Está provado: os humanos são realmente feitos de pó de estrelas

Z. Levay and R. van der Marel, STScI; T. Hallas; and A. Mellinger / NASA, ESA

-

Uma análise realizada a 150 mil estrelas mostra que os seres humanos e a nossa galáxia têm cerca de 97% do mesmo tipo de átomos.

Além disso, foi observado que os elementos da vida parecem existir em maior quantidade no centro da galáxia. Esses elementos são abreviados como CHONPS: carbono, hidrogénio, oxigénio, nitrogénio, fósforo e enxofre.

Pela primeira vez, os astrónomos conseguiram catalogar a abundância desses elementos numa enorme amostra estelar, utilizando um método chamado espectroscopia.

Cada um desses elementos emite ondas de luz com comprimentos diferentes, e os cientistas mediram as amostras de escuridão e brilho em cada espectro de luz para determinar a composição de cada estrela.

Os especialistas usaram medidores estelares do Sloan Digital Sky Survey, do observatório APOGEE, no Novo México. Como a técnica usa infravermelhos, a poeira da Via Láctea não atrapalhou a medição.

Apesar de os humanos apresentarem os mesmo elementos que as estrelas, as proporções são bastante diferentes. Por exemplo, um ser humano é formado por 65% de oxigénio, que representa apenas 1% de todos os elementos medidos no espaço.

A localização das estrelas também influencia essa composição – as estrelas na nossa região do espaço têm menos elementos necessários para a vida, como oxigénio, quando comparadas com estrelas da região central da galáxia.

Dana Berry/SkyWorks Digital Inc.; SDSS collaboration

Os seis elementos mais comuns da vida na Terra (carbono, hidrogénio, nitrogénio, oxigénio, enxofre e fósforo) são também os mais abundantes no centro de nossa galáxia

Os seis elementos mais comuns da vida na Terra (carbono, hidrogénio, nitrogénio, oxigénio, enxofre e fósforo) são também os mais abundantes no centro de nossa galáxia

“É um assunto de interesse humano, porque agora podemos mapear a abundância de todos os principais elementos encontrados no corpo humano através de centenas de milhares de estrelas na Via Láctea”, afirma Jennifer Johnson, cientista da SDSS-III APOGEE e professora na Universidade Estadual de Ohio.

“Isso permite-nos ver onde e quando é que a vida passou a ter os elementos necessários para evoluir na galáxia”, destacou.

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Já estou mais conformado, possivelmente ainda virei a transformar-me em estrela e certamente mais brilhante do que estas que andam por aí a brilhar nas TVs.

  2. Muita verdade…A esse documentario; existe mesmo a possibilidade que somos estrelas após existência terrena e podemos com nossa sensibilidade e energia sintonizar e ver esse campo magnético Onde as moléculas são transformadas em luz de densidade em sintonia de vibração e movimentos de Beleza inigualável.

RESPONDER

Advogados continuam luta para manter declarações fiscais de Trump em segredo

Depois de o Supremo Tribunal ter determinado que os procuradores nova-iorquinos podem ter acesso às declarações de impostos do Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, os seus advogados informaram na quarta-feira que estavam a considerar …

EUA negam vistos a funcionários da Huawei que apoiem "violadores de direitos humanos"

Esta quarta-feira, o Governo norte-americano que vai impor restrições nos vistos a funcionários da Huawei e a outras empresas que os Estados Unidos vejam como apoiantes de Governos violadores de direitos humanos. Além das restrições, o …

Ventilador produzido em Portugal recebe autorização de utilização do Infarmed

O ventilador Atena, produzido em Portugal, recebeu, na terça-feira, a autorização do Infarmed para o seu uso em contexto hospitalar na luta contra a covid-19. Esta quarta-feira, numa publicação na sua página de Facebook, o CEiiA …

American Airlines avisa 25 mil trabalhadores que podem perder emprego

Os dirigentes da American Airlines escreveram a cerca de 25 mil trabalhadores da transportadora aérea para lhes comunicar que o seu emprego pode desaparecer em outubro. Os dirigentes das Companhias de aviação dos Estados Unidos admitiram …

Trump substitui diretor de campanha a menos de quatro meses das eleições

O Presidente dos Estados Unidos substituiu, esta quarta-feira, o seu diretor de campanha, perante os maus resultados nas sondagens, a menos de quatro meses das eleições. "Tenho o prazer de anunciar que Bill Stepien foi promovido …

Bristol acordou com uma nova estátua. Manifestante antirracismo substitui comerciante de escravos

Bristol acordou com uma nova estátua. Um artista britânico ergueu uma estátua de uma manifestante do movimento ‘Black Lives Matter’ no topo do pedestal na cidade inglesa antes ocupado pela estátua de um comerciante de …

Enfermeira norte-americana matou sete doentes num hospital de veteranos com injeções de insulina

Uma enfermeira num hospital de veteranos norte-americanos matou deliberadamente pelo menos sete doentes com injeções de insulina. A mulher, que admitiu o crime, deverá ser condenada a sete penas de prisão perpétua, mais 20 anos …

PSP pôs fim à festa do título na Avenida dos Aliados. Um polícia ficou ferido

Na parte final dos festejos portistas, já durante a madrugada, nos Aliados, o Corpo de Intervenção da PSP do Porto foi obrigada a intervir contra um grupo de adeptos. Ninguém foi detido, mas um agente …

PJ detém cinco pessoas por esquema fraudulento com tratamentos para a covid-19

Cinco profissionais ligados ao ramo da saúde foram detidos, esta quinta-feira, pela Polícia Judiciária (PJ) numa operação que envolveu buscas a clínicas médicas, residências e empresas e que investiga crimes de corrupção, burla qualificada, falsificação …

Suárez aborda eventual saída de Messi. "Saberá do que precisa"

O futebolista Luis Suárez comentou a possível saída do seu companheiro de equipa Lionel Messi do Barcelona. "Saberá do que precisa", disse o internacional uruguaio, frisando que não consegue ver o astro argentino noutra equipa. …