/

Enfermeira suspeita de substituir vacina por solução salina na Alemanha

As autoridades alemãs apelaram na terça-feira aos cerca de 8600 residentes de Friesland que podem ter sido afetados pela troca para levarem outra dose da vacina.

Milhares de pessoas no Norte da Alemanha vão ter de ser vacinadas novamente contra a covid-19, após uma investigação policial ter descoberto que uma enfermeira da Cruz Vermelha pode ter substituído a vacina por uma solução salina.

A enfermeira é suspeita de ter injetado solução salina em vez de doses da vacina num centro de vacinação em Friesland, uma região rural perto da costa do Mar do Norte, no início da Primavera.

As autoridades alemãs apelaram na terça-feira aos cerca de 8600 residentes que podem ter sido afetados pela troca para levarem outra dose da vacina.

“Estou totalmente chocado com este episódio”, disse Sven Ambrosy, um político local, no Facebook.

Apesar da solução salina ser inofensiva, a maioria das pessoas que foram vacinadas na Alemanha em março e abril – quando a troca em causa terá ocorrido – são idosos vulneráveis à doença.

Em conferência de imprensa, o investigador Peter Beer disse que, com base nas declarações de testemunhas, havia “uma suspeita razoável de perigo”, cita o jornal britânico The Guardian.

Os motivos da enfermeira não são claros, mas a mulher tinha revelado algum ceticismo sobre vacinas em publicações nas redes sociais, segundo a polícia.

De acordo com a emissora NDR, o caso foi entregue a uma unidade especial que investiga crimes de motivação política.

  ZAP //

 

 

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

 

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.