Há um misterioso asteroide a orbitar muito perto do Sol

Pelo que se sabe do Sistema Solar, há uma ordem mais ou menos conhecida: Sol, planetas, cintura de asteróide, mais planetas e, depois, mais asteroides. Mas uma nova descoberta pode alterar um pouco as coisas.

Trata-se de um asteroide chamado 2019 AQ3, cuja órbita elíptica é quase sempre mais próxima do Sol do que Vénus – e até se aproxima de Mercúrio. Precisa de apenas 165 dias para orbitar o Sol – o ano mais curto já visto num asteróide do Sistema Solar.

“Encontrámos um objeto extraordinário cuja órbita mal se desvia além da órbita de Vénus – isto é um grande problema”, disse o astrónomo Quanzhi Ye, do Centro de Processamento e Análise de Infravermelho (IPAC) da Caltech. “Pode haver muitos asteroides ainda não descobertos por aí como eles.”

O objeto foi visto pela primeira vez a 4 de janeiro de 2019 em dados do Zwicky Transient Facility (ZTF), um projeto automatizado de levantamento do céu feito pelo Palomar Observatory da Caltech. Não demorou muito para que a sua natureza incomum intrigasse outros astrónomos e múltiplos telescópios foram instalados para estudá-lo a 6 e 7 de janeiro.

Além disso, os arquivos do telescópio Pan-STARRS 1 no Observatório Haleakalā, no Hawai, revelaram evidências anteriormente não percebidas do asteroide, que remontam a 2015.

Com base nos dados de arquivo e nas novas observações, os investigadores conseguiram fazer um cálculo preciso da órbita do 2019 AQ3. O asteroide viaja a um estranho loop que o leva para cima e para baixo do plano orbital do Sistema Solar – estranho porque a maioria das coisas no Sistema Solar dentro da Nuvem Oort seguem este plano.

E, como mencionado, a sua proximidade com o Sol também é estranha. De todos os asteroides do Sistema Solar – e existem muitos – encontramos apenas 19 (incluindo 2019 AQ3) cujas órbitas estão completamente contidas na órbita da Terra.

Estes asteroides são conhecidos como asteroides de Atira, asteroides de Apohele ou Objetos no Interior da Terra (IEOs) e, embora não representem uma ameaça atual, isto pode mudar no futuro se as suas órbitas forem perturbadas por Vénus ou Mercúrio.

O tamanho do 2019 AQ3 parece ser considerável. Não conhecemos muitos asteroides do mesmo tamanho. Embora seja impossível fornecer dimensões exatas com base nas observações limitadas até o momento, as estimativas atuais indicam que o seu diâmetro seja de até 1,6 quilómetros.

“Este é um dos maiores asteroides com uma órbita inteiramente dentro da órbita da Terra – uma espécie muito rara“, disse Ye. “De muitas maneiras, 2019 AQ3 é um asteróide excêntrico.”

Procurar asteroides Atira e asteroides e cometas próximos da Terra potencialmente perigosos para a Terra é apenas um dos objetivos da ZTF. Com seu amplo campo de visão e rápida leitura eletrónica, é projetado para capturar objetos que se movem ou ocorrem rapidamente, chamados de eventos transitórios.

No geral, o projeto identificou 50 asteroides próximos da Terra, incluindo 2018 NX e 2018 NW. Também identificou dois buracos negros.

Os artigos a descrever as descobertas serão publicados numa edição especial da revista ZTF da publicação Publications of the Astronomical Society of the Pacific.

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Milagres e crucificação. Novo videojogo permite encarnar a pele de Jesus Cristo

Um novo videojogo permite aos jogadores viverem a vida de Jesus Cristo. Neste polémico jogo, poderá realizar alguns dos milagres mais célebres da bíblia e até combater contra Satanás. "I Am Jesus Christ" é um novo …

Porto 3-2 Feyenord | Dragão treme mas vence grupo

Foi chegar, ver, marcar, sofrer e, no final, festejar. Num duelo impróprio para cardíacos, o FC Porto venceu esta quinta-feira o Feyenoord por 3-2 e carimbou, pela quinta vez no seu historial, acesso à próxima …

Slovan 2-4 Braga | Minhotos vencem grupo em grande estilo

O Sporting de Braga somou a quarta vitória no Grupo K da Liga Europa e terminou no primeiro lugar, à frente do Wolverhampton. Os minhotos foram a Bratislava bater o Slovan por 4-2, depois de …

Culdesac Tempe. Vai nascer no Arizona o primeiro bairro sem carros dos EUA

Tempe, no Arizona, vai ser palco da primeira tentativa de criar uma sociedade "pós-automóvel" nos Estados Unidos. Em 2020, a Culdesac irá inaugurar um bairro em que ser-se dono de um veículo é contra as …

Chris recebeu um transplante (e o ADN do doador instalou-se em partes inesperadas do seu corpo)

Chris Long recebeu um transplante de medula óssea como tratamento para o seu diagnóstico recente de leucemia mielóide aguda e síndromes mielodisplásicas - duas condições raras que prejudicam a produção de células sanguíneas saudáveis. Quatro anos …

Startup do Porto "ganha" 6 milhões de euros para criar os gémeos digitais dos humanos

A startup portuguesa MyDidimo conseguiu um investimento de 6 milhões de euros, graças a um grupo de empresas portuguesas e de fundos comunitários, para apostar no desenvolvimento da tecnologia que permite criar "gémeos digitais" de …

A "ilha dos deuses" do Japão vai cobrar bilhete de entrada aos turistas

Depois de locais como Veneza, em Itália, e a ilha dos dragões de Komodo, na Indonésia, também Miyajima, a "ilha dos deuses" do Japão, irá cobrar bilhete de entrada aos turistas. A ilha localiza-se a uma …

LASK 3-0 Sporting | Derrota rouba primeiro lugar ao leão

O Sporting foi à Áustria perder por 3-0 com o LASK Linz, terminando o Grupo D da Liga Europa no segundo lugar, ultrapassado precisamente pelo seu adversário desta quinta-feira. Com muitas alterações em relação ao …

Eintracht 2-3 Vitória SC | Reviravolta épica no adeus europeu

O Vitória de Guimarães fechou da melhor forma uma campanha europeia que não tinha sido a mais feliz até então, pese as boas exibições que foi somando, sem consequência nos marcadores finais. O Vitória de Guimarães, …

Argentina concede estatuto de refugiado a Evo Morales

O ex-Presidente da Bolívia, Evo Morales, chegou esta quinta-feira à Argentina procedente de Cuba, onde esteve para realizar uma consulta médica, e deverá permanecer no país, confirmou o ministro dos Negócios Estrangeiros argentino, Felipe Solá. "Evo …