Há três portugueses na corrida ao prémio de Melhor Autarca do Mundo

CML

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina.

Os presidentes das Câmaras de Lisboa, de Cascais e de Braga integram a lista de 81 nomeados ao prémio de Melhor Autarca do Mundo. Fernando Medina, Carlos Carreiras e Ricardo Rio correm contra os autarcas de cidades como Londres, Roma, Milão e Atenas.

O prémio “World Mayor” é uma distinção atribuída pela The City Mayors Foundation, uma fundação que junta municípios de todo o mundo, e visa destacar o trabalho feito pelos presidentes de Câmara com melhor desempenho ao serviço das suas cidades e vilas.

Assim, os presidentes da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, de Cascais, Carlos Carreiras, e de Braga, Ricardo Rio, juntam-se a nomes como Sadiq Khan, mayor de Londres, e Giuseppe Sala, autarca de Milão, na disputa pelo galardão.

A forma como os autarcas têm gerido a pandemia de covid-19 contribuiu para esta eleição, deixando Ricardo Rio “muito satisfeito” por integrar o “leque restrito” de nomeados, no âmbito de uma iniciativa que “valoriza o papel dos autarcas no desenvolvimento das suas comunidades”, como destaca em declarações à Lusa.

“Se seria sempre uma grande honra, este ano não deixa de ter um sabor especial por os critérios de análise terem incidido sobre a capacidade de resposta à pandemia e à recuperação para o futuro”, aponta ainda o autarca de Braga.

Carlos Carreiras nota que a nomeação “prestigia a capacidade de resiliência de Cascais, a determinação das suas gentes e a sua capacidade de se unir nos momentos difíceis”. Mas “é uma distinção que dispensávamos, pois significaria que não teríamos este pesadelo da pandemia da covid-19″, aponta o mesmo autarca na Lusa.

Os autarcas de Amesterdão (Holanda), Femke Halsema, de Roma (Itália), Virginia Raggi, de Atenas (Grécia), Kostas Bakoyannis e de Marselha (França), Michele Rubirola, também estão na corrida.

Outro nome que integra a lista é Arthur Virgilio Neto, prefeito de Manaus, cidade brasileira onde as reservas de oxigénio se esgotaram devido ao elevado número de casos de covid-19.

Entre os 81 nomeados, estão representados 38 países, sendo 40 da Europa, 17 da América do Norte, 12 da Ásia, 6 da América do Sul, 4 de África e 2 da Oceania.

A lista com os 20 ou 21 candidatos finais ao prémio será divulgada “na segunda metade de Janeiro”.

O galardão foi criado em 2004 para distinguir os autarcas com “visão, paixão e capacidades para tornar as suas cidades lugares únicos para se viver, trabalhar e visitar”, como apontam os organizadores.

Atribuído de dois em dois anos, em 2018, o prémio ficou nas mãos de Valeria Mancinelli, presidente da Câmara de Ancona, em Itália.

Sob a liderança de Mancinelli, “Ancona, a capital da região da costa Adriática, experimentou um forte crescimento económico“, sobretudo devido à forma como recuperou “todo o importante sector da construção naval” que “enfrentava enormes dificuldades” quando ela tomou posse, sustentam os organizadores do prémio.

Susana Valente Susana Valente, ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Um século de luta comunista comemorado com 100 ações pelo país

O mais antigo partido político comemora, esta sábado, 100 anos de existência. PCP vai festejar o aniversário com 100 ações pelo país. O PCP assinala, este sábado, os seus 100 anos com 100 ações, em mais …

Relações esfriadas. Moedas consultou Marcelo, mas dispensou conselhos de Passos

Antes de anunciar a sua candidatura a Lisboa, Carlos Moedas consultou Marcelo Rebelo de Sousa e falou com Paulo Portas. Com Pedro Passos Coelho só falou um dia depois de o seu nome ter sido …

Portugal não pode perder o comboio da Europa. Para Marcelo, é hora de aproveitar o novo ciclo

A crise que assolou o nosso país tem de ser aproveitada para "olhar para os problemas estruturais". A mensagem foi deixada pelo Presidente da República, nesta sexta-feira, na conferência de abertura do Festival P, com …

Santana não desiste e admite candidatar-se à Figueira (mesmo à revelia do PSD local)

Pedro Santana Lopes não fecha totalmente a porta e admite vir a candidatar-se à Figueira da Foz como independente. Mesmo que a concelhia do PSD já tenha tomado uma decisão e avance com Pedro Machado, Pedro …

Um Papa na "Terra de Abraão" pela primeira vez na História. Francisco em viagem inédita ao Iraque

Depois de 15 meses em Itália, o Papa Francisco regressou às viagens pastorais com uma visita de quatro dias ao Iraque, uma viagem inédita de um líder da Igreja Católica ao Iraque.  O Papa Francisco desafiou …

Jesus não "perdoa" Vlachodimos pelo erro no dérbi. Vieira já definiu preço para o guardião

O jornal O Jogo escreve este sábado que o treinador do Benfica, Jorge Jesus, ainda não esqueceu o erro do guardião Odysseas Vlachodimos frente ao Sporting, numa partida para o campeonato que acabou com a …

Abandonar Aeroporto do Montijo e apostar em Alcochete custará ao Estado tanto como "15 hospitais"

O Aeroporto do Montijo está, de novo, em águas de bacalhau, mas se o Governo tiver mesmo de abandonar o projecto, o Estado terá de desembolsar uma indemnização de 10 mil milhões de euros. Além …

Equipas móveis vão percorrer o país para testarem alunos, professores e funcionários de escolas públicas

Equipas móveis - compostas por enfermeiros, técnicos e administrativos - vão percorrer o país para testarem todas as escolas públicas do continente. Numa primeira fase, o universo de testados rondará as 500 mil pessoas. O Público …

Disse para mim mesma: "Auriol, o primeiro é o teu lugar" - e foi

A portuguesa Auriol Dongmo conquistou, esta sexta-feira, a medalha de ouro do lançamento do peso nos Campeonatos da Europa de atletismo de pista coberta, que se estão a disputar em Torun, Polónia. Auriol Dongmo conquistou a …

Eduardo Quaresma não tem o que é preciso para singrar, diz olheiro de topo

Um olheiro internacional de topo considera que Eduardo Quaresma não tem aquilo que é preciso para singrar ao mais alto nível. Em declarações ao ZAP, o scout argumenta que lhe faltam qualidades físicas. Eduardo Quaresma é …