Parlamento Europeu analisa eventuais conflitos de interesses de Elisa Ferreira

A comissária portuguesa vai gerir a pasta que integra os fundos distribuídos pelo marido, presidente da CCDRN. Eurodeputados falam em conflito de interesses.

A Comissão de Assuntos Jurídicos do Parlamento Europeu (PE) está reunida em Estrasburgo, esta manhã, para analisar “potenciais conflitos de interesses” dos comissários designados pela nova presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, no passado dia 10 de setembro.

Segundo o jornal Público, na véspera desta reunião, a eurodeputada francesa eleita pelo partido Os Verdes, Marie Toussaint, já tinha indicado quais eram as seis nomeações em causa, entre as quais está Elisa Ferreira.

Em causa está o facto de a comissária europeia, indigitada para a pasta da Coesão e Reformas, ir tutelar fundos distribuídos pelo marido Fernando Freire de Sousa, que é presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDRN).

De acordo com este jornal, o CCDRN é uma das entidades responsáveis pela aplicação dos fundos estruturais, sendo que a região Norte é uma das que recebe a maior fatia dos fundos em solo português.

No Twitter, Toussaint referiu ainda que a portuguesa era vice-governadora do Banco de Portugal numa altura em que a Caixa Geral de Depósitos (CGD) estava na mira do BdP por ter financiado o projeto de uma empresa cujo vice-presidente era o seu marido.

Segundo o ECO, a eurodeputada francesa referia-se à empresa La Seda de Barcelona que, em 2006, começou a sua ligação ao grupo espanhol na Artlant, em Sines, e que veio a custar mais de 250 milhões de euros à CGD.

Fontes europeias avançaram ao Observador que Elisa Ferreira não passa à primeira na Comissão de Assuntos Jurídicos do PE porque os deputados têm dúvidas relativamente a ações que tem no grupo Sonae, empresa que já recebeu fundos comunitários e que está inscrita como lobista em Bruxelas.

O jornal online escreve que a nomeação final da comissária não estará em causa, uma vez que bastará vender as 15 mil ações (no valor de 13.065 euros) para acabar com a situação de incompatibilidade.

Sobre a questão do marido, o Observador sabe ainda que os eurodeputados consideraram não haver um conflito de interesses, uma vez que é “funcionário público”, logo, nunca estaria em causa o benefício a título pessoal.

Os eurodeputados vão fazer um “pedido de esclarecimento adicional” à ex-eurodeputada socialista e a sua aprovação ficará condicionada pelas justificações que irá dar. Se tudo correr como previsto, Elisa Ferreira deverá ter a audição final na primeira semana de outubro.

Os restantes cinco comissários que estão na mira do PE por eventuais conflitos de interesses são o húngaro Laszlo Trocsanyi (Política de Vizinhança e Alargamento), a romena Rovana Plumb (Transportes), a francesa Sylvie Goulard (Mercado Interno), o belga Didier Reynders (Justiça) e o polaco Janusz Wojciechowski (Agricultura).

Se alguns dos comissários indigitados não forem aprovados pelos eurodeputados, poderão ser agendadas audições adicionais na semana de 14 de outubro, antes de o PE se pronunciar em definitivo relativamente ao conjunto do colégio, o que deverá acontecer a 22 de outubro.

Elisa Ferreira poderá ser a primeira mulher portuguesa a integrar o Executivo comunitário desde a adesão de Portugal à União Europeia e sucederá a Carlos Moedas, comissário que teve a seu cargo a pasta da Investigação, Ciência e Inovação.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Isto com o PS parece que é sempre tudo em família. É negócios com empresas de familiares, é pais e filhos no conselho de ministros, é secretários de estado familiares de ministros… E depois ainda há o César que tem lá a família toda a avaliar por aquilo que é referido na imprensa.
    No meio de tudo isto ainda “apagaram” a Sandra Felgueiras que com o sexta às nove era pouco conveniente, lançaram o ministério público contra o sindicado dos transportes…
    E por último temos as golas. Mais um belo negócio para o nosso dinheiro. E uma vez mais ficou tudo em família. Já cheira mal. Chega!

RESPONDER

Marcelo promulga Estatuto do Antigo Combatente e veta alterações ao direito de petição

O Presidente da República promulgou o novo Estatuto do Antigo Combatente, aprovado por larga maioria no parlamento em 23 de julho, desejando tratar-se de “o início de um caminho” e não “o seu termo”. Em nota …

O céu de Wuhan iluminou-se com 400 drones para homenagear a população

O céu de Wuhan, cidade chinesa onde se pensa ter surgido o novo coronavírus, em dezembro de 2019, foi iluminado, este domingo, com 400 drones para homenagear os habitantes. De acordo com o vídeo da CGTN, …

Vila do Conde revela que tem 173 casos ativos no concelho

A Câmara de Vila do Conde, do distrito do Porto, revelou esta quarta-feira que existem 173 casos ativos de covid-19 no concelho e que já está em marcha um plano de apoio à população, assim …

Descarrilamento de comboio na Escócia faz pelo menos três mortos

Três pessoas morreram e seis ficaram feridas em consequência do descarrilamento de um comboio de passageiros na Escócia, anunciou a polícia escocesa, citada pela agência Lusa. O acidente ocorreu 160 quilómetros a nordeste de Edimburgo. Numa primeira …

Temido garante que "não haverá exceções" para o Avante (e pede cautela com vacina russa)

A ministra da Saúde defendeu esta quarta-feira que a lotação da Festa do Avante!, organizada pelo PCP, terá este ano que ser inferior à capacidade máxima de 100 mil pessoas do recinto no Seixal, por …

Trump pondera impedir entrada de residentes suspeitos de exposição à covid-19

A Administração norte-americana está a ponderar barrar a reentrada no país a cidadãos norte-americanos ou residentes legais suspeitos de terem sido expostos ao novo coronavírus. De acordo com o Jornal Económico, que cita o jornal New …

Pelo menos 42 feridos em Beirute em confrontos entre polícia e manifestantes

Pelo menos 42 pessoas ficaram feridas, esta terça-feira, em confrontos entre manifestantes e a polícia, pelo quarto dia consecutivo, nas proximidades do Parlamento em Beirute. De acordo com a Cruz Vermelha libanesa, dos pelo menos 42 …

ONU envia ajudas para estabilizar falta de alimentos no Líbano

A Organização das Nações Unidas já começou a ajudar o Líbano, através do envio de farinha de trigo. O objetivo é começar a colmatar a falta de alimentos destruído pelas explosões. Segundo o The Washington Post, …

Mais três mortes e 278 novos casos. Infeções aumentam no Norte

Portugal tem atualmente 12.519 casos ativos de covid-19 e 161 surtos, circunstâncias em que os casos ativos estão ligados a um fenómeno comum, anunciou esta quarta-feira a ministra da Saúde em conferência de imprensa. Esses surtos, …

Oito bebés em Portugal têm a mesma doença que Matilde (e já tomaram o medicamento mais caro do mundo)

Em Portugal, há oito bebés com até 2 anos que já tiveram autorização para tomar Zolgensma, o medicamento mais caro do mundo que pode ser a esperança para os casos de Atrofia Muscular Espinhal. O Jornal …