230 mini-sismos levantam receios de mega-terramoto nos EUA

Uma “onda” de mini-tremores de terra sacudiu a semana passada o estado norte-americano do Nevada, criando receios de que um grande terramoto esteja prestes a acontecer.

Segundo nota o jornal local Reno Gazette Journal, há registo de ocasiões anteriores em que terramotos de grande intensidade foram precedidos por centenas de pequenos tremores de terra. A “onda” da semana passada, diz o periódico, poderia ser um aviso de que estará para acontecer um grande terramoto.

Entre os dias 11 e 18 de janeiro, registaram-se mais de 230 tremores de terra de baixa intensidade nas proximidades da cidade de Reno. O sismo mais forte desta “onda” teve uma magnitude de 2.7 na escala de Richter. No diz 12, o site da Universidade do Nevada dava já conta da ocorrência de 90 pequenos sismos. Mas a actividade sísmica não cessou.

Sismólogos da Universidade do Nevada explicam que uma série de pequenos tremores pode indicar que um evento sísmico de maiores dimensões está para acontecer.

Nevada Seismological Laboratory

Levantamento dos mini-sismos ocorridos a sul de Reno, realizado pelo Laboratório de Sismologia do Nevada a 18 de janeiro

Em 2008 e 2013, dois terramotos de magnitude 4.7 e 4.4, respectivamente, sacudiram a cidade de Reno, cidade famosa pelos seus casinos e conhecida como “a maior pequena cidade do Mundo”. Em ambos os casos, os terramotos tinham sido precedidos por centenas de pequenos tremores de terra como os que se registaram a semana passada.

Segundo o USA Today, alguns analistas salientam que a assustadora “onda” de mini-sismos provém da zona onde se encontra a central geotérmica de Ormat Steamboat. Mas os peritos da Universidade do Nevada descartam que estes sismos possam estar relacionados com a actividade desta central. Os mais de 200 tremores de terra ocorreram a cerca de 6 mil metros de profundidade, muito abaixo das actividades da central.

“Quando sentimos estes pequenos sismos, é a Natureza a lembrar-nos de que o Nevada é território de terramotos”, diz Aaron Kenneston, responsável pelo gabinete local de Resposta a Emergências. “Hoje é um bom dia para dar uma volta pela casa ou escritório e prender prateleiras, móveis, qualquer coisa que se possa soltar e ferir-nos durante um sismo”, diz Kenneston.

“Os habitantes do Nevada têm que estar tão preparados para estes pequenos tremores de terra”, diz o sismologista Ken Smith. “Todos nós temos medo do Grande Terramoto, mas não é preciso um grande terramoto para deitar da prateleira abaixo uma jarra e partir-nos a cabeça”.

Apesar de o tremor de maior intensidade ter acontecido na quinta-feira, a “onda” de mini-sismos parece estar a passar. Sinal de que não é desta vez que o Grande Terramoto acontece… ou a calmaria antes da tempestade?

AJB, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Rui Rio continua "em ponderação" e não anunciará qualquer decisão na quarta-feira

A Comissão Política Nacional do PSD vai reunir-se na próxima quarta-feira, mas o presidente do partido não falará ainda publicamente sobre o seu futuro político e continua “em ponderação”, disse à Lusa fonte oficial social-democrata. Segundo …

Ministério nega "situação anómala" de alunos ainda sem professores

Milhares de alunos continuam sem professores um mês depois de as aulas terem começado e o Ministério da Educação diz não ter sido informado de qualquer “situação anómala ou de uma falta sistémica de docentes”. Ainda …

Gage Skidmore

John Bolton denunciou pressão sobre a Ucrânia dois meses antes de sair da Casa Branca

John Bolton, o antigo conselheiro de Segurança Nacional norte-americano que saiu do cargo em setembro em confronto com Donald Trump, fez saber aos advogados da Casa Branca, em julho, que estava em curso uma campanha …

Homem que violava e trancava mulher sem comida tinha sido absolvido do mesmo crime

Um homem de 38 anos que ficou em prisão preventiva por suspeitas de crimes de violência doméstica agravada, violação e sequestro agravado contra a companheira, já tinha sido absolvido antes pela prática do mesmo crime …

Portugal é dos países da UE que mais progrediram na igualdade de género

Portugal está a progredir para uma plena igualdade de género mais rapidamente do que a média da União Europeia, revela o Instituto Europeu para a Igualdade de Género, que coloca o país em 16.º posição, …

"Sem água potável e a urinar em latas". Assim vivem os seguranças dos jogadores do Real Madrid

A União Geral dos Trabalhadores (UGT) de Espanha, um sindicato operário, denuncia as "péssimas condições" laborais dos seguranças que fazem vigilância a alguns jogadores do Real Madrid, nas suas moradias particulares. "Não há 'guaritas' de vigilância …

Ricardo Serrão Santos vai ser o novo ministro do Mar

O ex-eurodeputado socialista Ricardo Serrão Santos vai ser o novo ministro do Mar, no executivo de António Costa. A notícia foi avançada pela Antena Um/Açores e confirmada pelo Diário de Notícias.  Doutorado em Biologia pela Universidade …

Ex-presidente da Câmara da Covilhã começa a ser julgado por peculato

O antigo presidente da Câmara da Covilhã e também ex-vice-presidente do partido Aliança começa, esta terça-feira, a ser julgado em Castelo Branco, acusado de peculato e prevaricação. A SIC noticiou no fim-de-semana de 16 e 17 …

Dois anos depois dos fogos, há mais de 200 casas excluídas do processo de reconstrução

Dois anos depois dos incêndios na zona centro do país, mais de 200 casas de primeira habitação continuam excluídas do processo de reconstrução. Apesar de as obras estarem licenciadas, as habitações foram chumbadas pela Comissão de …

Professor que pediu dinheiro emprestado para se inscrever como candidato é o novo Presidente da Tunísia

Kais Saied, um professor de Direito reformado, conservador e visto como um homem intocado por qualquer suspeita de corrupção, vai ser o próximo Presidente da Tunísia, segundo os resultados à boca das urnas publicados na …