Indonésia prepara-se para uma erupção vulcânica como a que destruiu Pompeia

O vulcão Sinabung, no norte da ilha indonésia de Sumatra,parece estar prestes a entrar numa nova e potente erupção. O ano passado, o vulcão entrou em erupção e levou a vida a 17 pessoas.

Segundo afirma o vulcanólogo Mnah Rono, em declarações à AP acerca da actividade recente do vulcão, “a cúpula de lava do Sinabung está muito instável, o seu tamanho crescente é preocupante”.

Isto significa que a próxima erupção do Sinabung poderia ser muito poderosa, e vir acompanhada de nuvens piroclásticas — corpos fluidos, velozes, compostos de gás quente e piroclastos (cinza e pedra) que podem viajar a velocidades de até 160 km por hora.

De acordo com os vulcanólogos, os processos actualmente em curso no Sinabung são os mesmos que provocaram a erupção do Vesúvio que no ano de 79 DC destruiu a antiga cidade de Pompeia, no Golfo de Nápoles, em Itália.

Esta quarta-feira, as autoridades indonésias registaram mais de 50 erupções diferentes no Sinabung, enquanto uma gigantesca coluna de gás cinzento que paira sobre a cratera do vulcão parece anunciar uma iminente erupção geral do vulcão.

Depois de ter estado adormecido durante quase um século, o  Sinabung acordou em 2010. Em 2014, uma sequência de erupções do vulcão provocou 17 mortos.

A Indonésia assenta no chamado “anel de fogo” do Pacífico, uma zona de forte actividade sísmica e vulcânica, albergando mais de 400 vulcões, dos quais pelo menos 129 continuam activos e 65 estão qualificados como perigosos.

Gringer / wikimedia

Anel de Fogo do Pacífico

Anel de Fogo do Pacífico

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Boris compara Reino Unido a super-herói. "Quanto mais enfurecem o Hulk, mais forte ele fica"

O primeiro-ministro britânico comparou o Reino Unido ao super-herói da Marvel, que nunca se deixa prender, deixando subentendido o aviso de que pode ignorar a decisão do Parlamento que quer impedir uma saída sem …

Dente de rinoceronte deu aos cientistas a mais antiga informação genética já registada

Cientistas conseguiram extrair de um dente com 1,7 milhões de anos (de um rinoceronte já extinto) aquela que é a informação genética mais antiga alguma vez registada. Entre o período de há 2,5 milhões e 700 mil …

SNS "é âncora para os portugueses e sabe resistir às pressões"

A ministra da Saúde elogiou o Sistema Nacional de Saúde no dia em este cumpre 40 anos. A data só não está a ser assinalada com mais vigor devido à proximidade das eleições, explicou …

Um terço dos diplomados no curso de Aeroespacial vai trabalhar para o estrangeiro

A nota mínima de entrada no curso de Engenharia Aeroespacial do Técnico bateu um novo recorde. As oportunidades e os salários levam os diplomados para o estrangeiro. O único curso de Engenharia Aeroespacial no ensino superior …

Morreu o cantor Roberto Leal

Morreu o cantor Roberto Leal, confirmou o antigo secretário de Estado das Comunidades e da Administração Local. Tinha 67 anos e lutava contra um cancro. A notícia foi avançada pelo antigo secretário de Estado das Comunidades …

Estudo mostra que o canguru gigante tinha uma parecença com os pandas

O já extinto canguru gigante tinha uma característica muito semelhante com o panda-gigante dos dias modernos: grandes mandíbulas que lhe permitiam comer alimentos que outros animais não conseguiam. Há mais de 40 mil anos, o sudoeste …

Assunção Cristas contra o "ditador" verde e André Silva contra a "despesista" demagoga

O debate deste sábado, transmitido pela RTP3, sentou frente-a-frente os líderes do CDS e do PAN. Assunção Cristas contou quantas vezes o programa do adversário usa a palavra "proibir" e André Silva acusou os centristas …

Poluição no rio Lis arrasta-se há mais de 20 anos

A poluição na bacia hidrográfica do rio Lis arrasta-se há mais de duas décadas, com o contributo das descargas ilegais das suiniculturas, mas a construção da estação de tratamento de efluentes suinícolas tem sido adiada …

No Quénia, há meninas a faltar às aulas por não terem acesso a tampões

No Quénia, há adolescentes que não têm dinheiro para comprar pensos higiénicos ou tampões. Por isso, faltam às aulas. O Expresso conta a história de uma menina queniana, de 14 anos, que não aguentou ser humilhada …

As sestas podem ser boas amigas do coração

Fazer uma sesta uma ou duas vezes por semana pode reduzir o risco de ataque cardíaco ou AVC. No entanto, se fizer mais sestas do que o recomendado, os benefícios desaparecem. Uma equipa de cientistas decidiu …