Engenheiros criam sensores capazes de acelerar o tempo de construção de edifícios

Em engenharia civil, o tempo que se demora para construir um edifício em altura depende muito de perceber se o andar em construção já é forte o suficiente para suportar novas cargas. Assim, um grupo de engenheiros desenvolveu sensores que são capazes de determinar a resistência do local em tempo real.

Os projetos de construção podem demorar muito tempo a serem desenvolvidos, pois muitas das vezes aguardam aprovação de entidades externas para que a obra possa avançar. Este processo atrasa muitas das vezes os trabalhos em curso.

O objetivo da Universidade de Purdue, nos EUA, é eliminar a necessidade de serem feitos testes externos intensos, permitindo que os empreiteiros da construção testem e verifiquem o estado da obra no local da mesma.

“Os nossos sensores podem ajudar a que as equipas tomem melhores decisões baseadas em dados, de forma a determinar o cronograma de construção e melhorar a qualidade da mesma”, explica Luna Lu, professora de Engenharia Civil da American Concrete Pavement Association de Purdue, num comunicado à imprensa.

“Estamos a trabalhar com empreiteiros para descobrir de que forma podemos economizar tempo, custos e recursos humanos necessários numa obra local”, refere Lu.

Os sensores desenvolvidos na Universidade de Purdue medem a resistência da plataforma que está a ser construída em tempo real, eliminando completamente a necessidade de uma curva de maturidade.

A equipe da Universidade de Purdue está a trabalhar com a F.A. Wilhelm Construction Inc. para testar e comparar a tecnologia com sensores comerciais tradicionais instalados num edifício que será o Complexo de Engenharia da Universidade.

“Os novos sensores são do tipo “plug and play”, pois podemos tirar conclusões muito rapidamente”, disse Ryan Decker, gerente de garantia de qualidade corporativa da Wilhelm.

Cerca de 12 sensores desenvolvidos pela equipa foram instalados em locais onde estão a ser desenvolvidas obras. Se tudo correr bem, a nova tecnologia irá, no futuro, poupar tempo no desenvolvimento de grandes construções em todo o mundo.

Entretanto, a equipa também está a testar os sensores em estradas do Indiana, de forma a que estes possam detetar se estas estão realmente preparadas para enfrentar o intenso tráfego de camiões.

Ana Isabel Moura Ana Moura, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Propostas anticorrupção serão aprovadas “muito em breve”

O Governo garante que já não falta muito para entregar suas propostas no parlamento, depois de Marcelo Rebelo de Sousa vincar que espera que seja em breve que os partidos cumpram as promessas de fazer …

Estalou o verniz no PS/Porto. Autarca de Paços de Ferreira recusa recandidatar-se com "este PS concelhio"

Estalou o verniz no PS/Porto. O presidente da Câmara Municipal de Paços de Ferreira, Humberto Brito, declarou que não aceitará recandidatar-se ao cargo pela terceira vez “com este PS” concelhio. De acordo com o jornal Público, …

Pode ter sido descoberto um "elo perdido" na história do alfabeto

Uma inscrição alfabética num fragmento de um jarro encontrado em Laquis (Tel Lachish), em Israel, com cerca de 3450 anos, poderá ser um "elo perdido" na história do alfabeto. "Datada do século XV A.C., esta inscrição …

Morreu Walter Mondale, ex-vice-presidente de Jimmy Carter

O ex-vice-presidente dos Estados Unidos Walter Mondale, ícone do Partido Democrata, morreu nesta segunda-feira aos 93 anos, informou a imprensa norte-americana. A imprensa, que cita um comunicado familiar, não especifica as causas da morte do ex-vice-presidente …

Vão nascer mais duas praias fluviais no Alqueva este verão

A albufeira do Alqueva vai “ganhar” duas novas praias fluviais, no próximo verão, situadas nos concelhos de Alandroal e Portel, no distrito de Évora, num investimento global superior a um milhão de euros. O projeto da …

Nova ponte que vai ligar Porto e Gaia custa 21 milhões e terá oito acessos

A obra da nova ponte rodoviária sobre o Douro custará 21 milhões de euros, oito dos quais em acessos, e o projeto de conceção e construção será lançado "muito em breve", disse o autarca …

A tinta mais branca de sempre pode ajudar na luta pelo clima

A tinta mais branca já desenvolvida até agora reflete 98.1% da luz, podendo ser uma boa aliada no combate às alterações climáticas. No ano passado, uma equipa de cientistas desenvolveu uma tinta ultra-branca que atingiu uma …

Dois milhões com primeira dose esta terça-feira. Centros de vacinação precisam de mais 1.700 profissionais

Portugal deve atingir nesta terça-feira a marca dos dois milhões de pessoas vacinadas com a primeira dose de vacina contra a covid-19, adiantou esta segunda-feira a task force responsável pelo plano de vacinação. "Estima-se que, até …

Governo quer renovar contrato do SIRESP por seis meses (mas Altice recusa-se)

O Ministério da Administração Interna vai reunir-se esta terça-feira com a Altice, a quem iria propor uma renegociação e renovação por mais seis meses do contrato que assegura o Sistema Integrado das Redes de Emergência …

Pedro Nuno quer tirar carros das estradas (e que viagens de avião com menos de 600 quilómetros desapareçam)

Esta segunda-feira, foi lançado o Plano Ferroviário Nacional (PFN) numa sessão pública organizada no LNEC-Laboratório Nacional de Engenharia Civil, que deverá estar concluído em março de 2022. Na apresentação, o ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, …