Escolas primárias de Gaia com mandarim já no próximo ano letivo

cleverclaire1983 / Flickr

-

O presidente da Câmara de Gaia anunciou esta quinta-feira que o mandarim será lecionado em “uma dúzia” de escolas do primeiro ciclo do Ensino Básico já a partir do próximo ano letivo, no âmbito das Atividades de Enriquecimento Curricular.

“Temos vontade de providenciar um conjunto de mecanismos que nos leve a ter para já, a título experimental, o mandarim nas escolas do primeiro ciclo no âmbito das atividades de enriquecimento curricular”, afirmou Eduardo Vítor Rodrigues no final da Sessão Solene de Inauguração da Semana Cultural da China, a realizar no concelho, e que contou com a presença de Liu Yunshan, membro da Comissão Permanente do Politburo do Partido Comunista

O autarca adiantou que a câmara esta “disponível” para assumir a comparticipação “do ponto de vista financeiro” para que as aulas de mandarim sejam possíveis, já no próximo ano letivo, no primeiro ciclo de “uma dúzia” de escolas de Gaia.

Esta será também uma forma de desenvolver “algum gosto pela cultura chinesa a partir da língua, e numa idade muito tenra em que as crianças estão muito disponíveis para esses desafios”, assinalou.

Chineses interessados em imobiliário e investimentos industriais

O encontro entre os autarcas de Gaia e dirigentes do Partido Comunista da China foi para o autarca “uma oportunidade de iniciar, de forma formal, uma relação”, e cimentar os contactos já estabelecidos.

Ficaram desta forma criadas “condições para se reforçarem as relações do ponto de vista cultural” que, destacou Vítor Rodrigues, “podem avançar para relações fortes do ponto de vista económico e social”.

Sem querer concretizar, adiantou que por parte da China “há um conjunto de interesses que têm que ver com o imobiliário, com alguma participação mais ligada a investimentos industriais mas mais nada do que isso nesta fase”.

A visita da comitiva chinesa a Gaia ficou marcada pelo protesto de quatro pessoas, envergando faixas contra a “perseguição feita há 15 anos aos praticantes de Falun Dafa” na China que “são fechadas em campos de trabalhos forçados e torturados até à morte” explicou à Lusa um dos manifestantes segundo o qual a modalidade é uma “prática milenar de meditação” com semelhanças ao budismo e ao taoismo.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Ora aqui está uma excelente iniciativa. Outras instiuiçoes deveriam seguir este exemplo. Há muito que é importante o ensino do Mandarim.

Coreia do Sul pede desculpas por não ter protegido homem morto no Norte

O Presidente sul-coreano, Moon Jae-in, pediu esta segunda-feira desculpas pelo assassínio de um homem atingido a tiro por militares norte-coreanos na semana passada, afirmando que o seu Governo falhou a responsabilidade de proteger um cidadão, …

Baixas na Segurança Social. Dois pesos pesados saem em plena crise

A vice-presidente e uma vogal do conselho diretivo do Instituto da Segurança Social abandonaram funções no final de agosto. A razão da saída não foi avançada. No final de agosto, o Instituto da Segurança Social (ISS) …

"Esforço coletivo para salvar o Natal". Nóbeis da Economia querem novo confinamento em dezembro

Esther Duflo e Abhijit Banerjee, prémios Nobel da Economia de 2019, propõem quarentena em França em dezembro, para que seja possível "festejar o Natal". O casal acredita que só assim será possível festejar a quadra …

Venda de vinhos alentejanos para a Suécia disparou (e foi graças à pandemia)

Nunca se tinham vendido tantos vinhos alentejanos para a Suécia como durante o período de confinamento em Portugal. A estratégia menos restritiva dos suecos contra a covid-19 ajuda a explicar esse cenário, verificando-se a mesma …

Spray nasal investigado na Austrália pode travar covid-19 (e tem uma taxa de eficácia de 96%)

É simples: com apenas uma ou duas aplicações por semana, o novo spray pode evitar que as pessoas infetadas com o novo coronavírus contagiem as outras à sua volta. Muito se tem falado sobre uma potencial …

Brad Parscale, ex-diretor de campanha de Trump, hospitalizado após tentativa de suicídio

O antigo diretor digital de campanha de Donald Trump, Brad Parscale, foi hospitalizado depois de a mulher ter alertado para tentativa de suicídio. Brad Parscale, ex-diretor digital de campanha do atual Presidente dos Estados Unidos, Donald …

Variante de SARS-CoV-2 oriunda de Itália marcou início da pandemia. Circulou durante dias sem controlo

O arranque da epidemia em Portugal foi marcado pela “disseminação massiva” de uma variante do SARS-CoV-2 com uma mutação específica, que começou a circular nas regiões Norte e Centro mais de uma semana antes do …

Existem 51 surtos ativos de covid-19 em lares e 12 em escolas

Existem atualmente em Portugal 51 surtos ativos de covid-19 em lares e 12 em escolas, revelou esta segunda-feira, em conferência de imprensa, a diretora-geral da Direção-Geral da Saúde, Graça Freitas. Sem identificar especificamente os lares …

Catalunha. Supremo Tribunal espanhol confirma inabilitação de Quim Torra

O Supremo Tribunal espanhol confirmou esta segunda-feira a inabilitação por um ano e meio do presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, por desobediência à junta eleitoral central. O acórdão, aprovado por unanimidade, obriga Torra …

Já há mais 6.829 mortes do que em 2019, mas covid-19 só fez 2 mil. Óbitos em casa subiram 18%

Desde o início da pandemia, há registo de um aumento de 18% de óbitos que ocorrem em casa e as mortes em investigação subiram 24%. Nos hospitais há uma subida de 5,6% na taxa de …