Fisco castigou funcionários que viram dados de Sócrates e Passos

EPP / Flickr

O ex-primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho

O ex-primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho

A Autoridade Tributária instaurou 50 processos disciplinares, ao longo dos últimos três anos, a funcionários do Fisco que consultaram indevidamente os dados de figuras públicas como Passos Coelho, Cavaco Silva, José Sócrates e Manuel Pinho.

Estes dados são divulgados pelo Público que teve acesso aos processos instaurados pela Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) a inspectores do Fisco que acederam, sem autorização, aos dados de vários políticos.

“Dos 50 inquéritos, 45 deram lugar a repreensões e cinco foram arquivados“, noticia o jornal.

Na maioria dos casos, a Direcção de Serviços de Consultadoria Jurídica e Contencioso da AT propôs “penas de repreensão escrita, suspensas por seis meses ou um ano”.

De acordo com o jornal, a consulta dos dados de José Sócrates motivou 12 inquéritos e a dos dados de Passos Coelho originou 29 processos.

O acesso a informações do empresário Carlos Santos Silva, o amigo de Sócrates que é visto como o seu testa-de-ferro, pelo Ministério Público, na Operação Marquês, originou sete processos.

Houve ainda “averiguações por acessos aos dados de Pedro Passos Coelho e Aníbal Cavaco Silva“, aponta o Público.

O nome de Cavaco Silva esteve envolvido em apenas um caso e o ex-Presidente da República terá sido a única situação sinalizada no âmbito da chamada “Lista VIP” – este software implantado pelo Fisco, entre 2014 e 2015, permitia ficar a saber quem consultava os dados fiscais de Passos Coelho, Cavaco Silva, Paulo Portas e Paulo Núncio, quando estes detinham os cargos de primeiro-ministro, Presidente da República, vice-primeiro-ministro e Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, respectivamente.

No caso de Manuel Pinho, também envolvido num único inquérito, o Público refere que um “funcionário com ordem para avaliar o processo contra o Fundo de Pensões do BES foi repreendido porque consultou o IRS” do ex-ministro, em 2013, quando este era o gestor do BES África.

Em 2013, outros funcionários da AT foram investigadores por terem acedido a dados fiscais de outras dez figuras públicas, entre as quais Jorge Jardim Gonçalves, José Mourinho, Belmiro de Azevedo e Alexandre Soares dos Santos.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A democracia em Portugal, está doente.
    Porque razão é que as pessoas mencionadas e outras que não estão mencionadas mas que tem o privilégio de serem tratadas com as mesmas mordomias, o Zé Povinho não pode conhecer os seus rendimentos?. Coisa estúpida e aberrante.
    Os funcionários que foram castigados deviam era ser promovidos, pelos bons serviços prestados.
    Os Sr(s). Deputados, tinham o dever de estar atentos, assim como deviam romper com a submissão ao chefe.

RESPONDER

Joe Biden afirma que EUA estão "de volta" às Nações Unidas

"Os Estados Unidos estão de volta" às Nações Unidas, afirmou, na segunda-feira, o Presidente dos Estados Unidos. "Os Estados Unidos estão de volta. Acreditamos nas Nações Unidas e nos seus valores", disse Joe Biden após …

Portugal regista mais 11 mortes e 780 casos de covid-19

Portugal registou, esta terça-feira, 780 novos casos e 11 mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde, Portugal …

Pandemia já matou quase tantos norte-americanos como a gripe espanhola

A covid-19 já matou quase tantos norte-americanos, no último ano e meio, como a gripe espanhola, entre 1918 e 1919, de acordo com dados esta terça-feira divulgados pela Universidade Johns Hopkins. Embora o aumento das novas …

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Linha de Fundo: A sexta, a bonança e um festival de juventude

O pleno das águias, o regresso do campeão às vitórias e um dragão jovem com chama alta. As frases e os números da semana. Visto da Linha de Fundo. A prática de Darwin SL Benfica 3 …

Autoeuropa retoma hoje produção após paragem face à crise dos semicondutores

Falta de semicondutores tem sido uma constante, apesar da melhora da situação pandémica, face ao atraso dos países asiáticos no que concerne à vacinação, o que obriga à paragem das fábricas responsáveis pelo fabrico das …

Os smartphones avariam mal acaba a garantia? Portugal e a UE estão a lutar contra a obsolescência programada

As empresas criam os telemóveis para avariarem pouco depois de acabar a garantia - mas a União Europeia e várias associações estão a lutar contra o desperdício e a tentar proteger os direitos do consumidor. É …

Lava do vulcão de La Palma está a escorrer em direção ao mar aumentando o risco de gases tóxicos

O vulcão Cumbre Vieja na ilha de La Palma, nas Canárias, que entrou em erupção no domingo, tem uma nova boca eruptiva, o que obrigou a evacuar mais habitações, informaram as autoridades. De acordo como Plano …

Adesão ao IVAucher quase duplicou no último mês - mas restauração quer mais medidas

No último mês, quase duplicou o número de contribuintes que se inscreveu no programa que permitirá rebater os descontos acumulados no âmbito da iniciativa IVAucher. De acordo com o Jornal de Notícias, a 23 de agosto, …

Tribunal Europeu dos Direitos Humanos culpa Rússia pelo assassinato de Alexander Litvinenko

Decisão remonta ao incidente de novembro de 2006, que ocorreu num hotel londrino, seis anos após o dissidente político se ter mudado para o Reino Unido, precisamente para fugir às ameaças do regime de Vladimir …

"Tratam-nos assim por causa da cor da nossa pele". Polícias nos EUA filmados a chicotear migrantes

Fotos e vídeos mostram polícias na fronteira a carregar contra migrantes e a usar objectos semelhantes a chicotes. A Casa Branca já condenou a situação e promete que vai investigar o sucedido. Pareciam imagens do tempo …