Governo quer vender fardas da PSP e GNR na Internet

Oscar in the middle / Flickr

A criação de uma plataforma online para a venda das fardas dos militares da GNR e dos agentes da PSP é uma das medidas que consta do Orçamento do Estado para 2019, com o objectivo de poupar ao Ministério da Administração Interna (MAI) cerca de três milhões de euros.

A gestão do fardamento dos militares da GNR e dos agentes da PSP é um problema antigo e “grave” que o Governo espera poder resolver com a criação de uma plataforma online.

A medida, que integra o Orçamento do Estado para 2019 (OE2019), já é falada “há três ou quatro anos”, como explica à TSF o dirigente da Associação Sindical dos Profissionais da Polícia (ASPP), Paulo Rodrigues.

“O problema é mesmo grave”, salienta Paulo Rodrigues na TSF, constatando que a dificuldade em adquirir fardamento leva muitos agentes a recorrerem ao mercado negro. Por outro lado, há quem não saiba onde pode adquirir as fardas.

Assim, Paulo Rodrigues tem a “esperança” de que “desta vez, seja mesmo para implementar” este novo modelo online de gestão do fardamento. Isto porque permitirá a qualquer militar ou agente, de qualquer parte do país, comprar as fardas e “sabem que são peças oficiais e não precisam de ir a uma casa mandar coser ou bordar porque as calças não são bem iguais”, explica o dirigente da ASPP.

O Governo refere na proposta de OE2019 que a plataforma online visa “reduzir as imobilizações financeiras inerentes aos ‘stocks’” e “permitir a libertação de espaços” que estão, actualmente, afectos “à confecção, armazenamento e venda de fardamento, bem como a reafectação de pessoal para o serviço operacional”, como cita a TSF.

Todavia, o novo modelo é olhado com alguma desconfiança pelo vice-presidente da Associação de Profissionais da Guarda (APG), José Miguel. Hoje em dia, “é muito prático e funcional” fazer compras online, mas no que diz respeito a roupas e fardamentos, não creio que seja assim tão prático ou sequer viável num curto espaço de tempo“, considera em declarações à TSF.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

    • Quando comecei a ver/ouvir a notícia na TV, também fiquei com a mesma preocupação, mas depois ao dizerem que era para gestão interna fiquei mais descansado.
      Ao ler esta notícia, voltei a ficar preocupado, ao referirem que existe um “mercado negro” de fardas

RESPONDER

"Como me mudar para o Canadá?" É o que os norte-americanos querem saber depois do debate presidencial

Depois do debate presidencial ficar marcado por diversas interrupções e insultos entre os candidatos à Casa Branca, são muitos os americanos a sentirem-se tentados a abandonar o país, e já escolherem o destino: o Canadá. Ao …

"Não toleramos insultos": Equipa abandona jogo decisivo ao intervalo

Comentário sobre a homossexualidade de um futebolista antecipou o final de um jogo de futebol. A mesma equipa tinha protestado outro encontro devido a insulto racista. O jogo de futebol entre San Diego Loyal e Phoenix …

Cofina condenada a pagar 3 milhões de euros ao Fisco

A Cofina, que detém o Correio da Manhã, a CMTV, a Sábado e o Jornal de Negócios, vai ter de pagar três milhões de euros à Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) após ter perdido o …

Desfasamento do horário vigora até 31 de março de 2021 (e pode ser prolongado)

O regime excecional que contempla o desfasamento de horários vigora até 31 de março de 2021, podendo ser prolongado, e os trabalhadores sem transportes públicos que lhe permitam cumprir o horário podem opor-se. O diploma que …

Mário Centeno vai dar aulas na Universidade Nova

O governador do Banco de Portugal, Mário Centeno, vai dar aulas na Universidade Nova, em Campolide, Lisboa, avança o jornal Público esta quinta-feira. O antigo ministro das Finanças do Governo de António Costa vai lecionar a …

ADSE quer pagar reembolsos atrasados em menos de dois meses

A ADSE quer resolver os atrasos de largos meses que se verificam nos reembolsos das despesas que os beneficiários fazem no regime livre em menos de dois meses. De acordo com o semanário Expresso, a intenção …

Costa sugere a Marcelo condecoração da CGTP no 50.º aniversário da central sindical

O primeiro-ministro afirmou esta quinta-feira ter sugerido ao Presidente da República a condecoração da CGTP, numa mensagem de felicitação pelos 50 anos da central sindical em que destaca a necessidade de proteger trabalho e rendimentos …

Governo vai integrar nos quadros quase 3.000 profissionais de saúde

O Conselho de Ministros aprovou esta quinta-feira o decreto-lei que permite integrar nos quadros quase três mil profissionais do Serviço Nacional de Saúde. Em comunicado, o Governo explica que a conversão do vínculo laboral de 2.995 …

Quatro defensores dos direitos humanos, indígenas e ambientais recebem "Nobel Alternativo"

Duas advogadas, do Irão e da Nicarágua, um advogado dos Estados Unidos (EUA) e um ativista da Bielorrússia foram esta quinta-feira distinguidos, em Estocolmo, com o "prémio Nobel Alternativo" que pretende "impulsionar mudanças sociais urgentes …

PJ diz que há “condições” para alargar colaboração com Rui Pinto

A Polícia Judiciária (PJ) admitiu a possibilidade de a colaboração com Rui Pinto poder “ir além” da abertura dos discos encriptados e apreendidos ao criador do Football Leaks, reconheceu esta quinta-feira o inspetor José Amador. "Temos …