Erdogan rejeita qualquer outra solução que não a adesão à União Europeia

UNAOC / Flickr

Recep Tayyip Erdogan, Presidente da Turquia

O presidente turco Recep Tayyip Erdogan, que visita a Itália na segunda-feira, rejeitou qualquer outra opção que não a adesão à União Europeia (UE), depois da proposta francesa da Turquia ser um simples “parceiro” da UE.

A posição de Erdogan consta de uma entrevista do presidente turco publicada hoje no jornal italiano Stampa.

Erdogan defendeu que a União Europeia deve “manter as promessas feitas” à Turquia quanto à adesão, em vésperas de iniciar uma visita de 24 horas a Itália onde terá encontros com o papa Francisco, com o presidente e chefe do Governo transalpino e com importantes empresários italianos.

A UE bloqueou as negociações sobre a adesão e transmite a ideia que o impasse nas negociações é por nossa causa. É uma injustiça, assim como é o facto de certos países da UE avançarem com outras propostas alternativas à adesão”, criticou Erdogan.

No início de janeiro, o presidente francês, Emmanuel Macron, propôs ao chefe de Estado turco uma “parceria” com a União Europeia, em vez da adesão. “Nós desejamos uma plena adesão à UE. As outras opções não nos satisfazem”, insistiu Erdogan.

O chefe de Estado turco sublinhou ainda o papel crucial que a Turquia desempenha na questão da migração, observando que o seu país é fundamental para travar a avalanche de imigrantes que de Oriente se dirigem para a Europa.

Em conexão com o problema da migração, salientou a importância da Turquia em garantir a “estabilidade e a segurança da Europa”. Erdogan apontou igualmente os esforços da Turquia em combater as organizações terroristas como o PKK, YPG e Estado Islâmico.

O exército turco e os seus aliados sírios lançaram a 20 de janeiro a operação “Ramo de Oliveira” visando expulsar do enclave sírio de Afrinei os elementos do YPG, acusados por Ancara de serem o ramo na Síria do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), uma organização classificada como terrorista pela Turquia.

“As forças armadas turcas não estão em ASfrine para combater os grupos curdos armados. Nós não tempos problemas com os curdos sírios. Nós combatemos apenas os terroristas e temos esse direito”, justificou Erdogan, negando que a Turquia pretenda obter ganhos territoriais na Síria.

No encontro previsto com o Papa Francisco, Erdogan, de 59 anos, deverá agradecer ao santo padre por contestar a decisão do presidente norte-americano Donald Trump de reconhecer Jerusalém como capital de Israel.

“Nós dois somos pela defesa do `status quo´ e temos vontade de o proteger. Nenhuma nação tem o direito de tomar decisões unilaterais e de ignorar a lei internacional sobre uma questão que interessa a muitos milhares de pessoas”, disse Erdogan, que recebeu o papa Francisco na Turquia em 2014.

De acordo com o Presidente turco, se se pretende a paz entre israelitas e palestinianos a única solução é haver dois Estados”, pelo que é urgente que a Itália reconheça a Palestina.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Um polícia morto e vários feridos em tiroteio durante operação no Rio de Janeiro

Um polícia morreu e várias outras pessoas ficaram feridas num tiroteio esta quinta-feira durante uma operação da polícia contra o tráfico de droga na comunidade de Jacarezinho, no Rio de Janeiro, Brasil, noticiou a imprensa. Segundo …

Austrália vai manter fronteiras fechadas até 2022. Índia com novo máximo de casos

O Governo australiano vai manter as fronteiras internacionais fechadas até 2022 devido a incertezas sobre vacinas e novas estirpes, disse o ministro das Finanças do país, Simon Birmingham. "As incertezas sobre a velocidade da vacinação e …

Em breve será possível usar mesmos dados biométricos no Cartão de Cidadão e Passaporte

A ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão, disse esta quinta-feira que “em breve” será possível utilizar os mesmos dados biométricos no Cartão de Cidadão e no Passaporte ou ativar a …

Rio diz que Governo “vai levar ao colo” Medina. Moedas ataca o rival e diz que as suas promessas não valem nada

O presidente do PSD, Rui Rio, afirmou esta quinta-feira que o Governo “vai levar ao colo” o candidato socialista à Câmara Municipal de Lisboa, porque “pelas guerras e desequilíbrios internos” não pode perder a eleição …

Portugal regista cinco mortos e 373 novos casos nas últimas 24 horas

O boletim desta quinta-feira da Direção-Geral da Saúde (DGS) regista cinco óbitos e 373 novos casos de covid-19 em Portugal nas últimas 24 horas. Há ainda mais 538 recuperados. O boletim da DGS, do dia 6 …

“Quem não nasceu com o apelido Espírito Santo tem de ir à luta”, diz Gama Leão

João Gama Leão deixou uma dívida de mais de 300 milhões de euros ao Novo Banco através da Prebuild, um dos grandes devedores do banco. O empresário assumiu a responsabilidade pelos créditos em incumprimento, fez …

Avião da TAP retido na Venezuela regressa a Lisboa hoje

O avião da TAP que ficou retido na Venezuela por causa de uma carga de cocaína regressa nesta quinta-feira a Lisboa, assim como a tripulação, disse à agência Lusa fonte oficial da empresa aérea portuguesa. Segundo …

Marcelo convida Ramalho Eanes para presidir comemorações dos 50 anos do 25 de Abril

O presidente da República em funções, Marcelo Rebelo de Sousa, convidou o ex-presidente da República Ramalho Eanes para presidir as comemorações dos 50 anos do 25 de Abril. O convite dirigido ao general Ramalho Eanes, um …

Vacinas contra a covid-19 para menores de 16 anos podem ser aprovadas em breve

Vacinas contra a covid-19 para menores de 16 anos podem ser aprovadas em breve. Contudo, os especialistas têm dúvidas em relação à necessidade de vacinar os mais jovens. Atualmente há apenas uma vacina contra a covid-19, …

Netanyahu não conseguiu formar Governo em Israel. Segue-se Lapid

Esta quarta-feira, Reuven Rivlin, Presidente de Israel, chamou Yair Lapid, líder do partido Yesh Atid, para lhe entregar a responsabilidade de formar um Governo que consiga o apoio do Knesset (Parlamento). O partido de Yair Lapid, …