Enteados de Maduro investigados em desvio de 1,2 mil milhões de dólares

Agencia de Noticias ANDES

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, com a primeira-dama da Venezuela, Cilia Flores

Os três enteados do presidente venezuelano Nicólas Maduro estão a ser investigados nos EUA por suspeitas de participação num esquema que desviou até 1,2 mil milhões de dólares da empresa estatal de petróleo PDVSA.

De acordo com documentos do Departamento de Justiça dos EUA, o esquema em causa utilizava o mercado negro de câmbio de moeda, a empresa estatal e um banco suíço. As investigações ganharam força nesta semana depois de um banqueiro alemão ter fechado um acordo de colaboração com as autoridades americanas.

O banqueiro, identificado como Matthias Krull, foi preso na Flórida em julho. Krull trabalhava para a filial do Panamã do banco suíço Julius Baer e revelou que tinha como clientes três enteados de Maduro, Yoswal, Yosser e Walter Flores, filhos da primeira-dama venezuelana Cilia Flores.

De acordo com as investigações, o esquema recorria às duas taxas de câmbio que vigoraram até à semana passada. Os suspeitos trocavam dólares num esquema paralelo, no qual a avaliação da moeda era muito mais alta. Depois – através do pagamento de subornos ou com a participação de membros do governo -, os envolvidos compravam novamente dólares usando a avaliação oficial, que tinha valores mais baixos.

Este esquema permitiu, em 2014, que um dos participantes usasse 10 milhões de dólares para comprar 600 milhões de bolívares no mercado paralelo. À época, a avaliação não oficial era de um dólar para 60 bolívares.

Depois, e já com acesso à avaliação oficial – que era de apenas 1 dólar para 6 bolívares – o suspeito conseguiu transformar 10 milhões em 100 milhões de dólares.

De acordo com os investigadores americanos, o esquema usava os cofres da PDVSA, que é a principal fonte para obter dólares na Venezuela e que acabava por assumir o prejuízo nas operações fraudulentas de troca de moeda.

Los Chamos

Nos documentos em investigação, os enteados de Maduro não são identificados diretamente, mas a sua participação no esquema foi confirmada pelos investigadores à agência de notícias Associated Press.

De acordo com as revelações do banqueiro, os enteados de Maduro são apelidados de Los Chamos, expressão coloquial que significa “as crianças”. De acordo com a investigação, os três arrecadaram até 184 milhões de dólares com o esquema.

O esquema conta ainda com outros participantes, que incluem funcionários do governo e membros da elite. No final de 2014, o esquema já tinha desviado 600 milhões de dólares. Em maio de 2015, o valor já tinha duplicado para 1,2 mil milhões.

O banqueiro alemão contou que foi procurado em 2016 por um dos participantes do esquema, que procurava ajuda para “lavar” os 1,2 mil milhões de dólares. Krull começou então a fazer os movimentos para ocultar o valor, que foi usado para comprar propriedades na Flórida e enviado para contas no exterior.

Essa não é a primeira vez que a família de Maduro é envolvida em investigações nos EUA. Em 2017, dois sobrinhos da primeira-dama Flores foram condenados a 18 anos de prisão pela Justiça americana por tráfico de cocaína.

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Serão estes mais um punhado de amigos que no dia em que a ditadura comunista cair na Venezuela darão à sola do país e daí a pouco tempo aparecerão possivelmente como aconteceu com os russos a investir milhões em clubes de futebol ou outras extravagâncias em países que eles chamam de capitalistas porque de facto o capital enquanto eles governam fica apenas restrito a um punhado de camaradas enquanto ao povo acontece simplesmente o que está há vista nesse país rico caído na miséria.

  2. Afinal que dizem esses idiotas retardados mentais socialistas-comunistas?!!. Como são retardados mentais, não conseguem enxergar, nem desenhado………!!!!!

    • Quem são esses?!
      Este Maduro e companhia, são apenas ditadores corruptos e loucos!
      Além disso, tal como comprova a notícia, eles estão muito mais virados para o capitalismo do que para o comunismo!…

RESPONDER

Para o Bloco, só há uma saída para vencer a crise: proteger o emprego

Para vencer a crise provocada pela pandemia de covid-19, as soluções apresentadas pelo Governo devem "responder às pessoas", considera Catarina Martins. A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, considerou este domingo que “proteger o emprego …

Nélson Semedo está a caminho do Wolverhampton

Há mais um português a caminho do Wolverhampton. Nélson Semedo deverá ser oficializado esta semana, voltando a aumentar o contingente português na equipa de Nuno Espírito Santo. Nélson Semedo está muito perto de ser anunciado como …

Plano Costa e Silva. Costa procura consensos, partidos apresentam lista de preocupações

António Costa vai receber hoje e amanhã os partidos para falar sobre o programa de recuperação da economia, com o plano de Costa Silva como ponto de partida do encontro. Os partidos já deixaram algumas pistas …

Pirlo tem plano para gerir cansaço de Cristiano Ronaldo

O novo treinador da Juventus, Andrea Pirlo, tem um plano para gerir a forma física de Cristiano Ronaldo ao longo da temporada. O internacional português tem 35 anos e cumpre a sua 19.ª temporada como …

Entre lágrimas e após três tentativas, lista dirigente de Ventura foi aprovada

O presidente do Chega conseguiu, este domingo, à terceira tentativa, a maioria de dois terços dos votos exigida para eleger a sua direção na II Convenção Nacional, em Évora. Apenas às 20h02 foram proclamados os resultados …

Marcelo é o único que resiste ao desgaste da pandemia. Governo e oposição em queda

O único que está a conseguir resistir ao desgaste político provocado pela pandemia de covid-19 é o Presidente da República, numa altura em que o PS e o PSD surgem em queda nas intenções de …

Três camisolas e uma vitória histórica. Tadej Pogacar é o vencedor do Tour

O ciclista esloveno Tadej Pogacar (UAE Emirates) venceu a 107.ª Volta a França, ao cortar a meta, nos Campos Elísios, integrado no pelotão, no final da 21.ª e última etapa conquistada pelo irlandês Sam Bennett …

Afinal, os vikings não eram loiros nem tinham olhos azuis (e também não eram da Escandinávia)

Um estudo revelou que os Vikings afinal não eram loiros nem provenientes da Escandinávia. O estudo, realizado através da análise de ADN, conclui ainda que indivíduos que não eram vikings foram enterrados como tal. Normalmente, a …

Emmys 2020: "Succession" é a série do ano, "Schitt’s Creek" e "Watchmen" em destaque

A segunda temporada de “Succession”, da HBO, venceu esta madrugada o prémio de Melhor Série Dramática na 72.ª cerimónia dos prémios Emmy, que decorreu em Los Angeles, EUA, sem público por causa da pandemia. Centrada em …

Aulas do 1.º ciclo em escola de Lisboa suspensas. Escola em Viseu fecha portas

As aulas do 1.º ciclo na escola pública das Laranjeiras, em Lisboa, foram suspensas, devido à falta de funcionários em número suficiente, já que um destes testou positivo para a covid-19. De acordo com o Agrupamento …