Programadores detetam falha de software que poderia ter destruído a Bitcoin

Programadores da Bitcoin descobriram uma vulnerabilidade de software que poderia permitir a inserção de um bloqueio na rede. O bloqueio seria capaz de derrubar todo o sistema mundial da moeda virtual.

Frequentemente considerado como a grande referência dentro das criptomoedas (moedas virtuais), o dinheiro baseado no sistema blockchain apresentou uma falha potencialmente desastrosa no software que a suporta.

A moeda virtual funciona através de um sistema blockchain – uma estrutura de dados que representa a entrada da contabilidade financeira ou o registo de uma transação onde cada transação é digitalmente assinada para garantir a sua autenticidade e garantir que ninguém a modifica. Desta maneira as transações podem ser considerados fiáveis.

Depois da atualização fornecida na última quinta-feira pela BitcoinCore – software que alimenta o blockchain da Bitcoin –  um erro descrito como “muito assustador” foi descoberto na Bitcoin.

“Por menos de 70 mil euros, alguém poderia ter deitado abaixo todo a rede“, afirmou Emin Gun Sirer, professor de Ciências da Computação na Universidade de Cornell. “Esta quantia é bem inferior ao valor que muitas entidades pagariam por um ataque de dia zero. Existem muitas pessoas com esta motivação que poderiam ter derrubado o sistema”, acrescentou o professor.

Curiosamente, a vulnerabilidade – ou bug – foi detetada no software de implementação mais conhecido e não no protocolo de execução da própria moeda.

Outras criptomoedas construídas através do código BitcoinCore também foram afetadas. A Litecoin detetou uma vulnerabilidade semelhante mas conseguiu corrigi-la na terça-feira.

Várias análises ao bug, revelam que foi criado como uma “vulnerabilidade de negação de serviço” – um ataque que deixa indisponíveis, durante um tempo indeterminado, os serviços ou recursos de uma empresa. Esta vulnerabilidade foi introduzida no BitcoinCore numa atualização no ano passado.

Essencialmente, a vulnerabilidade permitia criar um bloqueio ao incluir uma transação que gastava as mesmas moedas duas vezes. Num passo seguinte, este bloqueio poderia ser enviado para toda a rede Bitcoin, “crashando” o software do usuário que recebesse a falha.

Na terça-feira, os programadores lançaram um update para corrigir o problema.

PARTILHAR

RESPONDER

Chovem diamantes no interior de Neptuno e Urano (e já se sabe porquê)

Podem estar a chover diamantes dentro dos corações de Neptuno e Urano. Agora, os cientistas descobriram novas evidências experimentais que mostram como é que isso poderia ser possível. Neptuno e Urano são os planetas mais mal …

Descobertas duas super-Terras na zona habitável de uma das estrelas mais próximas do Sistema Solar

Uma equipa internacional de cientistas encontrou duas super-Terras a orbitar uma das estrelas mais próximas do Sistema Solar. Conduzida pela Universidade de Göttingen, na Alemanha, a equipa de especialistas localizou um sistema formado por pelo …

Sporting 2-1 Gil Vicente | Leão de Plata só sabe vencer

O Sporting cumpriu na recepção ao Gil Vicente, no fecho da 29ª jornada da Liga NOS, e venceu por 2-1, num jogo que pareceu sempre controlado, mas que terminou com emoção. Os “leões” dominaram por completo …

Leões marinhos decapitados estão a dar à costa no Canadá (e ninguém sabe porquê)

Os corpos decapitados de pelo menos cinco leões-marinhos encontrados nas costas de Vancouver, no Canadá, nos últimos meses sugerem que pode haver um serial killer de mamíferos marinhos à solta. O LiveScience relata que pelo menos …

Este japonês é a única pessoa no mundo a ter um mestrado em Estudos Ninja

Um homem japonês tornou-se a primeira pessoa no mundo a ter um mestrado em Estudos Ninja depois de concluir um curso de pós-graduação que envolvia a aprendizagem de artes marciais básicas e escalada de montanhas. De …

Cátio Baldé acusado de comprar vistos para jogadores do Benfica

Cátio Baldé está a ser acusado de corrupção passiva por ter pagado a um funcionário da embaixada portuguesa em Bissau para conseguir vistos para jogadores do Benfica. O empresário admite o crime, mas nega o …

Ex-polícia admite ser "Assassino de Golden State" e declara-se culpado de 13 homicídios

O ex-polícia norte-americano Joseph DeAngelo declarou-se, esta segunda-feira, culpado de 13 homicídios. Mais conhecido como o "Assassino de Golden State", DeAngelo foi preso em 2018, após 40 anos de investigação. A identificação do criminoso apenas foi …

Infarmed garante ter stock de remdesivir, apesar da compra massiva dos EUA

Depois da notícia de que os EUA compraram à empresa Gilead Sciences praticamente toda a reserva para três meses do medicamento remdesivir, o primeiro aprovado no país no tratamento de covid-19, o Infarmed garante que …

Orfão, capturado e apresentado à rainha. A história da mais antiga fotografia de um indígena da Nova Zelândia

Um daguerreótipo - primeiro processo fotográfico do mundo - mantido na Biblioteca Nacional da Austrália é o mais antigo retrato fotográfico conhecido de um indígena maori da Nova Zelândia. Na imagem antiga, um adolescente aparece vestido …

Uma mesa de 490 metros na Charles Bridge. Em Praga, o fim da restrições celebrou-se com um jantar em massa

Os habitantes de Praga, capital da República Checa, construíram uma mesa com quase 490 metros e realizaram um enorme jantar público esta terça-feira para comemorar o fim do bloqueio do coronavírus no país. De acordo com …