Físicos mostram o que pode ser a quarta dimensão espacial

Estamos habituados a lidar com três dimensões físicas e uma dimensão extra de tempo, mas duas equipas de cientistas mostraram que uma quarta dimensão espacial pode ultrapassar os três vetores tradicionais que habitualmente consideramos: “cima e baixo”, “esquerda e direita” e “para a frente e para trás”.

Como seria de esperar, tendo em conta que este conceito desafia as leis da física, as experiências são parcialmente teóricas e muito complexas, e ainda cumprimentam a valha amiga mecânica quântica.

Ao juntar duas configurações especialmente desenhadas em 2D, duas equipas de cientistas diferentes, uma na Europa e outra nos EUA, conseguiram ter um vislumbre da quarta dimensão espacial através do que é conhecido como o efeito Hall quântico, uma forma de restringir e medir eletrões.

“Fisicamente não temos um sistema espacial de 4D, mas conseguimos aceder à física quântica de Hall em 4D, usando este sistema de dimensão inferior, porque o sistema de dimensão superior está codificado na complexidade da estrutura”, explicou o investigador Mikel Rechtsman, da equipa de cientistas dos EUA.

“Talvez consigamos encontrar novas físicas na dimensão superior e depois projetar dispositivos que aproveitem a física de dimensões superiores em dimensões mais baixas”

Por outras palavras, tal como um objeto 3D lança uma sombra 2D, os cientistas conseguiram observar uma sombra 3D potencialmente lançada por um objeto de 4D. Isso pode desencadear novas descobertas nos fundamentos da ciência.

Graças a cálculos muito avançados – que receberam o Nobel da Física em 2016 – sabemos agora que o efeito quântico de Hall aponta para a existência de uma quarta dimensão espacial. O que esta nova experiência faz é apresentar uma imagem dos efeitos que essa quarta dimensão pode ter.

“Bomba de carga” quântica

A configuração da equipa europeia envolveu átomos congelados perto do zero absoluto e colocados numa rede de duas dimensões através do uso de lasers, descritos pelos investigadores como “um cristal de luz do tipo ovo-cartão”.

Com a junção de extra lasers, a equipa conseguiu implementar uma “bomba de carga” quântica para excitar os átomos presos e pô-los em movimento.

Pequenas variações nos movimentos foram encontradas pelos investigadores, exatamente como esperado, levantando a possibilidade de que uma quarta dimensão espacial pode ser de alguma forma acedida.

A experiência americana também utilizou lasers, mas para controlar a luz que fluía através de um bloco de vidro. Ao manipular a luz para simular o efeito de um campo elétrico sobre partículas carregadas, novamente as consequências de um Efeito Hall 4D puderam ser observadas.

Para os cientistas é óbvio que não podemos aceder ao mundo em quatro dimensões – estamos presos às 3 dimensões – mas os investigadores pensam que a mecânica quântica poderia, de alguma forma, dar-nos uma imagem de como seria, aumentando a nossa limitada compreensão do Universo.

Outra forma de pensar nisso é como se fôssemos personagens de um videojogo de uma plataforma 2D e de repente pudéssemos aceder a uma parte 3D do jogo. A nossa perspetiva ia continuar em 2D, mas, à medida que nos movêssemos, veríamos distorções, conforme o mundo 3D fosse “dobrado” num plano 2D.

(dr) Kotaku

Miegakure: como seria jogar um jogo 4D

Neste estudo foi mostrado o mesmo tipo de distorções, que sugerem um mundo maior do que aquele que podemos ver agora.

Os cientistas ainda têm muito trabalho pela frente. Apesar de não podermos fazer uma viagem a essa quarta dimensão espacial, pelo menos temos mais provas de que existe, e uma melhor ideia de como funciona.

PARTILHAR

RESPONDER

Inundações no sul de França fazem 12 mortos

O número de mortos nas inundações na zona de Carcassonne, na região de Aude, no sudoeste de França, subiu para 12, anunciaram nesta segunda-feira as autoridades, referindo que há uma pessoa desaparecida. O primeiro-ministro francês, Édouard …

Ursos polares famintos estão a comer baleias (e isso ajuda-os a sobreviver ao aquecimento)

Há mais de um ano, ursos polares reuniram-se num ilha ao largo da costa norte da Sibéria para devorar uma baleia morta. Um estudo recente defende que, no passado geológico, os ursos polares podem ter …

Morreu Paul Allen, cofundador da Microsoft

Paul Allen, cofundador da Microsoft, morreu com 65 anos durante a tarde desta segunda-feira, anunciou a sua empresa, a Vulcan Inc, em nome da família.  Paul Allen tinha retomado recentemente tratamentos contra um linfoma não-Hodgkin, diagnosticado …

Todas as missões da NASA deveriam procurar vida extraterrestre

A procura por sinais de vida alienígena deve fazer parte de todas as missões futuras da NASA. A organização deve expandir o seu leque sobre possíveis sinais extraterrestres, de forma a conseguir identificá-los, aponta um …

Cientistas alcançam a primeira aceleração de eletrões em ondas de plasma

Físicos demonstraram uma nova técnica para acelerar eletrões a energias muito altas em distâncias muito curtas, uma técnica que permitirá alcançar novos avanços na física de partículas a preços mais modestos. O Large Hadron Collider (LHC) …

Casais de ratos do mesmo sexo tiveram crias

Cientistas da Academia Chinesa fizeram nascer crias de ratos de casais do mesmo sexo através de uma nova técnica que utiliza células estaminais modificadas. A nova técnica desenvolvida pelos cientistas chineses mistura células estaminais modificadas que …

Cientistas revertem casos de Diabetes tipo 2

Num novo estudo, cientistas bloquearam a proteína VDAC1 nas células que produzem insulina e conseguiram reverter casos de Diabetes tipo 2. Os investigadores também conseguiram mostrar que é possível prevenir o surgimento da doença. O estudo, …

Brexit. May diz que acordo “ainda é possível”, mas divergência que resta é “frustrante”

A primeira-ministra britânica, Theresa May, admitiu esta segunda-feira que "ainda é possível" um acordo que permita uma saída ordeira do Reino Unido da União Europeia, mas a divergência que resta com Bruxelas é "frustrante. Numa declaração …

Abrandamento económico pode dificultar consolidação orçamental em Portugal

A agência de notação financeira Fitch reconhece a "trajetória firme de descida" da dívida pública portuguesa, mas adverte que o abrandamento da economia e as pressões sobre o investimento poderão dificultar a consolidação orçamental nos …

Cinco detidos na Turquia após morte de 22 migrantes em acidente de viação

Cinco pessoas foram esta segunda-feira detidas na província de Izmir, no sudoeste da Turquia, após um acidente de viação que matou no domingo 22 imigrantes, incluindo crianças, informou a agência turca estatal Anadolu. Entre os detidos …