Novo Governo da Nova Zelândia centrado na recuperação económica

worldeconomicforum / Flickr

Jacinda Ardern, primeira-ministra da Nova Zelândia

A primeira-ministra da Nova Zelândia anunciou esta segunda-feira a formação do novo Governo, no qual o Partido Verde vai ocupar dois ministérios, centrado na recuperação económica do país, na sequência da pandemia da covid-19.

Jacinda Ardern, que liderou o Partido Trabalhista até conseguir a maioria absoluta nas eleições de 17 de outubro, disse que entre as prioridades destaca-se a resposta sanitária contínua à covid-19, noticiou a agência Lusa.

“Os próximos três anos trazem desafios muito grandes para a Nova Zelândia. O panorama global está a piorar e não seremos imunes ao contínuo impacto da covid-19 em todo o mundo”, disse, em conferência de imprensa, a política, de 40 anos.

Apesar de os trabalhistas terem conquistado 64 dos 120 lugares no Parlamento neozelandês, Ardern estendeu a mão aos Verdes, com dez deputados e aliados tradicionais, para uma aliança no Governo.

A responsável anunciou que o vice-primeiro-ministro vai ser o trabalhista Grant Robertson, que também ocupará o cargo de ministro das Finanças e Infraestruturas, chave para a recuperação económica.

O Governo de Ardern vai destinar cerca de 42 mil milhões de dólares neozelandeses (cerca de 24 mil milhões de euros) ao setor das infraestruturas no âmbito da estratégica para sair da recessão em que se encontra devido ao impacto da covid-19.

New Zealand Tertiary Education Union / Wikimedia

O novo ministro da saúde neo-zelandês, Andrew Little

A primeira-ministra neozelandesa, aplaudida internacionalmente pela gestão rápida e com medidas drásticas de resposta à pandemia no país, mantém as fronteiras internacionais fechadas desde março e confinou o país com apenas 50 casos confirmados da doença.

Durante a segunda vaga, Ardern voltou a impor o confinamento a Auckland, com 1,7 milhões de habitantes ou a cidade mais povoada da nação oceânica, entre outras medidas para travar a doença causada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2.

Foi também criado o Ministério de Resposta à Covid-19, encarregado de gerir aspetos como o controlo das fronteiras, rastreios e testes de deteção do vírus para prevenir potenciais surtos. À frente vai estar Chris Hipkins, antigo responsável pela pasta da Saúde.

O trabalhista Andrew Little vai ser o novo ministro da Saúde, e Nanaia Mahuta vai ser a primeira mulher na Nova Zelândia a liderar a diplomacia do país.

Como parte do acordo com o Partido Verde, Marama Davidson vai ser a ministra para a Prevenção da Violência Familiar e Sexual, bem como ministra associada da Habitação para Indigentes, enquanto James Shaw vai dirigir a pasta das Alterações Climáticas e ministro associado do Ambiente para a Biodiversidade.

Apesar da inclusão dos Verdes, a primeira-ministra deixou claro não serem necessários acordos para avançar com propostas do Governo, já que os trabalhistas têm a maioria no parlamento. Esta foi a primeira vez que um partido obteve a maioria absoluta desde a reforma eleitoral de 1996.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Meteorito atinge casa de homem indonésio e transforma-o em milionário

O caso insólito aconteceu em Kolang, na Sumatra do Norte, Indonésia. Um fabricante de caixões de 33 anos encontrou um meteorito no seu jardim, depois deste atingir o telhado da sua casa em agosto. O protagonista …

Há 20 anos que ninguém sabe do paradeiro de dois cadernos de Charles Darwin

Dois dos cadernos do naturalista Charles Darwin, um dos quais com o rascunho da “Árvore da Vida” (1837), estão desaparecidos há cerca de 20 anos e terão sido muito provavelmente roubados, anunciou esta terça-feira a …

Cientistas reconstruiram explosão de Beirute através das redes sociais

Cientistas forenses recorreram a imagens partilhadas nas redes sociais para reconstruirem a explosão de Beirute, em agosto, que matou 191 pessoas. A 4 de agosto, uma série de explosões causadas por 2.750 toneladas de nitrato de …

Professor alemão do ensino básico é suspeito de canibalismo e homicídio

Depois de uma pilha de ossos ter sido encontrada por transeuntes no parque de Berlim, as autoridades alemãs descobriram que se tratava de uma vítima de canibalismo. As pistas conduziram-nas, mais tarde, à casa do …

Marselha 0-2 FC Porto | Dragão vence e abre porta dos "oitavos"

Basta apenas um ponto para que o FC Porto carimbe uma vaga nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões. Na noite desta quarta-feira, os “dragões” venceram o Marseille por 2-0 – com os contributos de Zaidu …

Mais de 100 mil crianças morreram com VIH e 320 mil ficaram infetadas. A pandemia pode piorar o cenário

De acordo com um relatório da UNICEF, a cada 100 segundos uma criança ou jovem com menos de 20 anos foi infetado pelo VIH no ano passado. Com os novos dados, o número total de …

Animação mostra como foram construídas as pontes do século XIV

Construir uma ponte sobre a água parece uma tarefa complicada e a verdade é que, apesar dos inúmeros avanços tecnológicos, os fundamentos pouco alteraram desde os tempos medievais. A Ponte Carlos tem 618 anos, mas não …

Médicos sem Fronteiras deixam hospital da Venezuela devido a restrições

A Médicos sem Fronteiras (MSF) vai se retirar de uma colaboração com um hospital venezuelano que visa tratar pacientes com covid-19 devido a restrições na entrada de especialistas no país, informou a organização na terça-feira. A …

O novo amplificador de guitarra tem maior capacidade de encaixe (e é mais poderoso)

Em 2016, o engenheiro eletrónico Chris Prendergast lançou um projeto Kickstarter para o amplificador de guitarra portátil JamStack. Este encaixava-se num pino de correia e emitia sons gerados por um smartphone. Agora foi lançada a …

Etiópia. Comissão de direitos humanos denuncia massacre de 600 civis na região de Tigré

A organização independente que investiga acusações de violência contra civis na Etiópia corroborou o relatório da Amnistia Internacional que denunciou a chacina de pelo menos 600 pessoas na região de Tigré, no Norte do país. Segundo …