Injeção para perder gordura? Descoberta molécula que substitui ginásio

Uma equipa de investigadores da Universidade de Copenhaga, na Dinamarca, realizou uma experiência com homens e mulheres com pronunciado tecido adiposo visceral.

O ensaio confirmou a importância de uma molécula chamada interleucina-6 – normalmente produzida pelas células para estimular a resposta imunitária e reagir, por exemplo, a infeções – na redução da gordura abdominal. Os testes mostraram que quando o recetor desta molécula não está presente, o exercício físico não tem qualquer efeito de redução da gordura da barriga.

Uma rápida pesquisa mostra que a associação entre a interleucina-6 (IL-6) e o exercício físico não é um facto novo, assim como também não é inédita a relação da IL-6 com a obesidade. O que este estudo faz agora é juntar estes três “atores” e concentrá-los num local específico do nosso corpo: a barriga.

O comunicado de imprensa sobre o artigo publicado na quinta-feira passada na revista Cell Metabolism aproveita bem a altura do ano em que estamos: “Alguns de vocês podem ter feito uma resolução de Ano Novo para atacar o ginásio e lidar com essa gordura irritante da barriga. Mas já se questionaram sobre como a atividade física produz esse efeito desejado?”

Para ajudar a responder a esta pergunta, os investigadores separaram homens e mulheres obesos em quatro grupos, que testaram duas variáveis: o exercício físico e a ação da IL-6.

Uma intervenção de 12 semanas consistindo em exercício de bicicleta diminuiu a gordura abdominal visceral em adultos obesos. No entanto, o efeito de redução desapareceu nos participantes que fizeram exercício físico mas foram tratados com um medicamento que bloqueia a sinalização da interleucina-6 e que está atualmente aprovado para o tratamento da artrite reumatóide. Além disso, o tratamento com este fármaco também aumentou os níveis de colesterol independentemente da atividade física.

Assim, ao longo de 12 semanas, um total de 53 participantes receberam doses intravenosas do referido fármaco ou de uma solução salina (como placebo) a cada quatro semanas, combinadas com ausência de exercício ou várias sessões na bicicleta de 45 minutos por semana. Os investigadores usaram o exame de ressonância magnética para avaliar a massa de tecido adiposo visceral no início e no final do estudo.

“Nos grupos de placebo, o exercício reduziu a massa de tecido adiposo visceral numa média de 225 gramas, ou 8%, em comparação com nenhum exercício. Mas o tratamento com o fármaco eliminou este efeito”, referem os cientistas.

Quando comparados os grupos que praticavam exercício regular percebeu-se que, mesmo com a atividade, o grupo que tomou o fármaco que bloqueia a ação da IL-6 aumentou a massa de tecido adiposo visceral em aproximadamente 278 gramas. Os níveis de lipoproteína de baixa densidade aumentaram também nos indivíduos que não beneficiaram da IL-6 .

Para complicar a situação, os autores referiram ainda que a IL-6 poderá ter efeitos aparentemente opostos em situações de inflamação. “As vias de sinalização nas células imunitárias versus células musculares diferem substancialmente, resultando em ações pró-inflamatórias e anti-inflamatórias, por isso a interleucina-6 pode atuar de forma diferente em pessoas saudáveis ​​e doentes”, explica Anne-Sophie Wedell-Neergaard.

Bastará uma injeção no futuro?

A gordura abdominal está associada a um risco aumentado de doenças cardiometabólicas, mas também de cancro, perturbações no sistema nervoso central e mortalidade em geral.

Sabe-se que a atividade física reduz o tecido adiposo visceral, que envolve os órgãos internos da cavidade abdominal. Porém, os mecanismos que estão subjacentes a esse fenómeno ainda não foram totalmente esclarecidos.

No futuro, entre outras hipóteses, os investigadores vão tentar perceber se a IL-6 administrada através de uma injeção é capaz de reduzir a massa de gordura visceral por conta própria.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Meus caros amigos.
    O que a molécula faz é negar o efeito do exercício.
    Quem a toma NÃO consegue emagrecer. Sugiro que corrijam a última parte da notícia

RESPONDER

Fase III do desconfinamento arranca com regras mais apertadas em Lisboa

O Governo divulgou, na última sexta-feira, as medidas da terceira fase de desconfinamento devido à pandemia de covid-19, que entram em vigor esta segunda-feira, prolongando a situação de calamidade por mais 15 dias. Na Área Metropolitana de …

Em tempos difíceis, alguns dinossauros tornaram-se canibais

Um novo estudo sugere que os alossauros, grandes predadores do Jurássico, poderiam tornar-se canibais em tempos de escassez de alimentos. De acordo com o site Science Alert, não é fácil encontrar marcas de dentes de dinossauros …

Praias, cafés e espetáculos. Países mais afetados pela pandemia começam a aliviar planos de emergência

Numa altura em que a pandemia parece começar a dar tréguas e com o verão a aproximar-se no hemisfério norte, dezenas de países reabrem esta segunda-feira atividades económicas, de lazer e culturais após as restrições …

Costa, Ferro, Medina e 85% dos socialistas querem que Marcelo continue em Belém

Cerca de 85% dos socialistas querem que Marcelo Rebelo de Sousa continue na Presidência da República para um segundo mandato, revela uma sondagem da Pitagórica para o Jornal de Notícias e TSF. A seis meses …

Um terço das mulheres europeias herdou um gene neandertal favorável à fertilidade

Um terço das mulheres europeias herdou um gene neandertal favorável à fertilidade, sugere uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Instituto Max Planck, na Alemanha, e do Instituto Karolinska, na Suécia. Em causa está …

Combater a pobreza energética até 2040 custa 384 milhões por ano

Pela primeira vez, o Governo sabe quanto seria preciso investir para combater a pobreza energética até 2040: 7.671 milhões de euros  – o equivalente a 384 milhões de euros por ano. De acordo com o jornal …

Trump classifica movimento antifascista como organização terrorista

O Presidente norte-americano anunciou que vai classificar o movimento ANTIFA (antifascistas) como organização terrorista, e culpou os média por “fomentarem o ódio e anarquia” na onda de protestos contra a violência policial. “Os Estados Unidos da …

Megaoperação em Loures. PSP e PJ cercam bairro da Quinta da Fonte e detém nove pessoas

A Unidade Especial da Polícia de Segurança Pública (PSP) e a Polícia Judiciária (PJ) estão, esta segunda-feira, desde antes das 7h, a fazer uma megaoperação no Bairro Quinta da Fonte, em Loures. Segundo avança a TVI24, …

Cientistas podem ter descoberto onde vive o stress no cérebro humano

Onde é que os sentimentos negativos, como a pressão e a ansiedade, existem no nosso cérebro? Cientistas da Universidade de Yale, nos Estados Unidos, tentaram encontrar a resposta. Estudos anteriores indicam que os sentimentos subjetivos ou …

A atmosfera de Marte está a escapar para o Espaço (e já se sabe quem é o culpado)

Marte pode já ter sido um planeta habitável mas, ao longo de milhares de milhões de anos, a sua atmosfera escapou para o Espaço. Os cientistas mapearam as correntes elétricas na atmosfera marciana que podem …