Homem de etnia cigana morre após polícia pressionar joelho no seu pescoço. Caso já é comparado ao de Floyd

O caso ocorreu na República Checa. Um homem de etnia cigana morreu depois de um polícia ter pressionado o joelho sobre o seu pescoço durante vários minutos. A vítima, Stanislav, de 40 anos, viria a morrer na ambulância.

O vídeo partilhado nas redes sociais tem sido denunciado pela violência policial, mas as autoridades alegam que a causa da morte de Stanislav se deve a intoxicação. O caso tem sido comparado ao assassínio do afro-americano George Floyd, em Minneapolis, nos Estados Unidos, em maio de 2020.

No vídeo, gravado a 19 de junho na cidade de Teplice, no norte da República Checa, podem ver-se três polícias a deter um homem no chão. Um dos polícias agarra nos pés do homem, outro põe o joelho no seu pescoço e outro tenta algemá-lo. Durante o vídeo, de quase seis minutos, ouvem-se gritos, inclusive de pessoas que passavam no local.

Segundo o The Guardian, o homem acabou por morrer já no interior de uma ambulância.

Jozef Miker, ativista da comunidade cigana na República Checa, disse ao jornal britânico que o homem vivia na rua e trabalhava num supermercado como segurança.

Na origem da detenção policial, segundo o ativista, esteve um incidente que envolveu um ataque a um carro. Depois de ver uma pessoa a destruir um carro, Stanislav tentou intervir, mas acabou detido pela polícia minutos depois, acabando por ser atirado ao chão.

A versão das autoridades refere que a polícia foi chamada a intervir depois na sequência de uma queixa que dava conta de uma luta entre dois homens.

A polícia afirma que teve de usar medidas coercivas para deter um dos homens, tendo depois chamado uma ambulância, onde Stanislav viria a morrer. De acordo com as autoridades, a causa da morte mais provável foi intoxicação.

Contudo, a tese da polícia tem vindo a ser questionada por ativistas, que consideram que a discriminação étnica pode estar na origem da atuação policial.

De imediato, o caso começou a ser comparado à morte de George Floyd nos Estados Unidos, onde o afro-americano também foi morto durante uma intervenção policial, na qual o agente usou o joelho para prender o seu pescoço acabando por o asfixiar.

Vários relatórios de organizações de defesa dos direitos humanos têm notado que a comunidade cigana é das mais discriminadas na Europa.

De acordo com um relatório citado pelo jornal britânico, os ciganos que vivem na República Checa têm quatro a cinco vezes maior probabilidade de estarem desempregados comparativamente a quem não é cigano.

ZAP //

 

 

PARTILHAR

RESPONDER

Myanmar. Junta militar anula resultados das eleições de 2020

Militares entendem que a votação não foi "livre e justa". Anúncio da anulação das eleições de 2020 não foi acompanhado de uma data para a realização de um novo ato eleitoral — tal como seria …

Contas públicas agravam-se face a 2020. Receita fiscal volta a crescer

Ministério de João Leão atribui incumprimento à terceira vaga da economia, que significou novas restrições à circulação e nos horários dos estabelecimentos. A receita fiscal e contributiva cresceu, um sinal animador para uma recuperação económica …

Ugarte está a caminho de Alvalade, mas Amorim quer mais três reforços

O Sporting já terá garantido a contratação de Manuel Ugarte, mas Rúben Amorim ainda quer trazer mais um avançado, um extremo e um defesa-central. Depois de várias rondas de negociações, o Sporting finalmente chegou a acordo …

Marcelo começou a receber partidos. "Recuperação socioeconómica" é preocupação comum

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, começou a receber os partidos políticos com assento parlamentar esta segunda-feira. À saída do encontro com Marcelo Rebelo de Sousa, João Cotrim de Figueiredo disse que levou até …

"Não consigo aceitar": português chora depois de perder nos Jogos Olímpicos

Anri Egutidze ficou claramente desiludido por ter perdido logo no seu primeiro combate no torneio masculino de judo: "Vim para ganhar, mesmo". Anri Egutidze chegou aos Jogos Olímpicos para lutar por uma medalha no judo, categoria …

Jogos Olímpicos: Lucas joga com máscara no rosto

Lucas Saatkamp, uma das figuras da seleção brasileira masculina de voleibol, utiliza máscara de proteção contra a COVID-19 durante os jogos em Tóquio. Quem assistiu ao grande jogo desta segunda-feira, o Brasil-Argentina, no torneio masculino de …

PS responde à letra: "O BE pode continuar a fazer a vista grossa aos avanços" no SNS

O PS rejeitou esta segunda-feira as críticas do BE sobre a fixação de profissionais no Serviço Nacional de Saúde, argumentando que o executivo tem sido "consistente" na valorização destes trabalhadores e apelando ao diálogo para …

Jogos Olímpicos: a "estrela" da casa já foi eliminada

Naomi Osaka não foi além dos oitavos-de-final do torneio feminino de ténis. Markéta Vondroušová foi a protagonista da surpresa. Era a líder do ténis mundial há pouco tempo, é a número 2 da tabela WTA e …

Wayne Rooney: lesionar o seu jogador e rodeado de mulheres

Jason Knight só deverá voltar a jogar no final de outubro, por causa de uma disputa de bola com o seu treinador. O ano 2021, pelo menos para já, não vai ficar na lista dos melhores …

Teoria dos dentes do "quebra-nozes" de Paranthropus desmentida

Um novo estudo vem deitar por terra a teoria do "homem quebra-nozes", que sugeria que o Paranthropus tinha enormes dentes posteriores para mastigar sementes e nozes. O Paranthropus ("Paralelo ao Homem") é um género extinto de …