Escolas primárias de Gaia com mandarim já no próximo ano letivo

cleverclaire1983 / Flickr

-

O presidente da Câmara de Gaia anunciou esta quinta-feira que o mandarim será lecionado em “uma dúzia” de escolas do primeiro ciclo do Ensino Básico já a partir do próximo ano letivo, no âmbito das Atividades de Enriquecimento Curricular.

“Temos vontade de providenciar um conjunto de mecanismos que nos leve a ter para já, a título experimental, o mandarim nas escolas do primeiro ciclo no âmbito das atividades de enriquecimento curricular”, afirmou Eduardo Vítor Rodrigues no final da Sessão Solene de Inauguração da Semana Cultural da China, a realizar no concelho, e que contou com a presença de Liu Yunshan, membro da Comissão Permanente do Politburo do Partido Comunista

O autarca adiantou que a câmara esta “disponível” para assumir a comparticipação “do ponto de vista financeiro” para que as aulas de mandarim sejam possíveis, já no próximo ano letivo, no primeiro ciclo de “uma dúzia” de escolas de Gaia.

Esta será também uma forma de desenvolver “algum gosto pela cultura chinesa a partir da língua, e numa idade muito tenra em que as crianças estão muito disponíveis para esses desafios”, assinalou.

Chineses interessados em imobiliário e investimentos industriais

O encontro entre os autarcas de Gaia e dirigentes do Partido Comunista da China foi para o autarca “uma oportunidade de iniciar, de forma formal, uma relação”, e cimentar os contactos já estabelecidos.

Ficaram desta forma criadas “condições para se reforçarem as relações do ponto de vista cultural” que, destacou Vítor Rodrigues, “podem avançar para relações fortes do ponto de vista económico e social”.

Sem querer concretizar, adiantou que por parte da China “há um conjunto de interesses que têm que ver com o imobiliário, com alguma participação mais ligada a investimentos industriais mas mais nada do que isso nesta fase”.

A visita da comitiva chinesa a Gaia ficou marcada pelo protesto de quatro pessoas, envergando faixas contra a “perseguição feita há 15 anos aos praticantes de Falun Dafa” na China que “são fechadas em campos de trabalhos forçados e torturados até à morte” explicou à Lusa um dos manifestantes segundo o qual a modalidade é uma “prática milenar de meditação” com semelhanças ao budismo e ao taoismo.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Ora aqui está uma excelente iniciativa. Outras instiuiçoes deveriam seguir este exemplo. Há muito que é importante o ensino do Mandarim.

RESPONDER

Aeronave autónoma é uma alternativa acessível aos satélites (e já fez o seu primeiro voo)

A empresa Swift Engineering, em parceria com o Ames Research Center, da NASA, desenvolveu uma alternativa acessível aos satélites: uma aeronave autónoma de alta altitude e longa resistência. Já nasceu a alternativa acessível aos satélites: chama-se …

Reservas naturais chinesas salvaram os pandas da extinção (mas "esqueceram-se" dos leopardos)

Uma nova investigação revela que os esforços da China para salvar os pandas gigantes foram bem sucedidos, mas os mesmos falharam na proteção de outros animais que partilham o mesmo habitat, como é o caso …

Comunidade científica critica Trump por dizer que NASA estava "morta"

Na quarta-feira, o Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, afirmou no Twitter que "a NASA estava fechada e morta" até que o próprio fez com que voltasse a funcionar, afirmação que gerou consternação na …

É "bastante provável" que chegue à Europa uma Cybertruck de menores dimensões

É "bastante provável" que uma Cybertruck de menores dimensões venha a ser produzida e chegue depois ao mercado europeu, revelou Elon Musk, CEO da Tesla, empresa que produz estas pickups elétricas. Questionado na rede social …

Mais seis mortos e 131 novos casos em Portugal nas últimas 24 horas

Portugal regista hoje mais seis mortos e 131 novos casos de infeção por covid-19 em relação a sábado, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde. O número de pessoas internadas é de 366, mais nove …

"Erro" do Instagram favoreceu conteúdo de Trump face ao de Biden

Um "erro" da rede social Instagram favoreceu durante dois meses o conteúdo gerado pela campanha de reeleição do atual Presidente norte-americano, Donald Trump, quando comparado com as publicações de Joe Biden, candidato democrata que está …

Fotografia partilhada nas redes sociais levou à suspensão de alunos nos Estados Unidos

Pelo menos dois alunos da North Paulding High School, no estado da Georgia, dizem ter sido suspensos depois de terem partilhado nas redes sociais uma fotografia na qual é possível ver um corredor da escola repleto …

Estado de Nova Iorque com mais mortes por Covid-19 do que França ou Espanha

Os Estados Unidos registaram 1.252 mortos e 63.913 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo uma contagem independente da Universidade Johns Hopkins. Os últimos números de casos e óbitos registados devido a Covid-19 …

Turistas voltam a viajar, mas optam pelo low-cost

Mesmo num contexto de pandemia mundial o desejo de ir de férias continua vivo. Os turistas voltaram a procurar voos, contudo as opções recaem em percursos de curta distância e mais económicos. Ao longo dos últimos …

Ventura anuncia recandidatura ao Chega e só sai do parlamento quando “metade daquela esquerda" sair

André Ventura anunciou esta noite a recandidatura à liderança do Chega, numa cerimónia em Leiria em que disse que só vai sair do parlamento “quando metade daquela esquerda sair”. “Estamos a fazer uma revolução democrática e …