“Foi no Jamor que o lagarto ardeu”: claque do Benfica gera nova polémica

O jogo de andebol entre o Benfica e o Sporting, realizado este sábado, ficou marcado por um cântico polémico da claque encarnada, que faz referência ao adepto sportinguista que morreu no Jamor por causa de um very-light.

Depois da polémica com o cântico dos Super Dragões, que fazia referência à queda do avião onde se encontravam os jogadores da Chapecoense, eis que surge um novo cântico para embaraçar o desporto português, desta vez a partir da claque do Benfica.

Foi no Jamor que o lagarto ardeu, na final da Taça o very-light é que o fodeu”, ouviu-se este sábado durante o jogo de andebol entre o Benfica e o Sporting, numa referência da claque encarnada ao adepto sportinguista Rui Mendes, de 36 anos, que morreu, em 1996, atingido por um very light durante a final da Taça de Portugal.

Já no mesmo dia, mas durante um jogo de futsal no Pavilhão da Luz, foi ouvido o mesmo cântico, o que levou o diretor de comunicação do Sporting a pedir a intervenção do Ministério Público, escreve o Público.

“A amoralidade continua impune. O silêncio criminoso da direcção de virgens ofendidas do clube que diz não ter claques mas que as apoia ilegalmente, é cada vez mais insuportável”, pode ler-se no Facebook de Nuno Saraiva.

Esta segunda-feira, o Benfica emitiu um comunicado no seu site oficial a condenar o cântico dos adeptos encarnados e no qual pede calma para o dérbi que se aproxima.

“O Sport Lisboa e Benfica tal como de imediato reagiu na noite de sábado, repetimos como de imediato reagiu, repete o repúdio e a condenação de forma veemente sobre os lamentáveis e inqualificáveis cânticos de um grupo de adeptos do nosso Clube”.

O Benfica refere que também foi alvo de cânticos ofensivos por parte da outra claque, nos quais não foi respeitada a “memória de Eusébio”.

“São comportamentos inaceitáveis, que merecem uma pública condenação, tais como os insultuosos cânticos à memória de Eusébio que foram feitos pela claque de outro clube e que estamos certos nada tem a ver com a instituição Sporting Clube de Portugal”.

“O Sport Lisboa e Benfica aproveita para testemunhar a sua confiança, de que a exemplo da história comum centenária, o dérbi do próximo fim de semana será mais um momento de festa, convívio e sã rivalidade e competição entre os atletas e adeptos dos dois clubes”.

No próximo sábado, às 20h30, o Sporting recebe o Benfica, no Estádio de Alvalade.

ZAP //

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. Que estupidez! Que idiotice! Que gente tão cretina!
    É incrivel como esta gentalha manhosa e ranhosa das “claques” evidencia atitudes desta natureza e os clubes ainda financiam gente desta.
    Há pouco tempo, soubemos da situação absurda e inqualificável da claque do Porto, a propósito do avião do Chapecoense e o Benfica. Tudo isso gerou, e bem, a repulsa generalizada, pois desejar a morte a alguém, mesmo de alguém que não se goste, é hediondo e revela a canalhice, a falta de carácter, de valores humanos e morais de quem emite tais disparates. Pois bem, estes idiotas agora, não aprenderam que há coisas que são tão estúpidas e animalescas que pura e simplesmente nem devem passar pela cabeça de alguém, minimamente bem formado.
    Cambada de cretinos janados, que destroem a essência do desporto.

  2. Sou benfiquista e digo, isto são bichos e não os vejo como adeptos de nada, pois eu apoio o meu clube e n é fdp…nem a desejar a morte a ninguém. Mas o mm aplica se seja em azul ou verde…VERGONHOSO

  3. é de lamentar o que está a acontecer.
    cada vez mais o futebol deixou de ser uma festa para passar a odio, ataques aos dirigentes, etc.
    a culpa de certas situaçoes é dos presidentes (uns fazem queixas, outros agridem outros presidentes, etc)
    ja la vai o tempo em que as claques podiam estar todas misturadas a assistir a um jogo e no fim saiam todos a cantar e a festejar.
    ou mudam as leis para estes casos ou ainda vamos ter mais mortes.
    nao é com pequenas multas (multas irrisorias que ate fazem um cidadao ri-se com as quantias que aplicam).
    estamos a ser piores do que as outras claques
    nunca se deve gozar com quem ja faleceu
    espero que a direcção do benfica penalize estes adeptos

  4. É realmente triste. Eu como Portista condeno o cântico sobre o chapecoense. Sem o querer desculpar, este cântico exprimia um desejo estupido de ver mortos os jogadores do benfica. E triste, mas… era um desejo. Os adewptos do Benfica foram mais longe, estão a GABAR-SE de um CRIME que eles cometeram. Nem sequer estão arrependidos… por favor. Acabem com TODAS as claques de uma vez por todas.

  5. A canalha, gastou todos os “tiros” a atacar os super-dragões pelo facto de referirem nos “cânticos”, de forma indecente o Chapacoense mas, não têm moral, ainda fizeram pior porque, os No Name Boys, claque ilegal, pertence aos que tiraram a vida a um adepto do SCP, no estádio do Jamor e cantam esse crime por isso, nem todos os membros das claques são energúmenos mas, no universo das claques existem muitos, infelizmente.

  6. Atrasados mentais… Todos! Seja lá de que clube forem…. Vão mas é fazer crochet, incompetentes (sobretudo mentais)! ehehehehehehehe

RESPONDER

Maria de Belém, Paulo Macedo, Adalberto Campos Fernandes. Marcelo chama seis ex-ministros a Belém

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vai chamar a Belém seis ex-ministros do setor para falar sobre a resposta da Saúde durante a pandemia. De acordo com o semanário Expresso, Marcelo Rebelo de Sousavai …

Pai de Rosa Grilo constituído arguido por suspeita de favorecimento pessoal

O pai de Rosa Grilo, Américo Pina, foi esta quarta-feira constituído arguido num segundo processo relacionado com a morte do triatleta Luís Grilo. Segundo o jornal Público, a notícia foi confirmada por fonte próxima do processo, …

NOS e Vodafone vão partilhar equipamentos de redes móveis

A NOS e a Vodafone fecharam acordos com vista à partilha de infraestruturas e equipamentos de rede móvel, abrangendo as tecnologias 2G, 3G e 4G. A NOS e a Vodafone anunciaram um acordo de partilha de …

Eutanásia começa a ser discutida. Deputados consideram pergunta "confusa" e "não" é quase certo

A discussão sobre a eutanásia começa hoje no Parlamento e estende-se até sexta-feira. A proposta, que conta com o apoio da Igreja Católica, deve ser chumbada, tendo em conta os sentidos de voto já conhecidos, mas …

Cabrita mantém auditoria sobre falhas na GNR e PSP em segredo

A auditoria "Cartografia de Risco", feita pela Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) que detetou falhas na formação e organização na GNR e na PSP, continua em segredo no gabinete do ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita. Em …

Assassino publicou áudio a dizer que "vingou o profeta". Pai de aluna e dois menores podem ter sido cúmplices

O assassino do professor francês que mostrou caricaturas de Maomé numa aula divulgou uma mensagem de áudio nas redes sociais em que dizia ter vingado o profeta, após publicar uma fotografia da sua vítima, avança …

Avanços e ajustamentos em pezinhos de lã. Sem certezas, Governo tenta aproximar-se à esquerda

A tensão entre o PS e a esquerda já dura há duas semanas. O Governo já fez algumas cedências em troca do "sim" dos parceiros, mas falta a análise que tarda em chegar. Fonte do Governo …

"Bazuca" dá mais mil milhões para "revolução" nos transportes de Lisboa e Porto

O ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, diz que estamos perante uma "revolução" que vai mudar muito a circulação das pessoas em Lisboa e no Porto. O dinheiro vindo da União …

"Médicos pela Verdade". Ordem abre processo contra movimento que desvaloriza gravidade da covid-19

A Ordem dos Médicos abriu processos disciplinares a 7 médicos do movimento Médicos pela Verdade, grupo que desvaloriza a gravidade da covid-19 e se mostra contra o uso generalizado de máscaras e de testes de …

"Esta é a crise das nossas vidas". Vieira da Silva diz que chumbo do OE seria "dificilmente compreensível"

O ex-ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, José António Vieira da Silva, elogiou, em entrevista ao jornal ECO, a proposta para Orçamento de Estado para 2021 (OE2021) e disse que seria "estranho" que não …