FBI revela (acidentalmente) que grupo planeou ataque a centrais de energia se Trump perdesse eleições

John Hogg / World Bank

Supremacistas brancos planearam um ataque a centrais de energia no sudoeste dos Estados Unidos e tinham um plano para operacionalizar um ataque caso o presidente Donald Trump perdesse as eleições, revelou um depoimento ao FBI.

Segundo um depoimento ao FBI, que foi revelado acidentalmente, um adolescente de Ohio estaria alegadamente envolvido e terá revelado o plano que previa a atuação dos supremacistas brancos caso Donald Trump não fosse reeleito nas presidenciais de novembro, que foram ganhas por Joe Biden.

O adolescente estava num grupo de mensagens encriptadas, juntamente com mais de uma dezena de pessoas, quando no outono de 2019 apresentou a ideia de poupar dinheiro para comprar um terreno onde pudessem realizar treino militar, revela o depoimento do FBI, que foi arquivado sob sigilo juntamente com um pedido de mandado de busca e apreensão no Tribunal Distrital do Leste dos Estados Unidos de Wisconsin em março.

Os documentos foram inadvertidamente divulgados na semana passada, e após o erro ser detetado foram imediatamente selados de novo, noticia a agência AP.

O adolescente de Ohio, que tinha 17 anos na altura, partilhou os seus planos sobre uma conspiração para causar uma quebra de energia em centrais de energia no sudeste dos Estados Unidos, através da utilização de armas automáticas.

Esta operação foi intitulada como “Light’s Out” e estava prevista para o verão de 2021, podia ler-se ainda nos depoimentos revelados.

Um dos membros do grupo, do Texas, terá confessado ao informador do FBI que “a quebra de energia acordaria as pessoas para a dura realidade da vida, causando estragos em todo o país”.

Apesar da declaração identificar três pessoas e fazer referência a outras pertencentes a este grupo, a agência AP não citou nenhum nome porque as acusações ainda não foram apresentadas publicamente. Nenhum dos três identificados respondeu a mensagens por correio eletrónico ou por telemóvel, e um dos pais não fez qualquer comentário sobre este caso.

O adolescente queria que o grupo estivesse operacional nas presidenciais de 2024, porque acreditava que provavelmente seria um democrata a vencer, mas o depoimento acrescentava que “o cronograma para estar operacional seria acelerado se o presidente Trump perdesse as eleições de 2020”.

Uma fonte revelou aos investigadores que o adolescente “definitivamente queria estar operacional para a violência, mas também para o ativismo“.

A porta-voz do Ministério Público dos Estados Unidos do distrito sul de Ohio, Jennifer Thornton, disse que não podia fornecer informações adicionais pelo facto da investigação estar em andamento mas assegurou que “não há ameaça iminente à segurança pública relacionada a este assunto”.

O depoimento divulgado detalha uma investigação sobre os membros do grupo, que alegadamente compartilham a ideologia supremacista branca.Estes comunicavam através de mensagens encriptadas, compartilhando leituras recomendadas sobre literatura da supremacia branca, exigiam um uniforme para simbolizar o seu compromisso e conversavam sobre o fabrico de armas.

Esta investigação terá começado após um quarto homem, do Canadá, ter sido detido quando tentava entrar nos Estados Unidos. Este terá dito na fronteira que ia visitar o adolescente de Ohio, que tinha conhecido através de um grupo, segundo o depoimento. Os agentes encontraram imagens de nazistas e relacionadas com supremacia branca no seu telefone.

  ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

A praia de Katoku, no Japão.

Praia intocada no Japão é uma das últimas do país. A sua pureza está a ser violada

A praia em Katoku, no Japão, é parte do Património Mundial da UNESCO. A construção de um paredão está a dividir a população local. Nesta praia cercada por montanhas em Katoku, no Japão, quase não há …

Estátuas usadas num jardim eram, afinal, relíquias egípcias com milhares de anos

Duas estátuas de pedra, usadas durante muito tempo como simples decoração de jardim, foram vendidas por cerca de 230 mil euros, depois de se ter chegado à conclusão que eram, afinal, relíquias egípcias com milhares …

Pandora Papers são "embaraço também para Portugal". Caso vai ser analisado pelo Fisco

O secretário de Estado dos Assuntos Fiscais garantiu que, tal como já aconteceu noutros casos deste género, os Pandora Papers vão ser analisados pela Autoridade Tributária. No início de outubro, uma nova investigação do Consórcio Internacional …

Gonçalo Esteves, Sporting

"Gonçalo Esteves é o futuro do Sporting". Adeptos rendidos ao ex-portista de 17 anos

O lateral-direito Gonçalo Esteves, de apenas 17 anos, estreou-se na equipa principal do Sporting, no jogo da Taça de Portugal contra o Belenenses, e o treinador Ruben Amorim diz que é "o futuro" do clube. …

Portugal regista mais 10 mortes e 612 novos casos de covid-19

Portugal registou, este sábado, mais 10 mortes e 612 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 612 novos …

Toda a herança de Rendeiro foi para o "rei dos táxis". MP investiga presidente da ANTRAL e o filho motorista

O Ministério Público está a investigar o ex-motorista de João Rendeiro e o seu pai, o presidente da ANTRAL, a maior associação de táxis portuguesa. Em causa estão suspeitas de lavagem de dinheiro quando se …

Depois do polémico golo de Mbappé, UEFA pondera mudar regra do fora de jogo

A UEFA defendeu uma reformulação da regra do fora de jogo, depois do polémico golo de Kylian Mbappé que, no último domingo, deu a vitória a França na final da Liga das Nações. Apesar da polémica, …

Nova deputada do PSD condenada por falsificação de documento

A nova deputada do PSD, que toma posse na Assembleia da República na próxima terça-feira, já foi condenada por falsificação de documento há dois anos. Segundo avança o Jornal de Notícias, Eugénia Duarte vai substituir Carla …

Presidente avisou partidos sobre cenário de eleições antecipadas: "Se tiver de ser, é"

Em caso de chumbo do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022), o Presidente da República prefere não perder tempo e "matar o mal pela raiz". Findas as audiências com os partidos no Palácio de Belém, a …

"A maior descida de sempre". Galamba sublinha redução dos preços da luz para empresas e famílias

As tarifas de electricidade propostas pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) para 2022 representam uma descida nos preços da ordem dos 3,4%. O Secretário de Estado Adjunto e da Energia, João Galamba, fala de …