Instalação de videovigilância deixa de ter controlo prévio

A partir de 25 de maio, a instalação de videovigilância em casas, empresas ou entidades públicas, quer seja por particulares, dirigentes ou empresários deixa de ter exigir controlo prévio.

De acordo com o Público, que avança a notícia, a mudança decorre da entrada em vigor do novo Regulamento-Geral de Proteção de Dados (RGPD), que vigora a partir do dia 25 de maio.

A mudança do paradigma de proteção de dados, escreve o jornal, abandona a lógica do controlo prévio, para assumir uma lógica de auto-regulação. Com isto, deixará de ser cobrada a taxa de 150 euros, que a Comissão Nacional de Proteção de Dados exigia por emitir a autorização.

A fiscalização continuará a ser feita, mas a partir de então apenas a posteriori, o que se traduz na sujeição ao pagamento de avultadas multas, caso a entidade que instalou a videovigilância não esteja a cumprir as regras, como, por exemplo, a proibição de recolha de imagens no interior de instalações sanitárias, balneários ou áreas de descanso destinadas aos trabalhadores.

Passa a ser incumbência das organizações, públicas e privadas, estarem aptas a demonstrar que cumprem todas as obrigações legais. No caso da videovigilância, a emissão de autorização prévia pela CNPD também desaparece”, refere a comissão nacional.

A professora de Direito da Universidade do Porto ressalta o risco de as “pessoas acharem que estão a cumprir a lei, mas acabam por perceber tarde que não o estão a fazer e depois pagam por isso”.

O Público revela ainda que, no caso das infrações muito graves, “as multas podem atingir os 20 milhões de euros ou 4% do volume de negócio anual de uma multinacional”.

Já na proposta de lei apresentada pelo Governo, as infrações graves são punidas no mínimo com multas que variam entre os 500 e os 2500 euros, dependendo se o infrator é um particular ou uma grande empresa.

O máximo no caso dos particulares fica-se pelos 250 mil euros, número que sobe para 10 milhões de euros ou 2% do volume de negócio anual no caso das grandes empresas.

A mudança vai obrigar os responsáveis pelos sistemas de videovigilância a terem “um conhecimento mais profundo” das regras, refere Maria João Conde, secretária-geral da Associação Portuguesa de Segurança.

Segundo a publicação, os responsáveis de alguns sistemas de videovigilância poderão ter de ser obrigados a fazer uma avaliação do impacto das operações na proteção dos dados pessoais. Uma avaliação que será obrigatória no “controlo sistemático de zonas acessíveis ao público em grande escala”. É a CNPD que torna pública a lista das situações em que essa avaliação vai ser obrigatória.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. É necessário video-vigiar, mas há que ter e respeitar regras. Mão pesada para os prevaricadores.
    É pena que, sendo Tugaland, isto vá ser a pessegada do costume… um ou dois anos e vamos ver o buliço em tribunal…

  2. so teorias ,na pratica nada funciona,certa vez ,roubaram o telemovel a um amigo meu ,em um estabelecimento hoteleiro, que tinha a sinaletica a avisar da presença das cameras e as cameras ,quando confrontado com a situaçao o gerente levou-nos ao escritorio ,onde se encontrava o sistema de gravaçao ,tudo estava desligado ,disse o mesmo estar o sistema avariado e a manutençao ser cara !

RESPONDER

Fernando Pimenta conquista medalha de prata em K1 1000

O canoísta português conquistou, esta quarta-feira, a medalha de prata na prova de K1 1000 dos II Jogos Europeus, elevando para 10 o número de pódios de Portugal em Minsk, igualando Baku 2015. Na central pista …

Cientista revela por que os mosquitos só picam algumas pessoas

O cientista Joop van Loon revelou o motivo pelo qual os mosquitos costumam picar mais algumas pessoas do que outras. De acordo com o especialista, são os compostos químicos presentes na pele dos humanos que …

ESA prepara-se para intercetar pela primeira vez um cometa puro

A Agência Espacial Europeia (ESA) desenvolveu um projeto que visa intercetar um cometa puro - um corpo celeste que nunca passou pelo Sistema Solar -, quando este se aproximar da órbita da Terra em meados …

Astrónomos encontraram uma nova (e surpreendente) cratera em Marte

Marte não se "magoa" facilmente mas, quando acontece, o resultado pode ser quase comparado a uma obra de arte. Uma cratera, descoberta em abril pela sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO), é a prova disso. Notável não só …

Elon Musk alerta: Civilização pode colapsar daqui a 30 anos

De acordo com Elon Musk, uma "bomba populacional" vai surgir nas próximas décadas, quando uma população mundial cada vez mais idosa chocar com a queda das taxas de natalidade em todo o mundo. Esta não é …

O mundo árabe está menos religioso. Mas continua homofóbico

Há cada vez mais árabes que dizem não ter religião. Esta é a principal conclusão de uma grande sondagem feita a mais de 25 mil cidadãos de países árabes pelo centro de pesquisa Arab Network …

Tina morreu durante 27 minutos e foi ressuscitada 8 vezes. Quando acordou, escreveu "é real"

Uma mulher norte-americana entrou em paragem cardíaca em fevereiro de 2018 quando se preparava para fazer uma caminhada com o seu marido Brian. Depois de desmaiar, Brian ressuscitando-a duas vezes antes de os paramédicos chegarem para …

"Homem-árvore" pede que as suas mãos sejam amputadas

Abul Bajandar, um homem de 28 anos do Bangladesh conhecido como "Homem-árvore" devido às incomuns verrugas que nascem nos seus membros, pediu que as suas mãos fossem amputadas para aliviar as dores insuportáveis.  Bajandar sofre de …

EUA. Senadores republicanos do Oregon fogem para não aprovar lei ambiental

Senadores estaduais do Oregon, nos Estados Unidos (EUA), encontram-se a monte desde quinta-feira para não votarem uma lei ambiental. Procurados pela polícia, voltaram este domingo a faltar a uma sessão legislativa, impedindo que haja quórum …

O planeta enfrenta um "apartheid climático"

O planeta está confrontado com um “'apartheid' climático”. De um lado, os ricos que se podem adaptar melhor às alterações climáticas, e do outro, os pobres que vão sofrer mais, disse esta segunda-feira um especialista …