“Emergência arqueológica”. O degelo dos Alpes está a “libertar” artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos.

O derretimento dos glaciares dos Alpes está a “liberta” objetos que permaneceram congelados no tempo durante quase 10 mil anos, de acordo com o jornal espanhol ABC.

Embora não se regozijem com os efeitos devastadores do aquecimento global, os investigadores admitem que a situação criou “uma oportunidade” para preencher as enormes lacunas na compreensão da vida nas montanhas há vários milénios.

“Fizémos descobertas fascinantes, que abrem uma janela para uma parte da arqueologia a que normalmente não temos acesso”, explicou Marcel Cornelissen, que liderou uma expedição a um sítio mesolítico a 2.800 metros de altitude, próximo do glaciar Brunifirm, no cantão suíço oriental de Uri.

Estas descobertas mudam a teoria difundida na década de 1990 de que os homens pré-históricos dificilmente se aventuravam nas altas montanhas. Ötzi, o corpo perfeitamente preservado de um caçador de 5.300 anos descoberto em 1991 na Áustria, é considerado uma exceção.

Em vez disso, as descobertas revelaram que os Alpes foram explorados e visitados durante milénios. “Agora sabemos que as pessoas escalaram montanhas até 3.000 metros em busca de cristais e outras matérias-primas”, disse Christian auf der Maur, arqueólogo do cantão de Uri.

Na passagem Schnidejoch, nos Alpes Berneses, a uma altitude de mais de 2.700 metros, foi encontrada uma aljava de casca de bétula, feita por volta de 3.000 a.C., o que confirma a riqueza deste sítio.

Posteriormente, foram encontradas calças e sapatos de couro do mesmo caçador, além de centenas de outros objetos, alguns deles com 6.500 anos.

“É muito emocionante, porque encontrámos peças que geralmente não encontraríamos nas escavações porque o gelo os preservou”, disse a arqueóloga Regula Gubler.

Outra evidência foi obtida em setembro deste ano, um fragmento de ráfia com nós, provavelmente de há seis milénios, que parece uma cesta frágil tecida com o mesmo material descoberto no ano passado.

Por outro, se é verdade que a mudança climática é uma bênção para a descoberta destes objetos, também é verdade que enfrentam uma rápida destruição quando são novamente expostos aos elementos.

Perante a emergência, os arqueólogos contam com caminhantes e alpinistas para ajudá-los a salvar o máximo possível. “Às vezes demora muito tempo e muita sorte”, disse o arqueólogo Pierre-Yves Nicod, que organizou uma exposição sobre arqueologia glaciar há dois anos e trabalha para o Musée d’histoire du Valais em Sion.

Foi o caso da descoberta de dois caminhantes italianos, que, em 1999, se depararam com uma escultura em madeira no glaciar Arolla, a uma altitude de 3.100 metros. Era “um objeto celta que remonta à Idade do Ferro”, com mais de 2.000 anos, mas cuja função permanece inexplicada até hoje.

Para Pierre-Yves Nicod, é urgente “sensibilizar a população que pode se deparar com este tipo de peças. É uma emergência arqueológica”, insiste.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Prova cabal do aquecimento global cíclico e natural, consequência dos ciclos naturais do Sol.
    Peido de vaca o escambau !

RESPONDER

E agora, Portugal? Depois do Grupo da Morte... Bélgica, Itália, França e Espanha no quadro

Teoricamente, desta vez a seleção nacional ficou claramente do lado mais forte na fase a eliminar do Europeu. Haverá um "escaldante" Inglaterra-Alemanha nos oitavos-de-final. Muitos adeptos portugueses ainda se lembram do golo tardio, noutro jogo, que …

Parlamento Europeu aprova novo estatuto do Provedor de Justiça

O Parlamento Europeu aprovou o novo estatuto do Provedor de Justiça Europeu que vai passar a trabalhar com novas regras, podendo avançar com os próprios inquéritos, prevendo-se também no novo regulamento medidas de proteção para …

Fernando Santos: "Estava a dizer à equipa para se chegar à frente"

Explicação do selecionador nacional, que esteve muito agitado durante os últimos minutos do Portugal-França. Uma primeira parte "excelente" e uma decisão duvidosa da equipa de arbitragem que alterou o resultado perto do intervalo. Fernando Santos começou …

Alemanha 2-2 Hungria | Goretzka salva germânicos no fim

Uma Alemanha impiedosa ao atrevimento da Hungria rendeu hoje um empate a duas bolas, selando a qualificação germânica para os ‘oitavos’ do Euro2020 e a despedida dos magiares no quarto e último lugar do Grupo …

Quase 900 funcionários dos Serviços Secretos dos EUA contraíram covid-19

Aproximadamente 900 funcionários dos Serviços Secretos dos Estados Unidos (EUA) testaram positivo para o coronavírus, de acordo com registos do governo obtidos por um grupo de vigilância. De acordo com os registos, obtidos pela Citizens for …

Portugal 2-2 França | Jogo louco vale empate com sabor a oitavos

A seleção portuguesa de futebol qualificou-se hoje para os oitavos de final do Euro2020, ao empatar 2-2 com a campeã mundial França, em encontro da terceira jornada do Grupo F do Euro2020, na Puskás Arena, …

Em 2020, mais de 8.500 crianças foram usadas como soldados

De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), no ano passado, mais de 8.500 crianças foram usadas como soldados e quase 2.700 foram mortas devido à proximidade com vários conflitos existentes em todo o …

Portugal vs França: seleção empata 2-2 e está nos oitavos do Euro!

A seleção de Portugal jogou esta quarta-feira contra a França, num encontro que podia significar o apuramento para os Oitavos de Final do Euro 2020 ou o regresso a casa mais cedo e sem glória. …

Rússia nega investimento em IA para criação de microchips cerebrais

A Rússia negou as alegações de que estaria a investir em Inteligência Artificial que permitiria aos humanos controlar carros, aviões e usinas nucleares através de microchips implantados nos seus cérebros. O diário Kommersant relatou na terça-feira …

Bombeiro que socorreu a princesa Diana após o acidente revela as suas últimas palavras

Quase 24 anos depois da morte da princesa Diana, o chefe dos bombeiros que esteve no local na noite do acidente em Paris, revelou as suas últimas palavras. Amada por todo o mundo, a princesa do …