Famílias com filhos gastam em média mais 658 euros por mês

thinkpanama / Flick

-

As famílias com filhos gastaram, em média, menos 74 euros em 2015 e 2016 do que há cinco anos, mas continuam a gastar mais de 600 euros por mês do que despendem os agregados sem crianças dependentes.

De acordo com os resultados provisórios do Inquérito às Despesas das Famílias 2015/2016, divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), a despesa média anual dos agregados familiares com crianças dependentes foi de 25.892 euros.

Há cinco anos, quando o INE divulgou o último Inquérito às Despesas das Famílias (com dados 2010/2011), os agregados com crianças dependentes gastavam 26.775 euros por ano.

Isto significa que as famílias com filhos conseguiram reduzir em quase 74 euros por mês (3,3%) face ao que gastavam em 2010/2011.

Já os agregados sem crianças viram as suas despesas anuais aumentarem 7,7%, de 16.705 euros para 17.997 euros, ou mais quase 108 euros por mês.

Estes números permitem concluir também que a diferença entre os agregados familiares sem e com filhos estreitou-se nos últimos cinco anos: em 2010/2011 as famílias com filhos gastavam mais 60% do que as sem crianças dependentes (cerca de 840 euros por mês); hoje gastam mais 44%, cerca de 658 euros por mês em média.

Segundo o INE, o padrão da despesa anual média difere nas duas tipologias familiares, mais significativamente nos gastos com habitação, ensino e transportes: as famílias sem crianças dependentes gastam mais em habitação (34,3%) do que as famílias com crianças (28,8%), e menos em ensino (0,7% contra 4,0%) e em transportes (13,5% face a 16,1%).

Referem-se ainda as diferenças ao nível dos gastos em saúde (6,6% nas famílias com crianças, 4,5% nas famílias sem crianças), em produtos alimentares e bebidas não alcoólicas (15% contra 13,7%) e em vestuário e calçado (2,8% contra 4%).

“O peso das despesas em saúde é relativamente mais elevado para as famílias sem crianças dependentes em que existe pelo menos um idoso, representando 9,3% no caso dos idosos que vivem sós e 8,2% no caso das famílias constituídas por dois ou mais adultos, em que pelo menos um deles é idoso”, refere ainda o INE.

É também para os idosos que vivem sós, acrescenta, que o peso relativo da despesa em habitação, água, eletricidade, gás e outros combustíveis “é mais elevado, constituindo 41,5% das despesas desses agregados, em comparação com a média nacional de 31,8%”.

A despesa anual média das famílias aumentou 2,6% em 2015/16, face a 2010/2011, para 20.916 euros.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. O título aparenta um erro. Julgo quererem dizer “GASTAM EM MÉDIA 658 EUROS POR MÊS”, e não “GASTAM EM MÉDIA MAIS 658 EUROS POR MÊS”. Era bom terem 658 euros extra para gastar…
    Feliz natal a todos.

RESPONDER

Em apenas três anos, a Austrália perdeu um terço dos seus coalas

A seca, os incêndios florestais e a desflorestação na Austrália levaram o país a perder um terço dos seus coalas nos últimos três anos. A Austrália perdeu cerca de 30% dos seus coalas nos últimos …

Há modelos matemáticos que preveem se uma música vai ser viral — os mesmos utilizados com a covid-19

O uso de modelos matemáticos para antecipar o nível de sucesso de uma música pode começar a ser usado, a partir da publicação do presente estudo, por artistas e editoras para melhorar o desempenho dos …

Alemanha. Funcionário de posto de combustível abatido a tiro por cliente que se recusou a usar máscara

Um homem de 49 anos matou um funcionário de um posto de combustível na Alemanha, após tentar comprar cerveja sem utilizar a máscara. No país, o uso deste equipamento de proteção é obrigatório para entrar …

Um violino gigante flutuou no Grande Canal de Veneza (ao som de Vivaldi)

No passado fim de semana, um violino gigante, com quase 12 metros de comprimento, desceu o Grande Canal de Veneza. A bordo estava um quarteto de cordas, que tocou Four Seasons de Vivaldi. O Noah's Violin …

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …

Europeus acreditam numa "guerra fria" entre os EUA e a China e Rússia

A maioria dos cidadãos da União Europeia (UE), 62%, considera que os Estados Unidos (EUA), com apoio das instituições comunitárias, estão numa nova "guerra fria" com a China, mas recusam envolvimento nacional, revelou um inquérito …

Desenho de Van Gogh esteve guardado mais de 100 anos. Agora, é exibido pela primeira vez

O Museu de Amesterdão, nos Países Baixos, ganhou um novo inquilino: Study for 'Worn Out', um desenho recém-descoberto de Vincent van Gogh. O holandês Vincent van Gogh ainda continua a impressionar o mundo inteiro com a …

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã, com receio de que os avanços dos últimos 20 anos tenham sido conquistados em vão. A Vice falou com algumas professoras afegãs que garantem continuar …

Apenas um terço das crianças em 91 países tem acesso a uma alimentação adequada, alerta UNICEF

Apenas um terço das crianças com menos de dois anos em 91 países em desenvolvimento têm acesso aos alimentos que necessitam para um crescimento saudável, revelou um relatório da UNICEF, apontando que nenhum progresso foi …

Preços das casas voltaram a aumentar no segundo trimestre

Entre abril e junho, o índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu 6,6% em termos homólogos. A revelação foi feita esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). O Índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu …