Freira processa Igreja Católica depois de ser violada no convento e engravidar

(dr) TVN

A Irmã Francisca foi violada no convento por um homem que fazia obras de restauro no local

A Irmã Francisca foi violada no convento por um homem que fazia obras de restauro no local

Quando pediram à irmã Francisca que tratasse da alimentação de um grupo de homens que faziam o restauro do convento onde vivia enclausurada, no coração de Santiago, no Chile, a religiosa não fazia ideia do que isso mudaria a sua vida.

A irmã Francisca resume o que ocorreu em 3 palavras: “Começou o meu calvário“, conta a emissora local chilena de televisão TVN.

Tudo ocorreu quando, em 2012, a madre superiora autorizou um grupo de homens a dormir no convento onde trabalhavam. Francisca cuidava deles. Um dia, aproveitando um momento em que se encontrava mal disposta, conta a irmã Francisca, um dos homens, Hernán Rios Valdivia, levou-a para um dos quartos e violou-a.

“Foi um golpe assustador, que mudou a minha vida”, recorda a religiosa. Traumatizada e com medo de que ninguém acreditasse na história, a irmã Francisca não contou a ninguém o que tinha acontecido. “Como mulher, senti-me incapaz de falar, com medo de que não acreditassem em mim. E preferi ficar quieta”, diz.

Mas, três meses depois do ataque, descobriu que estava grávida. No convento, a notícia não foi muito bem recebida. “Fui caluniada, disseram que era culpada e que o tinha feito de propósito”, conta a freira.

“Implorei, disse que estava inocente. As minhas irmãs foram muito cruéis comigo.” Desde então, a madre duperiora do convento passou a pressioná-la para que deixasse o hábito e assinasse uma demissão “voluntária” da ordem. No entanto, Francisca recusou-se.

Como ninguém acreditou na sua versão – até chegaram a acusá-la de roubo, de acordo com o seu testemunho – Francisca decidiu deixar o convento.

Denúncias à Justiça

Com a ajuda de ONGs, Francisca deu a sua criança para adopção e denunciou na Justiça o que tinha acontecido. Em novembro de 2015, Rios Valdivia foi condenado por violação.

No entanto, a irmã Francisca diz que isso não foi suficiente para que pudesse viver em paz. “Tive que me calar, tive que fingir que estava tudo bem, tive que engolir as minhas lágrimas e tive que esconder coisas que me aterrorizavam”, conta Francisca.

A religiosa culpa uma instituição que considerava a sua “única família” e a abandonou, “a igreja, que sempre defendi como um leoa”, e processou a arquidiocese de Santiago e Ordem das Clarissas Capuchinhas.

A resposta da igreja

Segundo os seus assessores o arcebispo de Santiago, Ricardo Ezzati, não conhece o caso. “O bispo não entra em detalhes da vida interna, comum e quotidiana das freiras“, diz Jorge Concha, bispo auxiliar de Santiago, entrevistado pela TVN.

A principal diocese da Igreja Católica no Chile diz que soube do caso apenas depois de ter recebido a notificação do processo civil e que, anteriormente, nunca tinha sido informada pela vítima ou pela madre superior.

Francisca duvida desta versão. Garante que advogados da arquidiocese a visitaram anteriormente, e que reuniram com as “suas irmãs” para discutir a sua renúncia. “Senti-me extremamente intimidada”, diz a irmã.

O Vaticano não comentou o caso.

ZAP // BBC / TVN

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. É simples: acabar já com as confissões religiosas que fazem com que as pessoas ainda vivam na idade média. Acabar com o parasitismo social – pelo menos já a este nível.

RESPONDER

Jovem esfaqueou quatro pessoas na cidade francesa de Périgueaux

Um jovem esfaqueou esta terça-feira quatro pessoas na cidade francesa de Périgueaux, tendo uma delas ficado gravemente ferida, segundo a imprensa local, adiantando que a investigação descarta a hipótese de se tratar de um ato …

Greve dos enfermeiros adia mil cirurgias no São José, Santa Maria e São João, avança sindicato

A greve dos enfermeiros, que cumpre esta terça-feira o segundo dia, vai obrigar ao adiamento de mil cirurgias nos hospitais de Santa Maria e S. José, em Lisboa, e no São João, no Porto, disse …

Câmara de Pedrógão Grande não revela onde gastou donativos dos incêndios

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande "vive numa espécie de bolha incontactável" e não revela onde foram gastos os donativos atribuídos para ajuda às vítimas dos trágicos incêndios que assolaram aquela zona em 2017. A …

Jogadores do Sporting apontam o dedo a Bruno de Carvalho no incidente de Alcochete

Ouvidos no âmbito da investigação do incidente em Alcochete, Battaglia e Mathieu - ambos jogadores do Sporting presentes no dia das agressões - apontaram o dedo a Bruno de Carvalho, relembrando que o então presidente …

Jacarta está a afundar e pode ficar submersa já em 2050

Os especialistas alertam que, se nada for feito, alguns lugares da capital da Indonésia podem acabar completamente debaixo de água até 2050. "A possibilidade de Jacarta ficar submersa não é nenhuma brincadeira", adverte o investigador Heri …

Polémica na Web Summit. Marine Le Pen está de volta

O convite feito a Marine Le Pen para participar na Web Summit que se realiza entre 5 e 8 de Novembro, no Altice Meo Arena, em Lisboa, está a gerar polémica. E a SOS Racismo …

Dezenas de mortos após queda de ponte em Génova

A ponte Morandi, localizada sobre a auto-estrada A10, em Génova, no norte Itália, colapsou esta terça-feira. As autoridades admitem que o colapso da estrutura pode ter feito dezenas de mortos e feridos. Inicialmente as autoridades não …

BE e DECO de mãos dadas nas críticas ao BdP sobre serviços mínimos bancários

O Bloco diz que o Banco de Portugal defendeu interesses dos bancos e não dos consumidores enquanto que a DECO defende que grande percentagem da população não sabe o que significa o valor do Indexante …

Carro rompe barreira de segurança do Parlamento em Londres. Suspeito detido

As autoridades britânicas estão a investigar um incidente ocorrido nesta manhã após um veículo ter batido contra as barreiras de segurança junto ao Parlamento, em Londres, no Reino Unido. O suspeito foi detido e não …

Caixas multibanco sob ameaça de ataque em massa

Bancos de todo o mundo foram avisados de que podia estar iminente um ataque em massa às suas máquinas de multibanco. SIBS nega que o apagão deste domingo esteja relacionado com o ataque. Segundo o The …