FC Porto vs Rio Ave | Reviravolta garante Natal azul

José Coelho / EPA

O FC Porto garantiu a liderança natalícia da Liga ao bater o Rio Ave por 2-1.

Os vilacondenses assustaram o Dragão no arranque da partida, mas os campeões nacionais operaram a reviravolta, sob o comando de Brahimi, perante um adversário personalizado que não acusou a partida de José Gomes rumo ao futebol inglês.

O Jogo explicado em Números

  • Início animado no Dragão. Os “dragões” procuraram entrar forte nos primeiros minutos, com mais posse (65%) e dois remates, mas foram os vila-condenses os primeiros a abrir o activo, aos 12 minutos, num contra-ataque venenoso concluído por Vinicius, a castigar uma perda de posse “azul-e-branca” no meio do terreno.
  • Passados quatro minutos, surge a resposta portista, com Brahimi a concluir um lance cuja perigosidade nasce de uma arrancada sua pela zona frontal da área do Rio Ave, com a bola a chegar como se quer ao argelino, vinda da cabeça de Tiquinho Soares. Estava feito o empate e confirmado o arranque de partida interessante.

  • O argelino ia sendo aliás, nesta fase do jogo, o “dragão” mais endiabrado, não só pelo golo mas também pelos desequilíbrios que ia somando.
  • Aos 26 minutos, os “dragões” deram forma à vontade e à eficácia: ao terceiro remate enquadrado, o segundo golo, desta feita por Marega, lançado por Maxi. Reviravolta rápida em tons de azul.
  • Arranque de jogo muito interessante, de parte a parte, com os “dragões” a reagirem como se exige a um líder da prova, mas com o Rio Ave a apresentar um desempenho muito interessante, com 45% de posse, apenas menos um remate enquadrado e a mesma eficácia de passe dos portistas (82%).
  • O argelino Brahimi cotava-se como o melhor em campo na primeira parte, com um rating de 6.5, marcando não só o primeiro golo portista como mostrando a sua habitual qualidade (e quantidade) no drible, com três execuções eficazes em quatro tentadas.
  • O Porto regressou do balneário tudo menos adormecido, somando cinco remates nos primeiros 10 minutos da segunda metade, mas nenhum deles enquadrados. Por sua vez, o Rio Ave praticamente equilibrou a posse de bola (49%) no reatamento e quase chegou ao empate aos 60 minutos, não fosse um corte providencial de Alex Telles.
  • Os homens de Augusto Gama tentavam reagir, mas a verdade é que o Porto reclamava, aos 75 minutos, a autoria de todos os remates (7) realizados na 2ª parte, nenhum deles enquadrado com os postes.
  • Gerindo o andamento das operações, o Porto conseguiu não só garantir a vitória como fechar o jogo com mais disparados na 2ª parte (10) do que na primeira (8), perante um Rio Ave que nunca baixou os braços mas a quem faltou maior objectividade no último terço, mesmo tendo em conta os bons sinais que (mais uma vez) Carlos Vinícius deixou.

O Homem do Jogo

Quando aparece… faz a diferença. Brahimi fechou no topo com um rating de 7.5  assumindo-se como o principal catalizador do jogo ofensivo “azul-e-branco”, sobretudo na primeira parte.

Terminou com um golo em dois remates, dois passes para finalização (um deles para ocasião flagrante desperdiçada por Corona) e finalizou quatro dos seis dribles que realizou, desarmando ainda dois adversários.

Jogadores em foco

  • Tiquinho Soares 6.6 – Pouco rematador (1), assistiu de cabeça o golo de Brahimi, acabando por se destacar num capítulo imprevisto: foi o jogador com mais desarmes realizados, quatro.
  • Jesús Corona 6.4 – O mexicano podia ter rivalizado com Brahimi pelo MVP, caso tivesse aproveitado da melhor maneira a ocasião flagrante que o argelino lhe endossou. Ultrapassou-o, sim, no capítulo do drible, concluíndo seis das nove tentativas que realizou, o maior registo da tarde.
  • Nélson Monte 6.0 – Foi o vilacondense em maior evidência, inteceptando oito bolas e aliviando outras sete, vencendo ainda três dos quatro duelos aéreos defensivos que travou. Sólido.
  • Carlos Vinicius 5.9 – Começou o jogo assustando o Dragão, num jogo em que voltou a deixar sinais de que pode ser um avançado para outros voos. Terminou com três remates, dois deles enquadrados.

Resumo

PARTILHAR

RESPONDER

Elon Musk alerta: Civilização pode colapsar daqui a 30 anos

De acordo com Elon Musk, uma "bomba populacional" vai surgir nas próximas décadas, quando uma população mundial cada vez mais idosa chocar com a queda das taxas de natalidade em todo o mundo. Esta não é …

O mundo árabe está menos religioso. Mas continua homofóbico

Há cada vez mais árabes que dizem não ter religião. Esta é a principal conclusão de uma grande sondagem feita a mais de 25 mil cidadãos de países árabes pelo centro de pesquisa Arab Network …

Tina morreu durante 27 minutos e foi ressuscitada 8 vezes. Quando acordou, escreveu "é real"

Uma mulher norte-americana entrou em paragem cardíaca em fevereiro de 2018 quando se preparava para fazer uma caminhada com o seu marido Brian. Depois de desmaiar, Brian ressuscitando-a duas vezes antes de os paramédicos chegarem para …

"Homem-árvore" pede que as suas mãos sejam amputadas

Abul Bajandar, um homem de 28 anos do Bangladesh conhecido como "Homem-árvore" devido às incomuns verrugas que nascem nos seus membros, pediu que as suas mãos fossem amputadas para aliviar as dores insuportáveis.  Bajandar sofre de …

EUA. Senadores republicanos do Oregon fogem para não aprovar lei ambiental

Senadores estaduais do Oregon, nos Estados Unidos (EUA), encontram-se a monte desde quinta-feira para não votarem uma lei ambiental. Procurados pela polícia, voltaram este domingo a faltar a uma sessão legislativa, impedindo que haja quórum …

O planeta enfrenta um "apartheid climático"

O planeta está confrontado com um “'apartheid' climático”. De um lado, os ricos que se podem adaptar melhor às alterações climáticas, e do outro, os pobres que vão sofrer mais, disse esta segunda-feira um especialista …

Governo repõe 40 horas semanais para trabalhadores do CNB. Greve mantém-se

A partir de 1 de julho, os trabalhadores da Companhia Nacional de Bailado (CNB) voltarão às 40 horas semanais, numa uniformização laboral com os trabalhadores do Teatro Nacional de São Carlos. A decisão foi comunicada, esta …

Nova espécie de planta fóssil descoberta em Gondomar

Annularia noronhai foi encontrada no meio da cidade de Gondomar. Tem 300 milhões de anos, é um parente muito afastado da cavalinha e diz muito sobre o clima da época. Uma nova espécie de planta já …

Há um ano, 12 jovens ficaram presos numa caverna da Tailândia. Hoje, é um local turístico

Há um ano, 11 meninos foram explorar a província de Chiang Rai, na Tailândia, com o seu treinador de futebol, e acabaram presos no fundo de uma caverna sob uma montanha. Depois de terminar o …

Alemães compraram toda a cerveja de Ostritz para "secar" neonazis

Os habitantes de Ostritz, na Alemanha, impediram os participantes de um festival neonazi de beber álcool, esvaziando todas as prateleiras dos supermercados. Num protesto inédito contra a comemoração do aniversário de Hitler naquela localidade, os habitantes  …