230 mini-sismos levantam receios de mega-terramoto nos EUA

Uma “onda” de mini-tremores de terra sacudiu a semana passada o estado norte-americano do Nevada, criando receios de que um grande terramoto esteja prestes a acontecer.

Segundo nota o jornal local Reno Gazette Journal, há registo de ocasiões anteriores em que terramotos de grande intensidade foram precedidos por centenas de pequenos tremores de terra. A “onda” da semana passada, diz o periódico, poderia ser um aviso de que estará para acontecer um grande terramoto.

Entre os dias 11 e 18 de janeiro, registaram-se mais de 230 tremores de terra de baixa intensidade nas proximidades da cidade de Reno. O sismo mais forte desta “onda” teve uma magnitude de 2.7 na escala de Richter. No diz 12, o site da Universidade do Nevada dava já conta da ocorrência de 90 pequenos sismos. Mas a actividade sísmica não cessou.

Sismólogos da Universidade do Nevada explicam que uma série de pequenos tremores pode indicar que um evento sísmico de maiores dimensões está para acontecer.

Nevada Seismological Laboratory

Levantamento dos mini-sismos ocorridos a sul de Reno, realizado pelo Laboratório de Sismologia do Nevada a 18 de janeiro

Em 2008 e 2013, dois terramotos de magnitude 4.7 e 4.4, respectivamente, sacudiram a cidade de Reno, cidade famosa pelos seus casinos e conhecida como “a maior pequena cidade do Mundo”. Em ambos os casos, os terramotos tinham sido precedidos por centenas de pequenos tremores de terra como os que se registaram a semana passada.

Segundo o USA Today, alguns analistas salientam que a assustadora “onda” de mini-sismos provém da zona onde se encontra a central geotérmica de Ormat Steamboat. Mas os peritos da Universidade do Nevada descartam que estes sismos possam estar relacionados com a actividade desta central. Os mais de 200 tremores de terra ocorreram a cerca de 6 mil metros de profundidade, muito abaixo das actividades da central.

“Quando sentimos estes pequenos sismos, é a Natureza a lembrar-nos de que o Nevada é território de terramotos”, diz Aaron Kenneston, responsável pelo gabinete local de Resposta a Emergências. “Hoje é um bom dia para dar uma volta pela casa ou escritório e prender prateleiras, móveis, qualquer coisa que se possa soltar e ferir-nos durante um sismo”, diz Kenneston.

“Os habitantes do Nevada têm que estar tão preparados para estes pequenos tremores de terra”, diz o sismologista Ken Smith. “Todos nós temos medo do Grande Terramoto, mas não é preciso um grande terramoto para deitar da prateleira abaixo uma jarra e partir-nos a cabeça”.

Apesar de o tremor de maior intensidade ter acontecido na quinta-feira, a “onda” de mini-sismos parece estar a passar. Sinal de que não é desta vez que o Grande Terramoto acontece… ou a calmaria antes da tempestade?

AJB, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Comic Con Portugal troca Matosinhos por Oeiras

A edição de 2018 da Comic Con Portugal vai realizar-se no concelho de Oeiras, e não em Matosinhos como nos últimos anos, de acordo com um comunicado divulgado esta terça-feira pela autarquia presidida por Isaltino …

A 24 de março, estudantes americanos vão marchar pelas suas vidas em Washington

Um grupo de estudantes que sobreviveu ao tiroteio da semana passada, numa escola de Parkland, na Flórida, está a preparar uma marcha em Washington para exigir mudanças na política de armamento dos Estados Unidos. Os sobreviventes do …

Oxfam: mais 26 casos denunciados e cada vez menos financiamento

A Oxfam revelou que recebeu 26 novas denúncias de má conduta sexual por parte de funcionários. A confirmação foi dada esta terça-feira por Mark Goldring, presidente executivo da organização, no parlamento britânico. Desde que o escândalo …

Exército alemão sem equipamentos básicos como coletes de protecção e abrigos de Inverno

A Alemanha, uma das principais economias da Europa, tem um dos exércitos mais mal equipados da NATO, de acordo com um documento confidencial do Ministério da Defesa alemão que foi divulgado por órgãos de informação. Segundo …

Vítor Constâncio deixa BCE com reforma milionária

Quando em Maio deixar o cargo de vice-presidente do Banco Central Europeu (BCE), Vítor Constâncio vai ter direito a uma "reforma dourada" de 25 mil euros por mês. Os números correspondem à pensão do BCE …

Hugo Soares acusa direção do PSD de "desrespeito institucional grave"

O presidente do PSD não convocou o líder parlamentar, Hugo Soares, para a Comissão Permanente nem para Comissão Política Nacional. Estatutos dizem que presidente da bancada tem assento nos órgãos. O Observador avança que hoje, pelas …

Análises ao sangue e urina poderão detetar precocemente doenças do espectro do autismo

Análises inovadoras ao sangue e à urina poderão vir a detetar precocemente o autismo nas crianças, ligado a danos nas proteínas que estão no plasma sanguíneo. Uma equipa de cientistas baseada na universidade britânica de Warwick …

Torres do Estabelecimento Prisional de Lisboa estão sem vigilância durante 14 horas por dia

As torres do Estabelecimento Prisional de Lisboa (EPL), onde no início de fevereiro houve desacatos com os reclusos, estão sem vigilância durante 14 horas por dia. O aviso é do Sindicato Nacional do Corpo da Guarda …

Novos modelos fornecem informações do coração da Nebulosa Roseta

Uma nova investigação, liderada pela Universidade de Leeds, fornece uma explicação para a discrepância entre o tamanho e idade da cavidade central da Nebulosa Roseta e o tamanho e idade das suas estrelas centrais. A Nebulosa …

Novo partido da direita francesa quer o Frexit

O ex-número dois de Marine Le Pen desfiliou-se da Frente Nacional em setembro do ano passado e assumiu no domingo a liderança do recém-criado partido: Os Patriotas. Nasceram oficialmente no domingo mas já contam com 6500 …