Estrela da Fox News chega a acordo milionário após denúncia de assédio

USMC / Wikimedia

Gretchen Carlson, ex-apresentadora da Fox News

Gretchen Carlson, ex-apresentadora da Fox News

Dois meses depois de processar o então CEO da Fox News Roger Ailes por assédio sexual, a apresentadora Gretchen Carlson aceitou um acordo com a empresa para receber 20 milhões de dólares da estação.

A pivot da Fox News tinha apresentado uma queixa onde alegava ter sido vítima de assédio de Roger Ailes por várias vezes, de forma implícita e explícita, nomeadamente através de olhares incómodos, comentários e propostas impróprias que, quando rejeitadas, levaram a retaliações profissionais.

A queixa foi apresentada no início de julho, poucos dias depois da Fox News não ter renovado o contrado da apresentadora.

A indemnização de 20 milhões de dólares, apesar de expressiva, é ironicamente baixa quando comparada com os 40 milhões que Roger Ailes terá recebido da Fox News para se afastar da empresa na sequência do escândalo.

Esta manhã, a Vanity Fair avançou que Roger Ailes vai pagar uma parte do montante, a par da Fox News, embora ainda não se saiba o tamanho dessa fatia. A revista acrescenta que o acordo inibe Gretchen Carlson de ações futuras contra a Fox ou qualquer um dos seus executivos.

Na sequência das alegações de Gretchen Carlson, várias outras mulheres da Fox News denunciaram as suas próprias experiências de assédio sexual, entre as quais a estrela da estação Megyn Kelly, o que terá sido definitivo para que o patrão todo-poderoso da 21st Century Fox, Rupert Murdoch, afastasse Roger Ailes.

Entretanto, a 21st Century Fox já confirmou o acordo com a apresentadora, publicando um pedido de desculpas onde elogia o seu profissionalismo.

“Durante o seu trabalho na Fox News, Gretchen trabalhou de acordo com os padrões mais elevaos do jornalismo e do profissionalismo. Desenvolveu uma audiência leal e foi uma fonte diária de notícias para muitos americanos. Temos orgulho em que ela tenha feito parte da equipa da Fox News”, afirma a empresa.

“Lamentamos sinceramente e pedimos desculpas pelo facto de não ter sido tratada com respeito e dignidade que ela e todas as suas colegas merecem”, salienta a Fox.

Gretchen Carlson também já emitiu um comunicado, onde agradece a todas as mulheres que a apoiaram quando resolveu expor o seu caso.

A jornalista afirma: “Estou grata à 21st Century Fox pela sua atuação decisiva quando apresentei queixa. Estou pronta para seguir em frente para o próximo capítulo da minha vida, no qual vou duplicar os meus esforços para dar mais poder às mulheres no seu espaço de trabalho”.

“Quero agradecer a todas as mulheres corajosas que se manifestaram em minha defesa e contaram também as suas histórias, e às muitas pessoas de todo o país que me apoiaram na campanha #StandWithGretchen. Todas as mulheres merecem um ambiente de trabalho digno e respeitador”, conclui.

AF, ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Mais de 500 católicos portugueses contra proibição de comunhão na boca

Mais de 500 católicos portugueses, entre leigos e sacerdotes, apelaram à Conferência Episcopal Portuguesa para revogar a proibição de os fiéis receberem a comunhão na boca, por causa da pandemia de covid-19, informou na quarta-feira …

Adeptos recusam devolução dos bilhetes. Bayern distribui dinheiro por clubes amadores

Os adeptos do Bayern renunciaram ao direito de serem reembolsados pelos bilhetes comprados para os jogos até ao final da temporada. O clube decidiu distribuir o dinheiro pelos emblemas amadores da região da Baviera. Tal como …

Trabalhadores acusam TAP de pagar abaixo do salário mínimo a tripulantes em lay-off

O Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) acusou hoje a TAP de não estar a pagar o previsto na lei do ‘lay-off’, indicando vários casos em que a remuneração é inferior …

Tesla baixa preço de quase todos os modelos nos Estados Unidos

A empresa de carros elétricos Tesla baixou o preço dos Modelos 3, S e X no mercado norte-americano, visando estimular as vendas que estão em declínio durante a pandemia, avança a agência Reuters. O semanário …

Assessor de Boris cometeu infração ao confinamento, conclui polícia

A polícia britânica concluiu que Dominic Cummings, assessor do primeiro-ministro, Boris Johnson, cometeu uma violação "menor" das regras de confinamento introduzidas para combater o novo coronavírus, mas não pretende abrir um processo. Cummings admitiu ter conduzido …

Infarmed suspende hidroxicloroquina no tratamento de pacientes com covid-19

O Infarmed suspendeu o uso de hidroxicloroquina no tratamento de pacientes com covid-19. Para além da OMS, outros países já tomaram a mesma decisão que Portugal. A decisão vem no mesmo sentido da Organização Mundial de …

PCP mantém festa do Avante! e pede calma às "almas mais inquietas"

O secretário-geral do PCP admitiu hoje que “não seria um drama”, devido à pandemia de covid-19, cancelar a festa do Avante, e garantiu que não é por dinheiro que os comunistas estão empenhados em realizá-la …

Futebol inglês aponta regresso para dia 17 de junho

A Liga inglesa de futebol, suspensa desde 13 de março devido à pandemia da covid-19, vai regressar em 17 de junho, com a realização de dois encontros em atraso, de acordo com BBC e Sky …

Estado investe 2.000 milhões na ferrovia, mas comboios vão circular à mesma velocidade

O investimento da Infraestruturas de Portugal deverá rondar os 2.000 milhões de euros, mas este montante servirá quase exclusivamente para eletrificação de linhas e substituição de sinalização. De acordo com a edição desta quinta-feira do jornal …

SBSR confirma Foals, Local Natives e Boy Pablo para a edição de 2021

Os Foals, os Local Natives e o músico Boy Pablo são os primeiros nomes reagendados para a 26.ª edição do Festival Super Bock Super Rock, remarcada para julho de 2021, foi hoje anunciado. O SBSR deveria …