Harry e Meghan vão deixar de poder usar a marca Sussex Royal

Facundo Arrizabalaga / EPA

O príncipe Harry, de Inglaterra, e a atriz norte-americana Meghan Markle

O duque e a duquesa de Sussex vão deixar de poder usar a marca Sussex Royal, anunciou, esta sexta-feira, um porta-voz da casa real.

“Estando o duque e a duquesa focados nos seus planos de estabelecer uma organização sem fins lucrativos, e atendendo à regulação específica estipulada pelo Governo do Reino Unido no que toca ao uso do termo ‘real’, foi acordado que a sua organização sem fins lucrativos, que deverá ser anunciada esta primavera, não será batizada de Fundação Sussex Royal“, confirmou um porta-voz da casa real, citado pelo jornal The Guardian.

Esta quarta-feira, o casal anunciou que se vai despedir dos seus últimos compromissos oficiais a 31 de março, dia em que Harry e Meghan deixam de representar a Rainha Isabel II e se tornam financeiramente independentes.

De acordo com o jornal britânico, o casal vai mudar-se oficialmente para a América do Norte, mas “vão estar no Reino Unido regularmente” e manter os mesmos objetivos de caridade, dando apoio a causas ligadas à saúde mental.

Num comunicado publicado no seu site, os duques de Sussex deixam claro que “embora não exista nenhuma jurisdição da Monarquia ou do Cabinet Office sobre o uso da palavra ‘Royal’ no exterior, (…) não pretendem usar o termo ‘Sussex Royal’ ou qualquer iteração da palavra ‘Royal’ em qualquer território (dentro do Reino Unido ou não) quando a transição ocorrer na primavera de 2020“.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.