El Mundo descobre português procurado pela Interpol em Luanda

(dr) Kuku Nzamba / El Mundo

Guilherme Taveira Pinto, o português procurado pela Interpol e pela justiça espanhola, agora descoberto pelo jornal El Mundo em Luanda

Guilherme Taveira Pinto, o português procurado pela Interpol e pela justiça espanhola, agora descoberto pelo jornal El Mundo em Luanda

O jornal espanhol faz manchete, este sábado, com o caso de um portugês, fugido à justiça espanhola e procurado pela Interpol, que vive tranquilamente em Angola.

Guilherme Taveira Pinto, o português de 62 anos, que também tem passaporte angolano, é acusado de um desfalque de dezenas de milhões de euros, que o jornal descobriu em Luanda, protegido pelas autoridades angolanas, “onde vive tranquilo, sabendo que não o irão deportar”, e publica na primeira página do jornal uma fotografia do fugitivo numa rua da capital angolana.

O El Mundo explica que o português era um “agente local” em Luanda da empresa pública responsável por todos os comércios de armas em Espanha, Defex, embora vivesse em Lisboa, quando esta realizou um negócio “ruinoso” em Angola para os cofres públicos espanhóis.

Espanha devia ter vendido armas à polícia de Luanda por 153 milhões, “mas aproximadamente 100 milhões desapareceram e só chegou ao destino metade da mercadoria”.

O papel do português terá sido o de “contactar com as pessoas adequadas” em Angola para conseguir a adjudicação do contrato, mas teria também tido um papel essencial na distribuição dos alegados subornos, que estão a ser investigados pela justiça espanhola.

Segundo as fontes do diário espanhol, o fugitivo era “o homem para tudo” das empresas espanholas que tinham negócios em Angola e os seus contactos com “gente do Governo” angolano eram “bem conhecidos”, assim como a boa relação que tinha com o Ministério do Interior espanhol.

O português ainda chegou a ser interrogado pela justiça luxemburguesa, em 12 de março de 2014, sobre a origem de 41 milhões de euros transferidos de Angola, mas quando a polícia portuguesa o foi deter, em julho desse ano, na sua casa nos arredores de Lisboa, em Linda-a-Velha, já não o encontrou.

Nessa altura, foi passada uma ordem internacional de detenção enviada à Interpol pelo juiz espanhol responsável pela instrução do caso.

Os jornalistas responsáveis pela investigação tinham alguns indícios sobre a presença do fugitivo em Luanda e enviaram um fotógrafo que o localizou na capital angolana e que tirou as fotografias que publicam, a prova da sua presença nessa capital africana.

Para o diário espanhol, o português vive em Luanda desde que saiu apressadamente de Portugal e não teme a possibilidade de extradição, visto que Angola não tem assinado um convénio de extradição com Espanha.

Bom Dia

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. E com Portugal, Angola também não tem assinado um convénio de extradição? É que cá também era e é procurado.
    Agarrem este fugitivo e faça-se justiça.

RESPONDER

Costa deve remodelar o Governo em outubro (e "Eduardo Cabrita vai sair nessa ocasião")

No seu habitual espaço de comentário na SIC, Luís Marques Mendes antecipou que António Costa se prepara para fazer uma remodelação do Governo após as eleições autárquicas. O conselheiro de Estado disse também que o …

Ataque mais mortífero. Aviões israelitas lançam novos ataques em Gaza

Este domingo foi o dia mais mortal do conflito. O exército israelita voltou a fazer dezenas de ataques na Faixa de Gaza, enquanto grupos armados disparavam foguetes contra Israel. Este domingo, ataques aéreos israelitas à cidade …

Dos ecossistemas à economia. Vespas são mais importantes do que se pensa

As vespas trazem grandes benefícios para os ecossistemas, a nossa saúde e até a economia mundial, mostra um novo estudo feito por investigadores britânicos. Ao ver uma vespa, o instinto da grande maioria das pessoas é …

Portugal com um recorde de 200 mil vacinados este fim-de-semana

A task force que coordena o programa de vacinação contra a covid-19 em Portugal previu que este fim-de-semana tenham sido vacinadas 200 mil pessoas. "De acordo com dados provisórios, neste fim-de-semana foram, até às 18h00, …

Gases de efeito de estufa estão a fazer encolher a estratosfera

Um novo estudo mostra que as enormes emissões de gases de efeito de estufa estão a fazer encolher a estratosfera. Tal como explica o jornal The Guardian, os investigadores descobriram que a espessura desta camada atmosférica …

Morreu Luís Nunes da Ponte, fundador do PS

Luís Nunes da Ponte morreu aos 75 anos. O PS manifestou “profundo pesar” e agradeceu o seu trabalho “em prol da luta pela liberdade e pela democracia”. Luís Nunes da Ponte, um dos fundadores do PS, …

Caçador de planetas. NASA espera que o telescópio Roman encontre 100 mil novos mundos

A missão do telescópio espacial Roman da NASA - que será lançado em meados da década de 2020 - deve encontrar pelo menos 100 mil novos exoplanetas, dizem astrónomos. Desde a década de 1990, foram descobertos …

Robôs "burros" trabalham em conjunto para realizar tarefas complexas

Uma nova pesquisa mostra que, ao mesmo tempo que aumentam as interações magnéticas, um enxame de robôs dispersos, chamados BOBbots, pode reunir-se em aglomerados compactos para realizar tarefas complexas. Fazer com que um enxame de robôs …

O uso doméstico de carvão na China resulta em mortes prematuras

Um novo estudo indica que, na China, a poluição da queima de carvão residencial causa um número desproporcional de mortes prematuras por exposição a poluentes minúsculos inaláveis, conhecidos como PM2.5. A combustão do carvão por centrais …

Estudo alerta para níveis preocupantes de produtos químicos tóxicos no leite materno

Um novo estudo, que analisou o leite materno de mulheres americanas quanto à contaminação por PFAS, detetou o produto químico tóxico em todas as 50 amostras testadas, e em níveis quase 2.000 vezes mais altos …