CDS-PP: Hélder Amaral diz adeus ao Parlamento e abandona cargos políticos

Hélder Amaral / Facebook

Hélder Amaral, deputado do CDS-PP

Na sequência dos resultados eleitorais deste domingo, Hélder Amaral, cabeça de lista do CDS por Viseu, decidiu abandonar todos os cargos políticos a nível nacional e distrital.

O cabeça de lista do CDS-PP pelo distrito de Viseu, Hélder Amaral, decidiu abandonar todos os cargos políticos a nível nacional e distrital, na sequência dos resultados eleitorais deste domingo.

O PSD e o PS conseguiram no domingo eleger quatro deputados cada em Viseu, enquanto o CDS-PP perdeu o seu representante, ao ser a quarta força política mais votada neste círculo eleitoral.

Nas legislativas de 2015, a coligação Portugal à Frente tinha conseguido eleger seis deputados (cinco do PSD e um do CDS-PP), o que levou o líder da distrital do CDS-PP, Hélder Amaral, até ao Parlamento.

Hélder Amaral considerou que a sua responsabilidade pelo resultado abaixo das expectativas é igual à de Assunção Cristas e dos restantes colegas de partido não eleitos.

“Como tal, a minha decisão só poderia ser esta. Todos aqueles que me conhecem sabem que nunca abandono os meus amigos e acompanho-os nas horas boas e nas mais difíceis”, disse, justificando assim o abandono dos cargos que ocupava a nível nacional na estrutura do partido e daqueles para os quais foi eleito como representante do CDS no distrito.

No entender de Hélder Amaral, “agora, é hora de repensar o futuro do CDS-PP, mas também de trabalhar para a refundação do espaço do centro-direita em Portugal”.

Apesar de, durante o período oficial de campanha, Assunção Cristas ter apostado em fazer passar a caravana do partido por Viseu, onde Hélder Amaral se recandidatou, o CDS não foi além dos 5,89% dos votos, ficando atrás do Bloco de Esquerda, que obteve 7,86% dos votos – uma percentagem superior à conseguida em 2015 (6,72%), mas insuficiente para conseguir um deputado.

Durante a campanha, o presidente do PSD, Rui Rio, tinha deixado o desejo de ver renascer o “cavaquistão”, num distrito que deu grandes vitórias ao partido no tempo de Cavaco Silva. O PSD acabou por ser a força política mais votada, com 36,26% dos votos, mas seguida de perto pelo PS, com 35,35% dos votos, o que levou à conquista do mesmo número de deputados.

Em 2015, a coligação Portugal à Frente tinha obtido 51,05% dos votos (seis deputados) e o PS 29,65% (três deputados).

Depois das eleições de domingo, o círculo eleitoral de Viseu passará a ser representado por Fernando Ruas, Pedro Alves, Carla Antunes Borges e José Lima Costa, do PSD, e por João Azevedo, Lúcia Araújo Silva, João Paulo Rebelo e José Rui Cruz, do PS.

Comparando com o número de eleitores das últimas legislativas, Viseu perdeu perto de 24 mil eleitores, o que levou à redução de nove para oito mandatos de deputado.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

    • Este também é comentador de futebol?
      Só podia…
      Antes eram quase todos advogados; agora são pregadores/comentadores dessa religião chamada futebol!…

  1. Que pena..o que o país perdeu!!Tinha horror a pobres !Na freguesia ninguém gostava dele!Enquanto andei a estudar,trabalhou sempre na antiga agência de viagens “Novo Mundo”!Agora parece que é doutor …!
    Começou por colar cartazes do partido..depois..depois…

RESPONDER

Cientistas descobrem um novo benefício de tomar chá

https://vimeo.com/366605754 Se já se sabia que beber chá era bom para a nossa saúde, uma nova investigação vem confirmar ainda mais essa ideia. Cientistas encontraram no chá um novo benefício para o nosso cérebro. Várias investigações apontam …

Governo da Escócia quer novo referendo sobre independência em 2020

A ministra principal da Escócia e líder do Partido Nacionalista Escocês (SNP), Nicola Sturgeon, afirmou esta terça-feira que quer um novo referendo sobre a independência em 2020 e abrir negociações com Londres até ao fim …

As bactérias contradizem Darwin: a mais apta não sobrevive

Uma recente investigação levada a cabo pela Universidade de Copenhaga, na Dinamarca, revela que, no que diz respeito às bactérias, a "sobrevivência das mais cooperativas" excede a "sobrevivência das mais fortes". As bactérias são capazes de …

A Via Láctea roubou minúsculas galáxias à sua vizinha

Utilizando dados obtidos pelo Telescópio Gaia, os cientistas chegaram à conclusão que a Via Láctea "sequestrou" galáxias da Grande Nuvem de Magalhães, uma outra galáxia que a orbita. No nosso Universo, a regra é orbitar: a …

Pode ter sido encontrada (e ignorada) vida em Marte em 1976, defende antigo cientista da NASA

O antigo cientista da agência espacial norte-americana Gilbert V. Levin afirma que foram encontradas evidências de vida em Marte na década de 70. No entender do especialista, deviam ter sido levado a cabo mais investigações …

Era marketing. Fortnite voltou (e está diferente)

Depois de 10 temporadas, um buraco negro engoliu a ilha na qual diariamente milhões de jogadores tentavam sobreviver, matando-se uns aos outros. Durante um dia e meio, ninguém podia jogar. O susto acabou esta terça-feira, …

Cientistas determinam o que diminui a fertilidade das mulheres com o avanço da idade

Investigadores da Universidade de Copenhaga mapearam alguns dos mecanismos que podem afetar a fertilidade das mulheres desde a adolescência até a menopausa. A fertilidade natural das mulheres flutua entre altos e baixos na forma de uma …

Dono do Paris Saint-Germain quer comprar o Leeds (e torná-lo no novo Manchester City)

A Qatar Sports Investments (QSI), empresa que é detida por Nasser Al Khelaifi, quer dar o salto para o mercado inglês e adquirir o Leeds United, emblema que milita atualmente no segundo escalão. Na semana em …

Município italiano proíbe Google Maps. App faz com que muitas pessoas se "percam"

O autarca do município italiano de Baunei, na Sardenha, proibiu o uso do Google Maps na região, argumentando que "muitas" pessoas se perderam por causa de "sugestões enganosas" do serviço de localização. A informação é …

Pedalar mais dá direito a prémios. Tecnologia portuguesa desperta interesse de Copenhaga

Depois de se ter estreado em Matosinhos e de ter despertado interesse em Nova Iorque, um programa português que premeia comportamentos de mobilidade ambientalmente sustentáveis chamou a atenção em Copenhaga. O AYR, desenvolvido pela empresa CEiiA …