentes e a concorrência do transporte aéreo, em especial das companhias low cost”.

A quebra de procura obrigou a uma reestruturação que levou a que os trajetos permitidos incluíssem mais nove países, passando para um total de 30.

França, Alemanha, Grã-Bretanha, Noruega, Suécia, Áustria, Bélgica, Holanda, Luxemburgo, Finlândia, Grécia, Irlanda, Itália, Espanha, Suíça, Croácia, Dinamarca, Hungria, Polónia, Roménia, Montenegro, Bósnia-Herzegovina, Bulgária, Republica Checa, Macedónia, Sérvia, Eslováquia, Eslovénia, Turquia e Portugal e ainda nas empresas de navegação ATTICA e MINOAN, cujos barcos fazem a ligação entre a Itália e a Grécia, integram a lista de membros.

Incentivar viagens fora do verão

A altura em que as pessoas mais viajam é o mês de julho (41%) e o passe para 10 dias de viagem (com 22 dias de validade do título) é o mais procurado (29%).

Para estes, o preço é de 269 euros, mas há ainda um passe mais barato, para cinco dias de viagem (com 10 dias de validade), que custa 184 euros. O título mais caro, com a possibilidade de viajar durante um mês e ir a quantos países se quiser, custa 442 euros.

“Embora não exista um estudo sobre o tipo de passageiro sabe-se que a maioria dos interrailistas são jovens estudantes viajando em período de interrupção letiva”, refere a CP.

As rotas mais procuradas, segundo a empresa, são de Lisboa para Paris ou Lisboa para Madrid e Barcelona, embora haja cada vez mais pessoas a utilizar a viagem de avião com partida de Portugal para o destino e a partir daí começar o InterRail.

Com o objetivo de promover a modalidade InterRail durante o outono e o inverno, a CP lançou uma tarifa promocional com 15% de desconto na compra deste passe até 30 de setembro.

Os clientes, sem limite de idade, que adiram a esta promoção deverão utilizar o seu bilhete entre 15 de setembro e 29 de dezembro de 2014.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

É preciso esforço grande agora para salvar o Natal, alerta Santos Silva

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, disse esta quarta-feira ser necessário “um esforço muito grande” para travar a propagação do coronavírus ” para salvar o Natal” das famílias dos cerca de 5 milhões …

"É uma treta". Ronaldo publica (e depois apaga) crítica a teste à covid-19

O futebolista Cristiano Ronaldo, capitão da seleção portuguesa, modificou a publicação efetuada esta quinta-feira no Instagram, tendo retirado a frase “PCR é uma treta”, em referência ao teste de despiste à presença do novo coronavírus. Um …

PSD confiante em geringonça, mas Ventura lembra que não tem "duas caras". Carlos César quer PS no poder

Com a solução governativa dos Açores em aberto, André Ventura já disse que está fora de questão integrar uma geringonça com "partidos do sistema", mas admite viabilizar um Governo do PSD na região com algumas …

Lage rasga elogios a João Félix. "Vai ser uma das referências do futebol europeu e mundial"

O antigo técnico do Benfica Bruno Lage teceu rasgados elogios ao internacional português João Félix, que esta terça-feira somou dois golos e fez uma boa exibição no jogo do Atlético de Madrid frente ao RB …

"Sentimo-nos em Itália". Médicos do Tâmega e Sousa contradizem hospital e reiteram situação de rutura

Médicos do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) ouvidos pelo semanário Expresso reiteram que os hospitais que integram o centro, o de Penafiel e o de Amarante, se encontram perto da rutura, contradizendo a …

Vieira reeleito em votação histórica para o sexto (e último) mandato

O presidente do Benfica esta quarta-feira eleito para um sexto mandato, manifestou "orgulho" por vencer o ato eleitoral mais concorrido da história do clube e apelou a que os benfiquistas "respeitem os resultados" do escrutínio. "Vencer …

Bélgica anuncia confinamento parcial. Ministro visita hospital e mostra-se "chocado" com o que viu

O chefe do governo federal na Bélgica anunciou ontem novas medidas de confinamento que entraram em vigor à meia-noite em todo o território. Em causa está uma crescente preocupação com o aumento de infetados que, …

O caso mais antigo de osteopetrose foi descoberto no esqueleto de um homem da Idade do Ferro

Uma equipa de cientistas alemães descobriu o caso mais antigo conhecido de osteopetrose, ou doença dos "ossos da pedra", nos restos mortais de um homem de 20 anos da Idade do Ferro. A osteopetrose é uma …

Orçamento sem favas contadas. Governo depende mais do PCP (que aproveita para apertar o cerco)

A aprovação do Orçamento do Estado para 2021 na generalidade, que contou com o voto contra do Bloco de Esquerda e a abstenção do PCP, deixou o Governo mais dependente da apreciação final do documento …

Oito em cada 10 portugueses é a favor do recolher obrigatório. Metade rejeita novo confinamento

Uma sondagem da Aximage para o Jornal de Notícias e TSF concluiu que a maioria dos portugueses é favor de que Portugal adote o recolher obrigatório, mas é contra um novo confinamento. De acordo com a …