“Ajudar o presidente a encontrar mulheres”. Deputada do PSD vai enviar lista de candidatas disponíveis para as autárquicas

No sábado, o líder do PSD Rui Rio afirmou que o partido tinha dificuldade em encontrar candidatas mulheres para as eleições autárquicas. Em resposta, Lina Lopes, coordenadora das Mulheres Social-Democratas, diz que não faltam mulheres disponíveis para “ajudar o partido”.

Este sábado, no encerramento da 5.ª Academia de Formação Política para Mulheres do PSD, Rui Rio lamentou que, entre a centena de candidatos que já foram anunciados pelo partido para as autárquicas, só três sejam mulheres: Cristina Ferreira à Câmara de Penedono, Maria do Céu Quintas a Freixo de Espada à Cinta e Maria Helena Oliveira a Cantanhede.

“Hoje temos mais mulheres na política do que no passado, mas muito menos do que o desejado. Hoje conseguimos homens para a política, mas temos muito mais dificuldades em arranjar mulheres para a política e estas ações de formação têm essa utilidade adicional de conseguir captar o interesse das mulheres para a vida política”, afirmou Rio.

Segundo o líder partidário, existem ainda poucas mulheres interessadas em política. “Nós queremos ter mulheres nas listas, nós queremos dar destaque às mulheres, no entanto, batemos de frente com a realidade e há muito poucas mulheres disponíveis”, continuou.

Em resposta, de acordo com a TSF, Lina Lopes, coordenadora das Mulheres Social-Democratas, um grupo interno do PSD, já tinha respondido ao presidente do partido, afirmando ter “algumas dúvidas que não existam assim tantas mulheres que queiram estar nestes lugares”.

“São elas que efetivamente não querem participar na vida política ou são as estruturas que não as indicam?, questionou.

Nas redes sociais, a coordenadora das Mulheres Social-Democratas lançou o apelo e, esta segunda-feira, veio garantir que muitas mulheres – cerca de “20 ou 30” – já manifestaram interesse em “ajudar o partido” e “todas elas com muito bons currículos”.

Lina Lopes anunciou, em declarações à TSF, que, até ao final desta semana, será enviada uma lista com nomes de possíveis candidatas autárquicas a Rui Rio, prometendo que não vai “deixar ficar este assunto morto”.

Deputada procura candidatas através do WhatsApp

De acordo com o jornal Público, o apelo interno para recrutar candidatas às eleições autárquicas foi feito através de uma mensagem enviada através da aplicação WhatsApp, em que Lina Lopes pedia para que lhe façam chegar a disponibilidade de mulheres “interessadas em integrar listas às câmaras e juntas de freguesia”, solicitando o “nome e uma pequena nota biográfica”.

A iniciativa pretende, segundo o matutino, “ajudar o presidente [Rui Rio] a encontrar mulheres” porque “provavelmente têm-lhe dito que não existem”.

Lina Lopes incentiva as eventuais candidatas a assumirem se consideram “estar em condições de serem presidentes de juntas” e as “razões porque consideram que seriam uma excelente presidente de junta”, recordando que “há 40% de quotas” e que “têm de ser incluídas mulheres”.

A coordenadora nacional das Mulheres Social-Democratas, que é apoiante de Rui Rio, solicitou que as indicações lhe cheguem durante esta semana por e-mail, de forma a “enviar para o presidente até sábado”.

Maria Campos Maria Campos, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Não acredito que com tantas mulheres no PPD que não encontrem mulheres para candidatas ás Autarquias, ou será que o Rui Rio não quer mulheres mas sim marionetas que façam o que os Rui Rio mandar?

RESPONDER

Já pode "adotar" um pedaço de Notre-Dame para ajudar na sua reconstrução

Uma organização está a dar a oportunidade de o público ajudar na reconstrução de artefactos específicos da catedral de Notre-Dame, em França, que foi parcialmente destruída por um incêndio em 2019. De acordo com a cadeia …

Proporção divina identificada na gerbera

Descobrir como se formam os padrões distintos e omnipresentes das cabeças das flores tem intrigado os cientistas há séculos. Quando se pede a alguém que desenhe um girassol, quase todas as pessoas desenham um grande círculo …

Audi apresenta o novo Q4 e-tron que traz uma autonomia até 520 km

Ainda antes do verão, a Audi vai colocar no mercado o seu primeiro SUV elétrico concebido de raiz e não adaptado a partir de uma plataforma concebida para motores a combustão. O Q4 e-tron destaca-se pela …

Vanuatu em alerta depois de um corpo com covid-19 ter dado à costa

Vanuatu proibiu viagens de e para a sua principal ilha três dias depois de ter dado à costa um corpo de um pescador filipino, que testou positivo à covid-19. De acordo com a Radio New Zealand, …

Cientistas russos querem criar a primeira vacina comestível contra a covid-19

O Instituto de Medicina Experimental de São Petersburgo, na Rússia, anunciou o seu plano de concluir dentro de um ano os testes pré-clínicos da primeira vacina comestível do mundo contra o novo coronavírus. Em entrevista à …

Em plena crise política, o país mais pobre das Américas ainda não recebeu nenhuma vacina

Numa altura em que a maior parte dos países já têm o processo de vacinação a decorrer, o governo do Haiti ainda não garantiu uma única dose da vacina contra o coronavírus. O país mais pobre …

Afinal, Leonardo da Vinci não esculpiu o busto de Flora

Está terminada a controvérsia que durou mais de cem anos após a aquisição do Busto de Flora em 1909, por Wilhelm von Bode. A datação por radiocarbono revelou, recentemente, que a obra não foi …

Crise climática "implacável" intensificou-se em 2020, diz relatório da ONU

Houve uma intensificação "implacável" da crise climática em 2020, com a queda temporária nas emissões de carbono devido ao confinamento a ter um impacto pouco significativo nas concentrações de gases de efeito de estufa, revelou …

Já se sabe o que causou a misteriosa "tempestade de asma", que vitimou dez pessoas em 2016

Em 2016, na cidade de Melbourne, aconteceu o evento de "tempestade de asma" mais grave do mundo. Os cientistas descobriram agora o culpado. No dia 21 de novembro de 2016, as urgências de um hospital em …

Carlos César reivindica papel do PS na construção da democracia e no combate à corrupção

O presidente do PS defendeu, esta segunda-feira, que se deveu ao seu partido o aprofundamento da democracia e os avanços no combate à corrupção, embora admitindo desvios", "erros" e "omissões num ou outro momento da …