Erro leva escolas a chamar professores para assinar novo contrato de rescisão

Os professores que já tinham assinado o acordo de rescisão de contrato estão a ser chamados pelas escolas para assinarem um novo documento, que clarifica “um lapso” na minuta referente a uma data, adiantaram os directores escolares.

Em declarações à agência Lusa, o vice-presidente da Associação Nacional de Directores de Agrupamentos e Escolas Públicas (ANDAEP), Filinto Lima, disse que as escolas foram notificadas esta manhã para chamarem novamente os professores que viram o seu pedido de rescisão com o Estado aprovado, para assinarem um novo acordo de rescisão, que substitui o anterior.

A substituição justifica-se pelo “lapso na minuta” original do acordo, que continha um erro numa data, mas cuja correcção não coloca em causa nem os valores a serem pagos aos professores, nem a data a que o acordo produz efeitos.

Num esclarecimento enviado à Lusa, o Ministério da Educação e Ciência (MEC) garantiu que a substituição da minuta não suspende o processo de rescisões e não tem “qualquer impacto na data a que a rescisão produz efeitos, nem no montante da compensação proposta”.

“Esperemos que este lapso não atrase ainda mais a colocação de professores nas escolas”, disse Filinto Lima, que manifestou a sua preocupação com o facto de, a cerca de uma semana do início do ano lectivo, não terem ainda sido divulgadas as listas de colocação, até porque, frisou, “as escolas enviaram ao MEC em Agosto as listas com as suas necessidades de contratação, em tempo útil”.

Problemas também na Bolsa de Contratação de Escola

Sobre os problemas na plataforma electrónica da Bolsa de Contratação de Escola (BCE), Filinto Lima disse ter informações de que hoje o acesso dos professores contratados que queiram candidatar-se às ofertas disponíveis estava a fazer-se com normalidade, depois de, na quarta-feira, as dificuldades técnicas para aceder à plataforma terem levado o MEC a prolongar o prazo de candidatura até às 18:00 de sexta-feira, alargando-o por mais um dia.

Filinto Lima referiu-se ainda à contestação de que esta nova forma de contratação tem sido alvo, sobretudo no que diz respeito a alguns critérios de contratação aprovados, sublinhando que este “é o primeiro ano da bolsa de contratação e estamos todos a aprender”.

“Para o ano vai correr melhor”, disse.

A BCE substituiu, a partir deste ano, as ofertas de escola — que permitiam às “escolas TEIP” (Territórios Educativos de Intervenção Prioritária) ou com contratos de autonomia a contratação directa de professores para suprir necessidades temporárias.

A BCE pretende criar uma lista ordenada de professores contratados candidatos a leccionar nas escolas, que serão chamados pelas escolas tendo em conta essa ordenação, com o objectivo de tornar a colocação nas escolas um processo mais rápido.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Inundações no sul de França fazem 12 mortos

O número de mortos nas inundações na zona de Carcassonne, na região de Aude, no sudoeste de França, subiu para 12, anunciaram nesta segunda-feira as autoridades, referindo que há uma pessoa desaparecida. O primeiro-ministro francês, Édouard …

Ursos polares famintos estão a comer baleias (e isso ajuda-os a sobreviver ao aquecimento)

Há mais de um ano, ursos polares reuniram-se num ilha ao largo da costa norte da Sibéria para devorar uma baleia morta. Um estudo recente defende que, no passado geológico, os ursos polares podem ter …

Morreu Paul Allen, cofundador da Microsoft

Paul Allen, cofundador da Microsoft, morreu com 65 anos durante a tarde desta segunda-feira, anunciou a sua empresa, a Vulcan Inc, em nome da família.  Paul Allen tinha retomado recentemente tratamentos contra um linfoma não-Hodgkin, diagnosticado …

Todas as missões da NASA deveriam procurar vida extraterrestre

A procura por sinais de vida alienígena deve fazer parte de todas as missões futuras da NASA. A organização deve expandir o seu leque sobre possíveis sinais extraterrestres, de forma a conseguir identificá-los, aponta um …

Cientistas alcançam a primeira aceleração de eletrões em ondas de plasma

Físicos demonstraram uma nova técnica para acelerar eletrões a energias muito altas em distâncias muito curtas, uma técnica que permitirá alcançar novos avanços na física de partículas a preços mais modestos. O Large Hadron Collider (LHC) …

Casais de ratos do mesmo sexo tiveram crias

Cientistas da Academia Chinesa fizeram nascer crias de ratos de casais do mesmo sexo através de uma nova técnica que utiliza células estaminais modificadas. A nova técnica desenvolvida pelos cientistas chineses mistura células estaminais modificadas que …

Cientistas revertem casos de Diabetes tipo 2

Num novo estudo, cientistas bloquearam a proteína VDAC1 nas células que produzem insulina e conseguiram reverter casos de Diabetes tipo 2. Os investigadores também conseguiram mostrar que é possível prevenir o surgimento da doença. O estudo, …

Brexit. May diz que acordo “ainda é possível”, mas divergência que resta é “frustrante”

A primeira-ministra britânica, Theresa May, admitiu esta segunda-feira que "ainda é possível" um acordo que permita uma saída ordeira do Reino Unido da União Europeia, mas a divergência que resta com Bruxelas é "frustrante. Numa declaração …

Abrandamento económico pode dificultar consolidação orçamental em Portugal

A agência de notação financeira Fitch reconhece a "trajetória firme de descida" da dívida pública portuguesa, mas adverte que o abrandamento da economia e as pressões sobre o investimento poderão dificultar a consolidação orçamental nos …

Cinco detidos na Turquia após morte de 22 migrantes em acidente de viação

Cinco pessoas foram esta segunda-feira detidas na província de Izmir, no sudoeste da Turquia, após um acidente de viação que matou no domingo 22 imigrantes, incluindo crianças, informou a agência turca estatal Anadolu. Entre os detidos …