EUA. Florida recruta insetos para matar plantas invasoras

A Florida, nos Estados Unidos (EUA), está a importar insetos para travar as espécies invasoras que estão a destruir as plantas do Parque Nacional de Everglades. Estes insetos parecem ser menos prejudiciais do que as cobras, as iguanas ou os peixes-leão que também tomaram posse do local.

Em junho, as autoridades de Orlando soltaram besouros numa herdade onde estavam plantadas inhame (Dioscorea Bulbifera). Agora, os responsáveis por Everglades – uma reserva natural ameaçada pela poluição da água – fizeram algo parecido para deter o avanço do arbusto pimenta rosa (Schinus terebinthifolius), noticiou a agência EFE.

“Implantamos o que chamo de pequenas tropas, que vão lutar para ajudar a salvar o Everglades”, disse a tenente-coronel do Corpo de Engenheiros do Exército dos EUA, Jennifer Reynolds, sobre a libertação dos Pseudophilothrips Ichini na entrada do parque, que cobre uma área de 607.500 hectares no sul da Florida.

Estes pequenos insetos, designados por tripes ou ácaros, alimentam-se somente do arbusto de origem brasileira que foi introduzido na Florida no século 19 com fins ornamentais e espalham-se como ervas daninhas pelas extensas áreas da península.

Os Lilioceris cheni, besouros com uma casca vermelha, não comem nada além de folhas e caules de inhame e em questão de meses deixam a planta descascada. A 27 de junho, funcionários da divisão de Parques de Orlando, no centro do estado, soltaram-nos num terreno com 1,2 hectares, coberto pelas videiras da espécie invasora, que vem da Ásia tropical e foi introduzida na Florida no início do século 20.

Segundo disse à EFE uma porta-voz da Câmara Municipal de Orlando, espera-se que num período de três meses os insetos tenham causado grandes danos aos inhames. “Eles têm muito trabalho a fazer, mas não prejudicam outras plantas”, disse Tara Russakov, responsável pelo departamento de comunicação e de marketing.

O Departamento de Agricultura dos EUA e a universidade local estão a trabalhar em conjunto para criar os besouros que comem inhame e soltá-los na natureza entre os meses de maio e outubro.

De acordo com a EFE, proprietários que vejam as suas terras invadidas pela Dioscorea Bulbifera podem solicitar um desses pequenos exércitos à Universidade da Florida.

Mais de 600 mil besouros foram soltos na natureza como parte do biocontrole de inhame na Florida, que começou há alguns anos e originou bons resultados. No inverno, porém, os Lilioceris cheni parecem desaparecer, mas quando essa temporada termina aparecem novamente para controlar o inhame.

No caso de Everglades, assim como uma verdadeira praga de serpentes pítons birmanesas, que ameaça a vida selvagem nativa, a árvore da pimenta brasileira afoga a vegetação nativa e não serve de refúgio para os animais. Esta planta está a causar danos significativos às áreas agrícolas e naturais da Florida, Havai e Texas.

O objetivo é reduzir em 80% o avanço da planta, que cobre mais de 283.500 hectares de terreno na Florida, incluindo partes de Everglades, sem prejudicar as plantas e os animais.

TP, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Veneno de tarântula pode ser benéfico no tratamento de dores viscerais

Uma equipa de investigadores australianos identificou dois peptídeos do veneno da tarântula, que podem ajudar a aliviar dores em órgãos do sistema digestivo. Há algum tempo que os cientistas investigam a funcionalidade do veneno em doenças, …

Cientistas propõem reciclar beatas de cigarro para fazer tijolos

Os cientistas afirmam que se apenas 2,5% dos tijolos produzidos em todo o mundo, anualmente, incluíssem 1% de beatas, seria possível reciclar todas as pontas de cigarro a nível global. Um grupo de investigadores da Escola …

Taxa de natalidade desce quase um terço em cidade chinesa

As autoridades chinesas reconheceram oficialmente que a taxa de nascimentos em Xinjiang, cidade situada no noroeste da China, desceu quase um terço em 2018, comparada com o ano anterior. De acordo com a CNN, o governo …

Dynetics revela o módulo lunar do programa Artemis (incluindo o interior)

A empresa norte-americana Dynetics revelou, no dia 15 de setembro, um modelo em escala real do módulo lunar especialmente projetado para levar os astronautas da NASA à Lua já em 2024, como parte do programa …

Polícia de Nova Iorque de origem tibetana acusado de espiar ao serviço da China

Um polícia nova-iorquino originário do Tibete foi acusado de espionagem pelas autoridades norte-americanas por, supostamente, ter recolhido para o Governo chinês informações sobre a comunidade tibetana em Nova Iorque. De acordo com a acusação das autoridades …

Football Leaks. PJ desconhecia acesso das autoridades francesas às provas

O inspetor da PJ, José Amador, revelou, esta terça-feira, que esta polícia não teve conhecimento do acesso das autoridades francesas às provas apreendidas a Rui Pinto durante a sua detenção na Hungria. Na quinta sessão do …

Aldeões ajudam tropas indianas que enfrentam militares chineses nos Himalaias

Cerca de 100 residentes da vila de Chushul atravessam o território indiano de Ladakh para chegar a um pico dos Himalaias conhecido como Black Top, a uma altitude de mais de 4500 metros, levando suprimentos …

Detido na Rússia líder religioso que diz ser a reencarnação de Jesus

O líder religioso, que diz ser a reencarnação de Jesus, foi detido, na Rússia, esta terça-feira, durante uma operação especial. De acordo com as imagens divulgadas pelo jornal The Guardian, vários agentes da polícia, armados e …

Covid-19: Universidade de Coimbra tem novo programa de rastreio aleatório para alunos e docentes

A Universidade de Coimbra (UC) preparou um Plano de Prevenção e Protocolo de Atuação para garantir o regresso às aulas em segurança para alunos, professores, docentes e comunidade. "Tendo em conta a situação pandémica que estamos …

Jogador substituído aos 14 segundos

Substituição insólita foi realizada na primeira divisão da Estónia. Jovem nem tocou na bola. Jogo da 21.ª jornada do campeonato nacional da Estónia, primeira divisão. O FCI Levadia recebe o JK Nõmme Kalju e vence por …