/

Há ovelhas à solta em Lisboa (e é por uma boa causa)

1

Um rebanho de 20 ovelhas vai andar à solta no Parque da Bela Vista, em Lisboa, no âmbito do projecto ambiental Life Lungs. A iniciativa experimental enquadra-se na Estratégia Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas.

As ovelhas já saíram da Quinta Pedagógica dos Olivais rumo ao Parque da Bela Vista e vão poder pastar à solta nesta zona da capital, embora com uma rede limitadora para não se perderem pela cidade.

É a primeira saída do rebanho, estando previsto que outras ocorram até Maio de 2021 numa iniciativa do projecto Life Lungs que é coordenado pela Câmara Municipal de Lisboa e que tem financiamento da União Europeia (UE).

O projecto tem um orçamento de 2,7 milhões de euros, sendo financiado em 55% por fundos comunitários, como nota o Expresso. Estão previstas acções até 2024.

A ideia é “associar o pastoreio de animais à manutenção dos prados biodiversos da infraestrutura verde da cidade, e assim as ovelhas alimentam-se, fertilizam o solo e contribuem para a paisagem“, explica ao semanário o vereador do Ambiente, Clima e Estruturas Verdes, José Sá Fernandes.

O vereador refere ainda que o projecto “vem cumprir uma ideia defendida pelo arquitecto Gonçalo Ribeiro Telles“, recentemente falecido.

Desenvolvido pela Câmara Municipal de Lisboa, o projecto Life Lungs visa “contribuir para a concretização da Estratégia Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas (EMAAC, 2017), particularmente ao promover a resiliência da cidade ao aumento de temperatura e escassez de água“, como se explica no site oficial da iniciativa.

O recurso às ovelhas pretender “reduzir o esforço humano e o consumo de energia associados ao corte tradicional” da relva, “permitindo, ao mesmo tempo, o aumento da matéria orgânica e da humidade relativa, contribuindo para a estabilização do solo e controlo da taxa de erosão”, explica ainda a Quinta Pedagógica dos Olivais que colabora no projecto.

  Susana Valente, ZAP //

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.