Elon Musk e Google querem Internet no espaço para todo o planeta

OnInnovation / Flickr

Elon Musk, o bilionário visionário fundador do PayPal, Tesla e SpaceX

Elon Musk, o bilionário visionário fundador do PayPal, Tesla e SpaceX

O visionário empresário Elon Musk, responsável pela fabricante de foguetes SpaceX, acredita que a forma mais barata de fazer chegar a Internet a zonas remotas do mundo não é através de drones, mas através do espaço.

A ideia de Elon Musk, fundador do PayPal, da Tesla e da SpaceX, parece estar a deixar as grandes empresas entusiasmadas com a possibilidade de fornecer Internet a todo o mundo, chegando assim, a milhões de pessoas.

A Google vai mesmo investir mil milhões de dólares, juntamente com a Fidelity, financiando a produção de satélites da SpaceX.

A informação foi divulgada pelo The Information e pelo The Wall Street Journal, que noticiam que as duas empresas terão uma participação de 10% no negócio, apesar de a SpaceX ter conseguido arrecadar apenas 245,5 milhões de dólares de investidores, de acordo com informação do CrunchBase.

De acordo com fontes próximas da Google, o negócio pode vir a representar mais de dez mil milhões de dólares, com a possibilidade de aumentar ainda mais, depois de uma ronda de investimentos.

A SpaceX tem vindo a desenvolver foguetes para as viagens espaciais, com o intuito de baixar os preços destas deslocações. Tem vários investidores, onde se incluem empresas como a Valor Equity Partners ou a Draper Fisher Jurvetson.

O projeto de Internet a partir do espaço foi anunciado a semana passada e passa por colocar satélites em órbita, criando assim uma rede global de Internet com baixos custos. Difundindo a partir do espaço, é possível ter acesso à Internet em zonas remotas de países em desenvolvimento, onde o acesso à rede ainda não é possível.

A vantagem desta rede a partir do espaço reside na velocidade da luz, que permite que viaje até 40 por cento mais depressa no vácuo, entre os satélites, ultrapassando a fibra ótica que liga países e continentes, na Terra.

Assim, com a rede de satélites – a 1200 quilómetros de altitude – é possível passar a informação de uma forma mais rápida, com a vantagem dos custos que, na teoria, serão mais baixos do que implementar redes terrestres em pontos remotos do globo.

O fornecimento de Internet a todo o planeta tem sido uma preocupação de grandes empresas, como é o caso do Facebook e do Google, que manifestaram intenção de investir nos drones como uma forma de dar acesso à Internet às áreas mais inóspitas do mundo.

// B!T

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Que brincadeira… Velocidade da Luz… Ou quem escreveu a notícia não sabe do que fala ou então o Elon Musk anda a delirar. O problema do espaço aberto é que é um meio partilhado e como tal não há separação física das ondas electro-magnéticas. Além disso as distâncias espaciais introduzem uma grande latência que torna certos casos de uso impraticáveis.

RESPONDER

Google paga prémios até centenas de milhares de euros para descobrir bugs

A Google aumentou o valor dos prémios que oferece a quem descobrir bugs nos seus produtos e serviços. Alguns dos prémios podem mesmo chegar aos milhares de euros. Ganhar dinheiro ao descobrir bugs é algo desconhecido …

Identificado suspeito do incêndio no estúdio de animação no Japão. Queixa-se de plágio

Esta quinta-feira, um incêndio no estúdio de animação KyoAni provocou 33 mortos e 35 feridos. Confirmadas as suspeitas de que o desastre resultara de fogo posto e que o autor usara gasolina para propagar as …

Nunca ninguém mandou tanto tempo como Benjamin Netanyahu

Benjamin Netanyahu foi o primeiro chefe de Governo de Israel a nascer no país — em Telavive, a 21 de outubro de 1949, um ano após a criação do Estado.  Foi também o primeiro-ministro mais …

Vulcão Etna acordou e entrou de novo em erupção

O Etna voltou a acordar lançando lava de uma das crateras localizadas na área desértica do topo do vulcão siciliano, de acordo com o Instituto Nacional Italiano de Geofísica e Vulcanologia (INGV). A atividade é intermitente …

Agência Europeia para a Segurança da Aviação alerta para limitações dos Airbus 321neo

A Agência Europeia para a Segurança da Aviação (EASA) publicou na passada quarta-feira um estudo sobre um problema nos Airbus 321neo que pode dar origem a uma “redução do controle do avião”. O documento alerta todas as …

Carlos Vinícius por 17 milhões no Benfica. É o terceiro reforço mais caro das águias

O Benfica anunciou hoje como reforço o avançado brasileiro Carlos Vinícius, que assina por cinco temporadas, com o clube "encarnado" a pagar 17 milhões de euros ao Nápoles pela transferência. Os encarnados confirmaram a contratação do …

"Acharam que era empregado de mesa". Deputado Hélder Amaral denuncia racismo no Parlamento Europeu

O deputado do CDS-PP Hélder Amaral revela que foi vítima de racismo no Parlamento Europeu. O único deputado afro-descendente com assento parlamentar refere que "acharam que era empregado de mesa". Esta revelação foi feita por Hélder …

Há mais cinco dias para pagar o IVA (e mais mudanças noutros impostos)

Os deputados aprovaram esta sexta-feira, a proposta do Governo que altera diversos códigos fiscais, entre os quais mais cinco dias para o pagamento do IVA e eliminação de garantia para dívidas mais baixas de …

Deputado vai ser testemunha no caso do incêndio de Monchique. Mas não conhece o arguido

O deputado social democrata Cristóvão Norte vai testemunhar em defesa do suspeito do crime de incêndio, que deflagrou em Monchique em 2018, mas não conhece o arguido nem a sua advogada. O deputado foi um dos …

"Sozinhos e perdidos nas contas". O filme da direita segundo Centeno

O tempo das derrapagens e dos orçamentos retificativos pertence ao passado, defendeu, este sábado, o ministro das Finanças, Mário Centeno, considerando que PSD e CDS-PP estiveram na presente legislatura "sozinhos e perdidos nas contas". Estas críticas …