/

Fundador da Wikipedia apela a boicote às redes sociais

B!T

Devido à falta de preocupação com a privacidade dos utilizadores, um dos fundadores da Wikipedia, Larry Sanger, apelou a um boicote de 48 horas às redes sociais.

O co-fundador da Wikipedia, Larry Sanger, está a organizar um boicote de 48 horas às redes sociais, que se realizará entre o dia 4 e 5 de julho. Sanger defende que há “uma grande demanda para que haja mudanças”. Doutorado em filosofia, o co-criador da Wikipedia diz que o boicote mostraria a insatisfação dos utilizadores.

Contudo, há alguma reticência quanto à adesão ao boicote, uma vez que muitos se questionam se esta medida realmente terá um impacto significativo. Sanger não concorda e diz que seria crucial para que as redes sociais alterem a forma como tratam a privacidade dos seus utilizadores.

“Vamos fazer muito barulho”, escreveu o co-fundador do portal criado em 2001. “Vamos mostrar os músculos e exigir que as grandes e manipuladoras empresas devolvam o controlo sobre os nossos dados, privacidade e experiência do utilizador”, escreveu, citado pela BBC. Os interessados são também convidados a assinar uma “Declaração dos Direitos Digitais“, criada pelo próprio.

Além disso, Sanger espera que o boicote leve as redes sociais a tornarem-se mais abertas e interoperáveis. Desta forma, uma publicação feita numa rede social, poderia ser vista nas outras. “É assim que as redes sociais deveriam ter sido desenvolvidas desde o início, em vez de cercadas em redes separadas e concorrentes”, acrescentou.

“[As grandes plataformas] têm bloqueado injustamente contas, publicações e formas de financiamento com base em argumentos políticos ou religiosos, preferindo a lealdade de alguns utilizadores sobre outros”, explicou Sanger, citado pelo jornal Público.

Sanger, que foi um dos criadores da Wikipedia em 2001, acabaria por abandonar a empresa passado um ano. O filósofo tinha a preocupação de que a Wikipedia fosse uma plataforma que permitisse a proliferação de conteúdo falso, já que deixa qualquer utilizador alterar os artigos. Acabaria por fundar a rival Everipedia, em 2014.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE