Parlamento Europeu analisa eventuais conflitos de interesses de Elisa Ferreira

A comissária portuguesa vai gerir a pasta que integra os fundos distribuídos pelo marido, presidente da CCDRN. Eurodeputados falam em conflito de interesses.

A Comissão de Assuntos Jurídicos do Parlamento Europeu (PE) está reunida em Estrasburgo, esta manhã, para analisar “potenciais conflitos de interesses” dos comissários designados pela nova presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, no passado dia 10 de setembro.

Segundo o jornal Público, na véspera desta reunião, a eurodeputada francesa eleita pelo partido Os Verdes, Marie Toussaint, já tinha indicado quais eram as seis nomeações em causa, entre as quais está Elisa Ferreira.

Em causa está o facto de a comissária europeia, indigitada para a pasta da Coesão e Reformas, ir tutelar fundos distribuídos pelo marido Fernando Freire de Sousa, que é presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDRN).

De acordo com este jornal, o CCDRN é uma das entidades responsáveis pela aplicação dos fundos estruturais, sendo que a região Norte é uma das que recebe a maior fatia dos fundos em solo português.

No Twitter, Toussaint referiu ainda que a portuguesa era vice-governadora do Banco de Portugal numa altura em que a Caixa Geral de Depósitos (CGD) estava na mira do BdP por ter financiado o projeto de uma empresa cujo vice-presidente era o seu marido.

Segundo o ECO, a eurodeputada francesa referia-se à empresa La Seda de Barcelona que, em 2006, começou a sua ligação ao grupo espanhol na Artlant, em Sines, e que veio a custar mais de 250 milhões de euros à CGD.

Fontes europeias avançaram ao Observador que Elisa Ferreira não passa à primeira na Comissão de Assuntos Jurídicos do PE porque os deputados têm dúvidas relativamente a ações que tem no grupo Sonae, empresa que já recebeu fundos comunitários e que está inscrita como lobista em Bruxelas.

O jornal online escreve que a nomeação final da comissária não estará em causa, uma vez que bastará vender as 15 mil ações (no valor de 13.065 euros) para acabar com a situação de incompatibilidade.

Sobre a questão do marido, o Observador sabe ainda que os eurodeputados consideraram não haver um conflito de interesses, uma vez que é “funcionário público”, logo, nunca estaria em causa o benefício a título pessoal.

Os eurodeputados vão fazer um “pedido de esclarecimento adicional” à ex-eurodeputada socialista e a sua aprovação ficará condicionada pelas justificações que irá dar. Se tudo correr como previsto, Elisa Ferreira deverá ter a audição final na primeira semana de outubro.

Os restantes cinco comissários que estão na mira do PE por eventuais conflitos de interesses são o húngaro Laszlo Trocsanyi (Política de Vizinhança e Alargamento), a romena Rovana Plumb (Transportes), a francesa Sylvie Goulard (Mercado Interno), o belga Didier Reynders (Justiça) e o polaco Janusz Wojciechowski (Agricultura).

Se alguns dos comissários indigitados não forem aprovados pelos eurodeputados, poderão ser agendadas audições adicionais na semana de 14 de outubro, antes de o PE se pronunciar em definitivo relativamente ao conjunto do colégio, o que deverá acontecer a 22 de outubro.

Elisa Ferreira poderá ser a primeira mulher portuguesa a integrar o Executivo comunitário desde a adesão de Portugal à União Europeia e sucederá a Carlos Moedas, comissário que teve a seu cargo a pasta da Investigação, Ciência e Inovação.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Isto com o PS parece que é sempre tudo em família. É negócios com empresas de familiares, é pais e filhos no conselho de ministros, é secretários de estado familiares de ministros… E depois ainda há o César que tem lá a família toda a avaliar por aquilo que é referido na imprensa.
    No meio de tudo isto ainda “apagaram” a Sandra Felgueiras que com o sexta às nove era pouco conveniente, lançaram o ministério público contra o sindicado dos transportes…
    E por último temos as golas. Mais um belo negócio para o nosso dinheiro. E uma vez mais ficou tudo em família. Já cheira mal. Chega!

RESPONDER

Gabinetes dos novos membros do Governo custam 71 milhões de euros

O novo Governo terá 70 gabinetes no total, que representarão uma despesa anual de, pelo menos, 71 milhões de euros aos cofres públicos, mais sete milhões de euros do que o último. O primeiro-ministro, António Costa, …

Fim do cessar fogo na Síria. Turquia ameaça que milicianos curdos no terreno serão abatidos

O período de cessar-fogo de 120 horas acordado entre a Turquia e os Estados Unidos (EUA) para permitir que as milícias curdas saiam do nordeste da Síria termina esta terça-feira, pelas 19:00 (20:00 em Lisboa), …

Ministro adjunto cabo-verdiano encontrado morto no gabinete

O ministro adjunto do primeiro-ministro de Cabo Verde para a Integração Regional, Júlio Herbert, foi encontrado morto, esta segunda-feira, no seu gabinete, no Palácio do Governo, na Praia, confirmou fonte governamental. Elementos da Polícia Nacional cabo-verdiana …

"Risco de desvio significativo" nas contas do Governo. Bruxelas com reservas sobre esboço do OE2020

A Comissão Europeia (CE) pediu esta terça-feira ao Governo português que apresente uma versão atualizada do projeto orçamental para 2020 “tão cedo quanto possível”, observando que o ‘esboço’ recebido aponta para o risco de um …

Goldman Sachs. Funcionário acusado de divulgar informação em troca de dinheiro

Bryan Cohen, vice-presidente de um dos departamentos do Goldman Sachs, foi acusado de tirar proveito de um esquema que gerou alegadamente cerca de 2,3 milhões de euros em lucros ilegais. Nos últimos 18 meses, dois funcionários …

Encontrada carruagem romana milenar com restos fósseis dos cavalos

Uma equipa de arqueólogos do Museu da Cidade de Vinkovci e do Instituto da Arqueologia de Zagreb, na Croácia, encontrou uma carruagem romanda de duas rodas com os corpos fossilizados de dois cavalos. Os especialistas consideram …

Caos no Chile. Governo anula aumento do preço do metro que iniciou protestos

O Governo do Chile anulou esta segunda-feira o aumento do preço dos bilhetes do metropolitano, depois de a medida ter provocado violentos protestos que se generalizaram no país. Esta terça-feira, com apenas uma linha do metro …

Deputado do PSD apela a Marcelo a que não dê posse a Cabrita até bombeiros receberem pagamentos em atraso

O deputado do PSD Duarte Marques, que costuma tratar dos assuntos da Proteção Civil, apelou esta segunda-feira ao Presidente da República par não dê posse ao ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, enquanto o Estado …

Cientistas "ressuscitaram" o gene que fez nascer a malária

O gene ancestral que fez nascer a doença mais mortal da História foi "ressuscitado" por cientistas, para que lhes fosse possível perceber a série de eventos que levou o parasita da malária a infetar humanos. A …

Governo anuncia acordo para dívida do sistema de ação social dos militares

Os ministérios da Defesa Nacional e das Finanças assinam “até ao final da semana” um acordo para a regularização de dívidas do Instituto de Ação Social das Forças Armadas (IASFA) aos prestadores de saúde, foi …