230 mini-sismos levantam receios de mega-terramoto nos EUA

Uma “onda” de mini-tremores de terra sacudiu a semana passada o estado norte-americano do Nevada, criando receios de que um grande terramoto esteja prestes a acontecer.

Segundo nota o jornal local Reno Gazette Journal, há registo de ocasiões anteriores em que terramotos de grande intensidade foram precedidos por centenas de pequenos tremores de terra. A “onda” da semana passada, diz o periódico, poderia ser um aviso de que estará para acontecer um grande terramoto.

Entre os dias 11 e 18 de janeiro, registaram-se mais de 230 tremores de terra de baixa intensidade nas proximidades da cidade de Reno. O sismo mais forte desta “onda” teve uma magnitude de 2.7 na escala de Richter. No diz 12, o site da Universidade do Nevada dava já conta da ocorrência de 90 pequenos sismos. Mas a actividade sísmica não cessou.

Sismólogos da Universidade do Nevada explicam que uma série de pequenos tremores pode indicar que um evento sísmico de maiores dimensões está para acontecer.

Nevada Seismological Laboratory

Levantamento dos mini-sismos ocorridos a sul de Reno, realizado pelo Laboratório de Sismologia do Nevada a 18 de janeiro

Em 2008 e 2013, dois terramotos de magnitude 4.7 e 4.4, respectivamente, sacudiram a cidade de Reno, cidade famosa pelos seus casinos e conhecida como “a maior pequena cidade do Mundo”. Em ambos os casos, os terramotos tinham sido precedidos por centenas de pequenos tremores de terra como os que se registaram a semana passada.

Segundo o USA Today, alguns analistas salientam que a assustadora “onda” de mini-sismos provém da zona onde se encontra a central geotérmica de Ormat Steamboat. Mas os peritos da Universidade do Nevada descartam que estes sismos possam estar relacionados com a actividade desta central. Os mais de 200 tremores de terra ocorreram a cerca de 6 mil metros de profundidade, muito abaixo das actividades da central.

“Quando sentimos estes pequenos sismos, é a Natureza a lembrar-nos de que o Nevada é território de terramotos”, diz Aaron Kenneston, responsável pelo gabinete local de Resposta a Emergências. “Hoje é um bom dia para dar uma volta pela casa ou escritório e prender prateleiras, móveis, qualquer coisa que se possa soltar e ferir-nos durante um sismo”, diz Kenneston.

“Os habitantes do Nevada têm que estar tão preparados para estes pequenos tremores de terra”, diz o sismologista Ken Smith. “Todos nós temos medo do Grande Terramoto, mas não é preciso um grande terramoto para deitar da prateleira abaixo uma jarra e partir-nos a cabeça”.

Apesar de o tremor de maior intensidade ter acontecido na quinta-feira, a “onda” de mini-sismos parece estar a passar. Sinal de que não é desta vez que o Grande Terramoto acontece… ou a calmaria antes da tempestade?

AJB, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

PSG na corrida por Bruno Fernandes. Atlético já terá proposta

Bruno Fernandes continua com o futuro incerto, mas o mercado continua a mexer. De acordo com a imprensa desportiva, o Paris Saint-Germain entrou na corrida pelo médio do Sporting e o Atlético de Madrid terá …

Crédito Agrícola vai cobrar MB Way e transferências online

O Crédito Agrícola, instituição bancária liderada por Licínio Pina, vai passar a cobrar não só as transferência feitas através da aplicação móvel MB Way, como também as transferências online, escreve o jornal Eco este sábado. …

Há uma "Cidade do Futuro" inacabada no deserto do Arizona

https://vimeo.com/342345734 No deserto do Arizona, nos Estados Unidos, há uma cidade experimental projetada para milhares de pessoas que agora contém apenas algumas dezenas de habitantes. Durante quase cinco décadas, um grupo chamado Fundação Cosanti tem trabalhado na …

Montenegro vai estudar liderança em França. Quer qualificar-se para o futuro

O ex-líder parlamentar do PSD, Luís Montenegro, vai para França estudar num programa de gestão avançada para executivos promovido pelo Instituto Europei para Administração de Empresas, escreve este sábado o Expresso. De acordo com o …

A dieta perfeita não existe

O número de dietas que existem não cabe nos dedos das nossas mãos, mas grande parte das pessoas vai dizer-lhe qual a melhor dieta a seguir. Mas não acredite, é tudo bluff. Uma equipa de cientistas …

Fenprof critica Marcelo. "Não é o Presidente de todos os portugueses”

O 13.º congresso da Fenprof terminou este sábado com a garantia de luta pela contagem integral do tempo de serviço dos professores e críticas a Marcelo Rebelo de Sousa, que “não é o Presidente de …

Consumo de álcool dos filhos associado a educação branda dos pais

Um estudo descobriu que há uma associação entre o consumo de álcool dos filhos e a educação que os pais dão em relação às bebidas alcoólicas. Quanto mais brandos os pais forem, mais probabilidade há …

Espiões podem estar a usar o LinkedIn para recrutar novos contactos

O LinkedIn é uma rede social de negócios, mas espiões podem estar a usá-la para encontrar novos contactos. Os espiões estarão a usar perfis falsos, gerados por inteligências artificial. Apesar de ser uma rede social bem …

Mercado de compras online pode não ser tão lucrativo quanto se pensa (e pode estar perto do fim)

Muitas pessoas provavelmente presumem que as lojas online estão a fazer uma fortuna, mas a realidade é bem diferente. Muitas atividades de comércio eletrónico são, na verdade, não lucrativas. Se as pessoas tivessem que pagar o …

Canábis já era fumada há pelo menos 2.500 anos

Uma descoberta nos túmulos do cemitério Jirzankal, no oeste da China, mostra que os povos que viviam nessa zona montanhosa já queimavam canábis com elevados níveis de THC. Uma equipa de arqueólogos encontrou pequenos artefactos de madeira …