“Hilariante, ridículo e provocação”. Oficiais arrasam ministro da Defesa após despacho sobre covid-19

Estela Silva / Lusa

O ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho

O Ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, assinou um despacho que decreta a “prontidão, activação e colaboração das Forças Armadas” na luta contra a covid-19. Um documento que é “hilariante, ridículo e uma provocação aos militares”, de acordo com a Associação de Oficiais das Forças Armadas.

Assinado pelo ministro da Defesa no passado dia 28 de Outubro, o decreto foi publicado em Diário da República nesta terça-feira e “determina a prontidão, activação e colaboração das Forças Armadas” no combate à pandemia.

O documento aponta que “os ramos das Forças Armadas vão contribuir com os recursos humanos e materiais que se revelem necessários a apoiar as entidades competentes“.

Para o presidente da Associação de Oficiais das Forças Armadas (AOFA), António Mota, trata-se de um despacho “hilariante, ridículo e uma provocação aos militares“, conforme declarações à Rádio Renascença.

“Só faria sentido se tivesse sido escrito em Março e não agora”, afirma António Mota, sublinhando que “o despacho não traz nada de novo”, já que esse apoio está a ser feito pelas Forças Armadas desde o início da pandemia.

O despacho “só serve o propósito da auto-promoção de alguém que nunca conseguiu resolver os problemas dos militares”, acusa ainda o líder da AOFA, apelando aos portugueses para que “não se deixem ser manipulados”.

António Mota sustenta ainda que a “provocação” do ministro “chega até a roçar a ofensa despudorada”.

“Esta atitude de colocar as Forças Armadas em prontidão por parte do Ministério da Defesa só se compreende pela necessidade de vir a terreiro dizer: ‘agora é que é! Agora é que as Forças Armadas vão estar ao serviço da população…. e sou eu que mando’”, atira ainda o presidente da AOFA.

O representante dos oficiais também lamenta que “o ministro da Defesa não tivesse aproveitado para acrescentar no despacho a autorização de verbas” para a dotação de meios, “designadamente logísticos e financeiros”, para que as Forças Armadas “possam cumprir estas missões, não tendo que estar a dispor dos seus parcos orçamentos de funcionamento para as custear, tendo assim de pôr em causa outras missões”.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. João Titterington Gomes Cravinho (Coimbra, 16 de junho de 1964) é um professor universitário (Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra), político e diplomata português.
    É filho de João Cardona Gomes Cravinho.[1]
    Foi Secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, no XVII e XVIII Governos Constitucionais, entre os anos de 2005 e 2011.
    É o atual Ministro da Defesa Nacional, desde 15 de outubro de 2018.[2

    Da wiki que todos podem consultar o que se conclui fácilmente do grande currículum : é filho do papá …, como tal, é grande sumidade; mas não será caso único …

    • grande curriculun para depis nao perceber patavina de tropa.
      alguns precisam de passarem pela tropa para sentirem o tal espirito que os militares falam. outros mesmo que por la passem nunca chegam a perceber patavina
      estes politicos pensam que é so mandarem uma “postas de pescada” para o ar e vao todos a correr.
      outro dia foi o despacho por causa do “genero”. queria alterar tudo de um dia para o outro
      ha quase um ano que as FA andam a ajudar e este ministro so agora é que saiu da hibernaçao?

  2. Tanto para este, como para a esmagadora maioria dos (ir)responsáveis da “máquina pública”, é o Principio de Peter no seu melhor.

RESPONDER

Um ano após o confinamento de Wuhan o mundo continua em crise devido à covid-19

Quase um ano depois da imposição do confinamento na cidade de Wuhan para travar o vírus SARS-CoV-2, que se assinala este sábado, o mundo continua em luta contra a pandemia, apesar do aparecimento de vacinas. A …

Pessoas com certas características podem ser mais suscetíveis a "ouvir" os mortos

Uma equipa de cientistas identificou certas características que podem tornar as pessoas mais suscetíveis a alegar que “ouvem” os mortos. Um novo estudo sugere que as pessoas que se descrevem como "clariaudientes" - em oposição a …

Sporting 1 - 0 SC Braga | Leões conquistam Taça da Liga com golo de Porro (e algum sofrimento)

O Sporting reconquistou hoje a Taça da Liga de futebol, ao vencer na final o Sporting de Braga, por 1-0, em Leiria, com um golo de Pedro Porro e enorme resistência durante a segunda parte. O …

Estados Unidos querem rever o acordo com rebeldes talibãs no Afeganistão

Os Estados Unidos indicaram hoje às autoridades afegãs o seu desejo de rever o acordo entre o Governo norte-americano e os talibãs, assinado em fevereiro de 2020, particularmente para "avaliar" o respeito dos rebeldes pelos …

"Excedeu todas as expetativas". Implante de córnea artificial devolve visão a homem cego

Um homem de 78 anos que estava cego dos dois olhos há 10 anos recuperou a visão após receber o primeiro implante de uma córnea artificial desenvolvida pela startup israelita CorNeat Vision. O implante CorNeat KPro …

Tenista João Sousa falha Open da Austrália após ter estado infetado

João Sousa vai falhar o Open da Austrália depois de ter estado infetado com o novo coronavírus, por determinação das autoridades australianas, anunciou hoje o tenista português. "É com muita tristeza que vos dou a conhecer …

Cientistas criam nova forma de produzir carne em laboratório (e prometem manter o sabor e a textura)

Uma equipa da McMaster desenvolveu uma nova forma de carne cultivada, através do uso de um método que promete manter o sabor e a textura mais naturais do que as outras alternativas à carne tradicional. Os …

Papa pede "jornalismo corajoso" e controlo de notícias falsas na Internet

O papa Francisco pediu hoje um "jornalismo corajoso" que venha ao encontro das pessoas e histórias, propondo ainda o controlo das notícias falsas na Internet, especialmente neste período de pandemia da covid-19. “Opiniões atentas lamentam, há …

A cidade mais antiga das Américas está sob ameaça de invasão (e a culpa é da pandemia)

Tendo sobrevivido durante cinco mil anos, o sítio arqueológico mais antigo das Américas está sob a ameaça de invasores que afirmam que a pandemia de covid-19 os deixou sem outra opção a não ser ocupar …

Suspeito do homicídio de Bruno Candé nega ter agido impulsionado por racismo

Evaristo Marinho disparou vários insultos racistas contra Bruno Candé: “Vai para a tua terra, preto, tens a família toda na sanzala e também devias lá estar”, foi um deles. Três dias depois acabou por matá-lo, …