Famílias carenciadas vão receber apoio de 60 euros

1

O Governo anunciou, a 14 de março, um apoio para compra de bens alimentares destinado a famílias carenciadas. Terá o valor de 60 euros.

As famílias mais carenciadas vão receber um apoio extraordinário que servirá para reduzir o impacto do aumento dos preços dos bens alimentares de primeira necessidade. A ajuda, de 60 euros, será paga em abril.

“No contexto da situação de conflito armado que se verifica na Ucrânia, o Governo criou esta quarta-feira um apoio extraordinário para atenuar os efeitos do aumento dos preços dos bens alimentares de primeira necessidade”, explicou ao ECO fonte oficial do Ministério do Trabalho e da Segurança Social.

“O apoio será destinado às famílias abrangidas pela tarifa social de eletricidade e será de 60 euros, pagos de uma só vez em abril“, acrescentou.

A 14 de março, em conferência de imprensa, o ministro de Estado e da Economia, Pedro Siza Vieira referiu que o apoio deveria abranger os agregados familiares que são beneficiários da tarifa social de energia elétrica e outras prestações sociais.

O universo deverá ser o dos 1,4 milhões de beneficiários da tarifa social de eletricidade, mas não está afastada a possibilidade de ser mais alargado.

O apoio integra um pacote de medidas aprovadas em Conselho de Ministros esta quarta-feira. Entre as medidas anunciadas pelo governante estavam a criação de uma linha de crédito de 400 milhões de euros para as empresas, apoios a fundo perdido, apoios às empresas de transporte de mercadorias e a possibilidade de pagamento de impostos a prestações para as empresas de transporte.

  ZAP //

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.