Estamos a um passo de iniciar a exploração de minério na Lua

Com os olhos postos nos valiosos recursos naturais presentes noutros mundos além da Terra, a humanidade está prestes a iniciar a exploração mineira da superfície da Lua.

Estamos a poucos anos de abrir explorações mineiras na Lua. Cientistas europeus anunciaram, recentemente, os seus ambiciosos planos para iniciar a exploração mineira da Lua já em 2025. O objetivo é minerar um material que pode valer milhões de dólares, o regolito.

O regolito é uma camada solta de material heterogéneo e superficial que cobre uma rocha sólida. Trata-se, portanto, de um material não consolidado e residual, uma vez que é formado por material originário da rocha fresca imediatamente subjacente. A sua mineração pode extrair água, oxigénio, metais e um isótopo chamado hélio-3, que pode abastecer reatores de fusão nuclear, gerando energia livre de resíduos.

A superfície da Lua está coberta por um material fino em pó que os cientistas chamam de “regolito lunar”. Quase toda a superfície é coberta por regolito e o leito rochoso só é visível nas paredes de crateras muito íngremes.

Este pó é o resultado de vários milhões de anos de impactos dos meteoritos e de outros corpos celestes a superfície da Lua. Mas este material é valiosíssimo não só pela produção de energia nuclear, mas também pelo facto de poder ser utilizado na construção de estruturas futuras na superfície lunar.

Segundo o CanalTech, a Europa não é a única que está de olho na exploração mineira da superfície da Lua. Índia, Canadá e China têm também os seus próprios planos para extrair o hélio-3 do nosso satélite natural.

Estima-se que exista um milhão de toneladas de hélio-3 na Lua, ainda que apenas 25% possa ser trazido para a Terra. No entanto, esta quantidade é suficiente para responder à demanda de energia do nosso planeta durante, pelo menos, dois séculos. O hélio-3 pode valer quase 5 mil milhões de dólares por tonelada – e pode mesmo tornar-se no novo “ouro negro”, mas da Lua.

De acordo com o Pplware, a missão, que já se encontra em preparação, estará a cargo da Agência Espacial Europeia em parceria com o ArianeGroup, e contará também com a participação do Part-Time Scientists, um grupo alemão e ex-concorrentes do Google Lunar XPrize.

LM, ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Se esses governos pensassem e sentissem compaixão pela humanidade nao roubariam ,nao gastariam e mentiriam tanto com interesses pessoais !! Parasitas do planeta !!

    • de·man·da
      substantivo feminino
      5. [Economia] Quantidade de um bem ou de um serviço que o mercado ou um conjunto de consumidores quer comprar, por oposição à oferta. = PROCURA
      demanda“, in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa

  2. se o homem deixa o planeta terra quase destruido, imagino o que nao farao à lua.
    por este andar qualquer dia ja nao vamos ter lua
    a ganancia está a destruir tudo principalmente alguem responsavel por um pais (que dizem ser uma super potencia) que dizem que as aletraçoes climaticas e que o aquecimento global se pode combater com uns dias de frio.

  3. Como sempre disse, não estão a procura de vida nenhuma no espaço mas sim de recursos e poder com dinheiros publicos e se descobrirem algo que benefie a nossa raca ainda teremos que pagar… o comportamento humano é tal e tal como um cancro que explora e mata e consume tudo em seu redor…

Descobertas pegadas fossilizadas com mais de 10 mil anos. São a trilha pré-histórica de uma mãe com um bebé ao colo

Uma equipa de investigadores internacional descobriu o trilho pré-histórico mais comprido do mundo no Novo México, nos Estados Unidos. O novo estudo conta a historia de uma mulher que carregou um bebé nos braços durante …

Pure Skies. Empresa desenha cabines dos aviões do pós-pandemia

Desde o início da pandemia, os especialistas têm testado diferentes maneiras de alcançar o distanciamento social em aviões, embora com pouco sucesso. Agora, há uma empresa que está a levar esta ideia até ao próximo …

OE2021. Bloco de Esquerda vota contra na generalidade

O Bloco de Esquerda vai votar contra a proposta do Orçamento do Estado para 2021 na generalidade, anunciou a coordenadora do partido, Catarina Martins. Em declarações aos jornalistas, a bloquista confirmou este domingo que o …

PS ganha eleições nos Açores sem garantia de maioria absoluta

O PS voltou a ganhar as eleições regionais dos Açores, obtendo entre 37% e 41%, o que não garante a maioria absoluta, segundo a projeção à boca das urnas realizada este domingo pela Universidade Católica …

Extinção da fauna em Madagáscar pode dever-se à presença humana (e a mudanças climáticas)

Grande parte da fauna de Madagáscar e das ilhas Mascarenhas foi eliminada durante o último milénio. Neste sentido, uma equipa de cientistas analisou um registo do clima nos últimos 8000 anos nas ilhas. O resultado …

PAN vai abster-se na generalidade. OE mais próximo da aprovação

O partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) vai abster-se na votação na generalidade da proposta de Orçamento do Estado para 2021 (OE2021) na próxima quarta-feira, anunciou a líder parlamentar do partido, Inês Sousa Real. Com a abstenção dos três …

O passado tóxico fica para trás. Asbestos, a cidade "amianto", mudou de nome

A cidade canadiana Asbestos (que significa amianto) ganhou um novo nome, quase 11 meses após o anúncio da votação. Wuase metade dos cerca de 6 mil residentes da cidade canadiana marcaram presença numa votação organizada num …

Menino de 12 anos encontra fóssil de dinossauro com 69 milhões de anos

Nathan Hrushkin, aspirante a paleontólogo de 12 anos, encontrou o fóssil de um dinossauro enquanto passeava com o pai em Alberta, no Canadá. Depois de enviarem uma fotografia ao Museu Royal Tyrrell, ficaram a saber …

Autarca de Cascais associa festa privada de luxo a “número muito expressivo” de casos

O presidente da Câmara Municipal de Cascais associou este sábado uma festa privada, organizada num clube de luxo na Avenida de Liberdade, a "um número muito expressivo de casos" registado no concelho. "A festa de aniversário …

João Almeida acaba em 4.º e faz história no Giro. É o melhor português de sempre na prova

O português João Almeida (Deceuninck-QuickStep) subiu este domingo ao quarto lugar final da 103.ª edição da Volta a Itália em bicicleta, no contrarrelógio da 21.ª etapa, que 'coroou' o britânico Tao Geoghegan Hart (INEOS). O português …