Governo com margem política para abdicar de 15% do Novo Banco

Em 2022, o Governo tem margem política para abdicar do direito de entrar como acionista no Novo Banco (NB), inicial­mente com uma participação de mais de 2%, mas que pode subir a 15%.

Para já, nem o PS nem o PSD consideram que a atribuição dessa posição acionista ao Estado – depois deste ter concedido créditos tributários – seja uma inevitabilidade.

A posição é visível na votação de uma das propostas de alteração ao relatório da comissão de inquérito ao Novo Banco, que foi feita pelo Bloco de Esquerda e que os dois partidos, juntos, chumbaram.

Em causa está um regime que foi criado com o intuito de fortalecer o sector bancário no mandato de Maria Luís Albuquerque, ministra das Finanças de Passos Coelho, mas com a contrapartida de o Estado vir a ser acionista e cujos efeitos práticos começam agora a ser concretizados.

A adesão ao regime especial aplicável aos ativos por impostos diferidos permite que os bancos recebam um reembolso ou paguem dívidas tributárias, mas que, depois, o Estado possa vir a ser acionista num montante ligeiramente superior.

Com o Estado a entrar, a posição do Fundo de Resolução ficaria reduzida de 25% para perto de 10%, recebendo menos numa futura venda do banco.

Neste contexto, o Bloco de Esquerda pretendeu introduzir uma conclusão no relatório da comissão de inquérito, inicialmente apresentado pelo socialista Fernando Anastácio.

“A opção pela não conversão dos ativos por impostos diferidos por parte do Estado desprotege as contas públicas, na medida em que o Estado abdicaria assim, em benefício do Fundo de Resolução, da receita de uma eventual alienação do NB pela Lone Star”, era o que dizia a proposta, chumbada pelos dois partidos.

Desta vez, o PS e o PSD uniram-se para travar esta censura ao Governo caso abdicasse de tal poder.

Questionado pelo Expresso sobre se o Estado deve evitar entrar no banco mesmo tendo concedido o alívio fiscal, o socialista João Paulo Correia defende que “o Estado deve defender a sua posição” e admite que essa “é uma decisão que deve ser mais ponderada”.

Por sua vez, Hugo Carneiro, do PSD, admite mesmo que há riscos na entrada do Estado. “Se o NB vier a precisar de mais dinheiro ao longo do tempo, pode o Estado, tornando-se acionista do NB, ser chamado a fazer novas injeções para além dos €3,89 mil milhões”, refere.

O Ministério das Finanças não respondeu ao Expresso sobre o assunto, mas, na sua audição, João Leão falou sempre em “possibilidade” e nunca numa certeza.

ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

Há uma rua no Texas onde todas as casas foram impressas em 3D

Esta é a primeira comunidade de casas impressas em 3D nos EUA que está pronta a receber habitantes. A construção torna as habitações mais resistentes ao fogo e a inundações. Chama-se East 17th Street e fica …

A filha de Picasso doou nove obras do artista espanhol a França

A família de Pablo Picasso doou nove obras do artista ao Estado francês, que serão agora integradas no Museu Picasso, em Paris. Maya, a filha de Pablo Picasso, doou nove obras do artista como parte de …

Dormir bem? Depois da pandemia, não

O novo coronavírus criou uma "nação" de pessoas com insónias. Trabalhar menos horas pode ajudar. Insónias. Já eram um problema para muita gente até ao início de 2020 mas a pandemia que mudou o mundo também …

"Não posso ficar sentado a ver-nos voltar a 1972". Médico desafia a lei no Texas e admite que já fez um aborto

Um médico texano escreveu uma coluna de opinião no Washington Post a admitir que já fez um aborto no estado, depois da lei que proíbe interromper as gravidezes após seis semanas ter entrado em vigor. Em …

A cidade mais segura do mundo foi revelada (e é europeia)

Copenhaga foi eleita a cidade mais segura do mundo em 2021 pelo Índice de Cidades Seguras (SCI), da Economist Intelligence Unit. Quando se trata de escolher o destino a visitar, a segurança é um dos aspetos …

Benfica 3-1 Boavista | Águia evolui com Darwin para a vitória

Desde 1982/83 que o Benfica não vencia os primeiros seis jogos no Campeonato. Pois bem, na noite desta segunda-feira, os encarnados venceram o duelo ante o Boavista e fizeram xeque-mate graças ao bis de Darwin …

Milhões de pessoas em risco de tráfico e escravidão devido à crise climática, revela relatório

Milhões de pessoas forçadas a deixar as suas casas por causa da seca severa e ciclones correm o risco da escravidão moderna e de tráfico humano nas próximas décadas, alertou um novo relatório publicado esta …

Mercado teme corrida ao imobiliário com o fim dos vistos gold

A partir de janeiro, segundo as novas regras aplicáveis aos vistos gold, vão deixar de estar abrangidos os investimentos em imobiliário com destino a habitação em Lisboa, no Porto e no litoral. O regime que visa …

Desempregados inscritos no IEFP caem 10% em agosto

O número de desempregados inscritos no Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) voltou a cair, pelo quinto mês consecutivo. Agosto fechou com 368.404 desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego De acordo com os dados …

Agora que a catedral de Notre-Dame está estabilizada, pode dar-se início à reconstrução

Dois anos e meio após o incêndio que devastou a catedral de Notre-Dame, o edifício encontra-se seguro para iniciar o processo de reconstrução, que se espera estar concluído em 2024. Os trabalhos de segurança e consolidação …