Fósseis misteriosos podem ser uma das provas mais antigas de vida animal na Terra

Elizabeth Turner, cientista numa universidade do Canadá, poderá ter encontrado a prova mais antiga de vida animal na Terra.

Uma cientista encontrou possíveis sinais de vida animal multicelular em restos de recifes microbianos de há 890 milhões de anos — uma altura em que o mundo era dominado por bactérias e algas.

Se a descoberta, apresentada esta semana na revista Nature, se confirmar, significa que existia vida animal na Terra 90 milhões de anos antes de se pensar sequer que havia oxigénio suficiente para sustentar vida.

Elizabeth Turner, paleobióloga da Universidade de Laurentian, no Canadá, investigou amostras extraídas de antigos recifes no Norte do Canadá e encontrou potenciais provas fósseis de vida animal que poderão ser as mais antigas alguma vez encontradas.

Para avaliar o material, a cientista recorreu a “petrografia ótica” — que consiste na análise de finas fatias de rocha iluminadas por baixo e observadas através de um microscópio ótico.

“Como esses pedaços são translúcidos, podemos ver as relações entre os cristais na rocha”, disse, em declarações ao jornal Público, Elizabeth Turner.

Elizabeth Turner

Turner identificou, assim, secções raras com redes de estruturas em forma de tubo — entre 20 e 30 micrómetros — que continham cristais de calcite (um mineral).

O padrão fossilizado não corresponde à ramificação vista em fungos e outros micróbios, mas assemelha-se muito ao esqueleto fibroso encontrado em esponjas, conhecidas como “esponjas com espinhos”, explica Turner, no artigo.

“Se estiver correta na minha interpretação, estas provas representam os fósseis mais antigos de animais descritos até à data”, considerou a cientista, acrescentando que as esponjas são o tipo de animal mais básico conhecido até hoje.

Os recifes foram construídos principalmente por cianobactérias fotossintetizantes e podiam atingir quilómetros de diâmetro, mas as estruturas misteriosas foram encontradas dentro de depressões da área de crescimento do recife e em lacunas sem luz.

Isto sugere que, ao contrário das cianobactérias, os fósseis encontrados pertenceriam a um organismo que não precisava de luz solar.

De acordo com a Science Alert, já se suspeita há algum tempo que o alvorecer dos metazoários começou provavelmente com esponjas — ou algo muito parecido —, uma vez que são os animais mais básicos conhecidos.

Este fóssil é, provavelmente, aquilo “que se deveria esperar dos primeiros fósseis do corpo metazóico”, disse ainda a investigadora.

Até agora, os fósseis de animais mais antigos pertencem à biota do Ediacarano (entre há 575 e 541 milhões de anos), que consiste num grande conjunto de fósseis de organismos geralmente difíceis de interpretar e que têm sido encontrados em todo o mundo.

Sofia Teixeira Santos, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Há uma rua no Texas onde todas as casas foram impressas em 3D

Esta é a primeira comunidade de casas impressas em 3D nos EUA que está pronta a receber habitantes. A construção torna as habitações mais resistentes ao fogo e a inundações. Chama-se East 17th Street e fica …

A filha de Picasso doou nove obras do artista espanhol a França

A família de Pablo Picasso doou nove obras do artista ao Estado francês, que serão agora integradas no Museu Picasso, em Paris. Maya, a filha de Pablo Picasso, doou nove obras do artista como parte de …

Dormir bem? Depois da pandemia, não

O novo coronavírus criou uma "nação" de pessoas com insónias. Trabalhar menos horas pode ajudar. Insónias. Já eram um problema para muita gente até ao início de 2020 mas a pandemia que mudou o mundo também …

"Não posso ficar sentado a ver-nos voltar a 1972". Médico desafia a lei no Texas e admite que já fez um aborto

Um médico texano escreveu uma coluna de opinião no Washington Post a admitir que já fez um aborto no estado, depois da lei que proíbe interromper as gravidezes após seis semanas ter entrado em vigor. Em …

A cidade mais segura do mundo foi revelada (e é europeia)

Copenhaga foi eleita a cidade mais segura do mundo em 2021 pelo Índice de Cidades Seguras (SCI), da Economist Intelligence Unit. Quando se trata de escolher o destino a visitar, a segurança é um dos aspetos …

Benfica 3-1 Boavista | Águia evolui com Darwin para a vitória

Desde 1982/83 que o Benfica não vencia os primeiros seis jogos no Campeonato. Pois bem, na noite desta segunda-feira, os encarnados venceram o duelo ante o Boavista e fizeram xeque-mate graças ao bis de Darwin …

Milhões de pessoas em risco de tráfico e escravidão devido à crise climática, revela relatório

Milhões de pessoas forçadas a deixar as suas casas por causa da seca severa e ciclones correm o risco da escravidão moderna e de tráfico humano nas próximas décadas, alertou um novo relatório publicado esta …

Mercado teme corrida ao imobiliário com o fim dos vistos gold

A partir de janeiro, segundo as novas regras aplicáveis aos vistos gold, vão deixar de estar abrangidos os investimentos em imobiliário com destino a habitação em Lisboa, no Porto e no litoral. O regime que visa …

Desempregados inscritos no IEFP caem 10% em agosto

O número de desempregados inscritos no Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) voltou a cair, pelo quinto mês consecutivo. Agosto fechou com 368.404 desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego De acordo com os dados …

Agora que a catedral de Notre-Dame está estabilizada, pode dar-se início à reconstrução

Dois anos e meio após o incêndio que devastou a catedral de Notre-Dame, o edifício encontra-se seguro para iniciar o processo de reconstrução, que se espera estar concluído em 2024. Os trabalhos de segurança e consolidação …