Arqueólogos encontraram uma guerreira Eslava num cemitério Viking

(dr) Mirosław Kuźma

Ilustração da mulher Eslava encontrada num cemitério Viking na Dinamarca

Os arqueólogos pensavam que, por ter sido encontrada num cemitério Viking na Dinamarca, esta mulher pertencia a este grupo de guerreiros. Estavam enganados: afinal, esta mulher era de origem Eslava.

Quando os arqueólogos descobriram os restos mortais de uma mulher, ao lado de um machado, num cemitério Viking na Dinamarca, pensaram que se trataria uma guerreira. Mas, agora, escreve o Live Science, uma análise mais profunda permitiu revelar o mais inesperado: esta mulher não era Viking.

De acordo com o comunicado do Ministério da Ciência e do Ensino Superior da Polónia, esta mulher era, afinal, de origem Eslava e provavelmente de uma região do Leste da Europa que agora faz parte do território polaco.

Ao lado dos restos mortais encontrados no cemitério dinamarquês, na ilha de Langeland, estava também uma moeda que revelou que o local do enterro tem cerca de mil anos e o túmulo da mulher era o único que tinha uma arma, pode ler-se na mesma nota.

Ao longo da história, mulheres por esse mundo fora manejaram armas e, nos últimos anos, os arqueólogos encontraram evidências de que algumas mulheres Vikings foram mesmo enterradas com elas.

Mas, de acordo com Leszek Gardeła, arqueólogo da Universidade de Bonn, na Alemanha, que descobriu os restos mortais da mulher, em muitos desses casos não havia restos humanos nas sepulturas e, por isso, o sexo dos antigos ocupantes era geralmente inferido pela presença de joias e outros objetos que normalmente pertenciam a mulheres.

No entanto, o esqueleto desta Eslava estava deitado no túmulo e não mostrava ferimentos evidentes que indicassem como morreu. O machado assemelhava-se a ferramentas similares do sul do Báltico — região que inclui países que fazem fronteira com o Mar Báltico, como a Polónia, a Alemanha e a Lituânia — e a construção do seu túmulo é uma reminiscência de estruturas de cemitérios daquela parte do mundo durante a Idade Média.

Durante este período na Dinamarca, Eslavos e Escandinavos viveram juntos, fator que poderia explicar porque é que esta mulher “escolheu” um cemitério dinamarquês para descansar em paz.

Até agora, cerca de 30 sepulturas de mulheres com armas foram descobertas na Noruega, Dinamarca e Suécia. Deste número, dez foram descobertas por Gardeła. As suas descobertas vão ser publicadas em 2020, como parte de um projeto que investiga mulheres Vikings e Eslavas que foram guerreiras, intitulado “Amazonas do Norte”.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Ter um machado ao lado não configura ninguém como guerreiro(a) !
    A conclusão é simplista e infantil.
    Há explicações bem mais aceitáveis, como por exemplo possuir um estatuto elevado, ou ainda receber uma homenagem!
    Aliás, nem há notícias escritas de guerreiras!
    Quando deixam as tretas políticas interferir na investigação científica, dá disparates destes!

    • Como eu disse (e tu não estás atento) ter um machado ao lado não faz de ninguém um guerreiro! Terão que se esforçar mais para conseguir impingir essa treta políticamente correcta de que havia mulheres guerreiras!
      Quando a política de mete na ciência só sai às asneira!

Responder a PL Cancelar resposta

Sem Joacine, nova direção do Livre foi eleita com 95 votos a favor e 15 brancos

Este domingo, no segundo dia do IX congresso do Livre, a nova direção do partido foi eleita com 95 votos a favor e 15 brancos (e não conta com a deputada Joacine Katar Moreira). No final …

Juiz pede escusa do caso dos emails por ser adepto do Benfica

O juiz desembargador apresenta vários motivos para pedir escusa do processo, nomeadamente por ser "sócio do Benfica desde 1968". De acordo com o jornal Público, Eduardo Pires, juiz desembargador do Tribunal da Relação do Porto (TRP), …

Afinal, Irão já não vai pedir ajuda para analisar caixas negras do avião

O Irão recuou na intenção de enviar para análise as gravações da caixa negra do avião ucraniano, que abateu acidentalmente na semana passada, para que sejam sujeitas a análises adicionais, revelou a agência noticiosa iraniana. Citado …

Bruno Fialho sucede a Marinho e Pinto na liderança do PDR

Bruno Fialho é o novo presidente do Partido Democrático Republicano (PDR), ao obter 75% dos votos na eleição deste sábado para escolher o sucessor de António Marinho e Pinto, que anunciou o abandono do cargo …

Legislador russo culpa "arma climática" dos EUA pelo inverno quente de Moscovo

Alexei Zhuravlyov, membro da câmara baixa do Parlamento da Rússia (Duma), culpou uma alegada "arma climática" secreta dos Estados Unidos pelas anómalas temperaturas que se fizeram sentir este inverno em Moscovo.  Em declarações à estação de …

Nova espécie de louva-a-deus empala as suas presas como se fossem fondue

O Carrikerella simpira, uma nova espécie de louva-a-deus, caça as suas presas perfurando-as de um lado ao outro com as suas patas em forma de tridente. Cientistas descobriram uma nova espécie de louva-a-deus com uma característica …

Astrónomos descobrem que o fósforo foi gerado na formação de estrelas

Astrónomos descobriram que o fósforo, elemento químico essencial à vida, se constituiu durante a formação de estrelas e sugerem que chegou à Terra através de cometas. Uma equipa de astrónomos detetou monóxido de fósforo na região …

Nova máquina repara e mantém fígados vivos fora do corpo humano durante uma semana

Um novo sistema consegue manter um fígado humano vivo fora do corpo durante sete dias, período no qual o órgão danificado pode ser reparado e preparado para o transplante. As tecnologias convencionais conseguem sustentar um fígado …

Rui Rio vence segunda volta. Líder reeleito quer "estabilidade, lealdade e unidade"

O presidente social-democrata, Rui Rio, afirmou hoje que espera poder “trabalhar com estabilidade e lealdade”, recusou que o PSD esteja “partido” e vincou estar “a iniciar o momento para marcar a unidade” no partido. O líder …

Gatos não se importam de comer pessoas mortas (e há um estudo que mostra como o fazem)

Uma nova investigação analisou como é que dois gatos selvagens se alimentaram de cadáveres humanos. Os animais mostraram preferência por corpos específicos ao longo de vários dias. No Forensic Investigation Research Station, no estado norte-americano do …