Equador desespera: Hospitais recusam doentes graves e mortos não são enterrados

Elias Benarroch / EPA

Cadáveres estão em casa e nas ruas de Guayaquil, Equador, uma cidade tão atingida pelo novo coronavírus que hospitais sobrelotados estão a recusar até os pacientes em estado grave e casas funerárias não estão disponíveis para enterros.

Os dados sobre mortes e infeções estão incompletos no Equador, como acontece em toda a região. A 22 de abril, o Equador – um país com 17 milhões de pessoas – tinha relatado quase 11.000 casos, o que, per capita, o deixaria atrás apenas do Panamá na América Latina. Mas o número verdadeiro é provavelmente muito maior.

O governo da província de Guayas, onde fica Guayaquil, diz que 6.700 moradores morreram na primeira quinzena de abril, em comparação com 1.000 num ano normal. Uma análise do The New York Times estima que o número real de mortes por coronavírus no Equador possa ser 15 vezes superior às 503 mortes registadas oficialmente a 15 de abril.

Numa pandemia que atingiu amplamente os países ricos primeiro, o Equador é um dos primeiros países em desenvolvimento a enfrentar um surto tão terrível.

A riqueza não é garantia de segurança numa epidemia. A Itália e os Estados Unidos têm falta do equipamento médico necessário, como ventiladores e máquinas de diálise. Mas especialistas concordam que os países mais pobres provavelmente verão as taxas de mortalidade aumentarem rapidamente.

Numa investigação sobre a política equatoriana e segurança humana em pandemias passadas sugere que o coronavírus pode criar uma maior turbulência política e económica num país que já luta contra a instabilidade.

A rápida resposta do Equador

O surto de coronavírus em Guayaquil, a maior cidade e motor económico do Equador, começou em fevereiro, aparentemente com pessoas infetadas a regressarem de Espanha.

A sua rápida escalada levou as autoridades em pânico a impor rapidamente o isolamento social como uma estratégia de contenção. As restrições de circulação do Equador tornam-se cada vez mais rígidas.

Os equatorianos não podem sair de casa entre as 14:00h e as 05:00h. Fora do toque de recolher, só podem sair para buscar comida, para trabalhos essenciais ou por motivos de saúde, usando máscara e luvas. Os transportes públicos estão suspensos.

Em Quito, a capital do Equador, as pessoas só podem conduzir um dia por semana, conforme determinado pela matrícula do veículo.

Os limites da resposta equatoriana

No Equador, onde o rendimento médio anual é de 11 mil dólares, o governo de Moreno está a conceder subsídios de emergência de 60 dólares a famílias cujo rendimento mensal é inferior a 400 dólares. Abriu abrigos para retirar os sem-abrigo das ruas e ordenou hotéis para que colocassem os infetados em isolamento.

Uma rede ativa de organizações comunitárias também está a trabalhar para fornecer comida e abrigo aos necessitados.

Apesar da sua resposta ativa ao coronavírus, é improvável que o Equador aguente bem se a epidemia se espalhar rapidamente de Guayaquil para o resto do país.

O Equador tem falta de ventiladores e os testes para a covid-19 são escassos e foram amplamente terceirizados para empresas privadas, tornando-os absurdamente caros. A expulsão de 400 médicos cubanos do Equador no ano passado deixou também grandes buracos nos hospitais, que já tinham poucos funcionários.

A economia do Equador está em crise após o colapso dos preços do petróleo e do turismo. E enquanto os protestos mortais do ano passado terminaram, a agitação política continua a polarizar a nação.

A taxa de mortalidade do Equador está a começar a diminuir após mais de um mês de quarentena, mas o espectro das vítimas da covid-19 sem enterro em casa, nos corredores dos hospitais e nas ruas, paira como um fantasma na América Latina.

PARTILHAR

RESPONDER

Papa diz que abuso infantil é uma espécie de “assassinato psicológico”

O Papa Francisco criticou hoje o abuso infantil dizendo que é “uma espécie de ‘assassinato psicológico’ e, em muitos casos, um cancelamento da infância” e pediu para “parar de encobrir” o fenómeno da pedofilia. Francisco falava …

Jerónimo considera “precipitado” discutir Orçamento de 2022 e “deitar borda fora” o atual

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, considerou hoje “no mínimo precipitado” antecipar a posição do partido sobre o próximo Orçamento do Estado e “deitar borda fora” a concretização do atual. À margem de uma visita …

Plano da CIA para capturar Bin Laden originou um problema de saúde pública no Paquistão

Um novo estudo indica que um plano secreto da CIA para capturar Osama Bin Laden, no início de 2011, teve como consequência uma queda significativa das taxas de vacinação no Paquistão. O plano, que usava uma …

GNR deteve nove pessoas em Vilar Formoso por situações de emigração ilegal

A GNR deteve sete homens estrangeiros por permanência ilegal no país e dois homens, também estrangeiros, por suspeita de auxílio à emigração ilegal, com idades entre 30 e 40 anos, na fronteira de Vilar Formoso, …

Norte-americana ganhou 26 milhões na lotaria (mas destruiu bilhete durante lavagem de roupa)

A mulher garante que é a premiada da Loteria da Califórnia e, como tal, a dona dos 26 milhões de dólares. Contudo, segundo revela a imprensa americana, o bilhete ficou esquecido no bolso das suas …

Metrobus vai circular no Porto no final de 2023. Terá sete paragens da Boavista à Praça do Império

Ao que tudo indica, os autocarros 100% elétricos devem começar a circular no final de 2023. A ligação de metrobus entre a Rotunda da Boavista e a Praça do Império, no Porto, terá sete paragens …

Homem de 95 anos tornou-se o mais velho dador de órgãos na história dos EUA

Uma norte-americana que se encontra a recuperar de um transplante de fígado não só tem um novo órgão que provavelmente lhe salvou a vida, como também um que fez história. Segundo a cadeia televisiva CNN, esta …

PAN acusa partidos de boicotarem ida de Rui Pinto à comissão do Novo Banco

André Silva fala em sucessivos adiamentos do agendamento da audição ao hacker, pedida pelo PAN, o que leva o deputado a referir “manobras e expedientes dilatórios”. Como recorda o Público, o PAN foi o único partido …

O vulcão em erupção na Islândia está agora à venda

O vulcão no sudoeste da Islândia, na Península de Reykjanes, que entrou em erupção no final de março, está agora à venda (e já há várias propostas em cima da mesa). De acordo com o jornal …

Após críticas, Cravinho garante que cartões de Antigo Combatente já estão a ser enviados

O Ministro da Defesa garantiu hoje que os cartões de Antigo Combatente já estão a ser produzidos e alguns já foram distribuídos aos beneficiários, assegurando que o processo vai continuar. João Gomes Cravinho abordou o tema …